Login:             Não possui cadastro? Clique aqui
Home | Apresentação | Quem sou | Meu trabalho | Livros | Crônicas & Poesias
Auto-cura | Cadastre-se | Atividades e Palestras | Imprensa | Contato | Links
English Version

Assine minha e-news e descubra, sem nenhum custo, como atrair a prosperidade que sonha.
clique para comprar
clique para comprar
Siga-nos no Facebook!Siga-nos no Twitter!
< Voltar à listagem dos posts
17/02/2011 08:27:06
O Universo Cíclico
Tag: Texto



Após passar sete dias no mar e ter a oportunidade de apreciar a natureza em toda a sua exuberância pensei que seria muito triste se o mundo, realmente, acabasse em 2012: rumores que rondam os nossos ouvidos nos últimos tempos.

Por que haveríamos de ser, de certa forma, os privilegiados da última geração a desfrutar maravilhas como, por exemplo, as águas verdes e transparentes do mar do Caribe com peixes ornamentais de beleza única?
Um arrepio frio percorreu a minha coluna enquanto mergulhei no oceano dos meus pensamentos. A majestosa proa do navio seguia em direção ao horizonte que parecia rescindir como uma miragem, hora verdadeira, hora fruto da minha imaginação e criação. Respirei fundo e vasculhei a minha mente em busca de respostas sobre o dia do amanhã.

Vivemos o final dos tempos e não do mundo! O amanhã será o início de um novo ciclo e, segundo muitos estudiosos e antigas tradições, o que estamos vivendo hoje é uma espécie de hiato no tempo. O ano de 2011 é um marco importante dessa lacuna da existência humana e terrestre. O mundo, como nós o conhecemos, cederá lugar ao nascimento de uma nova era, e a nós será dada a oportunidade de escolher. Como integrantes do universo em constante transformação seremos livres para escolher como desejamos nascer para o novo período. Pela primeira vez seremos capazes de acessar e manipular o DNA do nosso próprio nascimento, tamanho é o peso e a importância dos tempos em que vivemos.

O ano de 2011 brilha como uma estrela cadente anunciando a chegada do novo messias. Mas para haver nascimento é preciso morrer o velho e remover o asco que restou da existência de 5.125 anos, quando a terra e o nosso sistema solar atingirão um ponto das suas jornadas nos céus que marca o final de um ciclo. Aparentemente, antigas civilizações que viveram antes de nós sabiam que chegaríamos ao final dos tempos. Deixaram registros e datas. Por quê? Porque foi sempre assim e, provavelmente, sempre será. Segundo ótica cíclica do universo.

Felizmente voltei ao porto! Embora a sensação de estar no mar tenha permanecido por quase uma semana, os giros mentais encontraram, finalmente, a âncora. Ao mesmo tempo em que me sinto pequena demais para compreender todos os mistérios da vida, sei também que não estou só em meus questionamentos. Vejo que existe uma inquietação a nível mundial e intuímos que algo muito grande esta por vir.

Não precisamos olhar para a história ou para o registro de outros tempos para perceber que vivemos num mundo muito diferente daquele dos nossos antepassados, e me refiro apenas aos últimos cinqüenta anos. As mudanças climáticas, o esgotamento dos recursos naturais e a explosão demográfica em que vivemos nos sinalizam a urgência da mudança: Mudança de atitude e de visão. Somos partes de um todo único e orgânico. Isolados e ocupados com o próprio ego criamos o desequilíbrio. Agora é chegada a hora de nos unirmos para a nossa própria sobrevivência. Pense nisso, e venha partilhar a sua idéia comigo acessando o site www.rosannemartins.com.br.

Rosanne Martins


PS: No próximo dia 23 de fevereiro, quarta-feira, às 15 horas, estarei no Espaço Social Ultrafarma (Rua Isaias Salomão, 100 – Saúde), com a palestra “Defina a vida que deseja e crie um plano para conquistá-la”.

Tenha uma excelente semana!
Abraços,
Rosanne
Video Graphos Home | Apresentação | Quem sou | Meu trabalho | Livros | Crônicas & Poesias
Auto-cura | Cadastre-se | Atividades e Palestras | Imprensa | Contato | Links

English version
© 2018 Rosanne Martins - Direitos Reservados