Login:             Não possui cadastro? Clique aqui
Home | Apresentação | Quem sou | Meu trabalho | Livros | Crônicas & Poesias
Auto-cura | Cadastre-se | Atividades e Palestras | Imprensa | Contato | Links
English Version

Assine minha e-news e descubra, sem nenhum custo, como atrair a prosperidade que sonha.
clique para comprar
clique para comprar
Siga-nos no Facebook!Siga-nos no Twitter!
Listagem dos posts:

02/04/2014: Novo Programa Na Inteligência do Seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde Sem Remédios

02/04/2014: Conteúdo do Programa de Coaching Abril/2014

24/03/2014: Artrite Reumatóide - A Importância de Procurar a Cura para a Doença Incurável

14/03/2014: Na verdade o trigo moderno não é trigo!

14/03/2014: Artrite Reumatóide – Os alimentos tratam e podem curar!

11/09/2013: Apenas 24 horas!

05/09/2013: Audio - Rosanne Martins

03/08/2013: Na Inteligência do seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde Sem Remédios

10/07/2013: Hoje é Dia da Pizza e eu sou Celíaca

11/06/2013: O que você não sabe ou reconhece pode prejudicar a sua saúde - Eu era Celíaca e não sabia!

11/06/2013: A INTELIGÊNCIA SUPERIOR DA RAÇA HUMANA

02/06/2013: 12 de Junho – Dia dos Namorados, do Comércio ou do Amor?

13/05/2013: O QUE VOCÊ NÃO SABE OU RECONHECE PODE PREJUDICAR A SUA SAÚDE - Eu era Celíaca e não sabia!

25/04/2013: No dia das Mães - Um Alerta

27/03/2013: Dia da Mentira ou dos Tolos

26/03/2013: Saúde em Cápsulas

04/02/2013: E a saúde, como vai?

24/01/2013: COMECE 2013 COM O PE DIREITO

14/12/2012: TV Mogi News: Rosanne Martins comenta sobre o possível fim do mundo e desafios e metas para 2013 (Parte 1)

14/12/2012: TV Mogi News: Rosanne Martins comenta sobre o possível fim do mundo e desafios e metas para 2013 (Parte 2)

14/12/2012: TV Mogi News: Rosanne Martins comenta sobre o possível fim do mundo e desafios e metas para 2013 (Parte 3)

12/12/2012: PROMOÇÃO DE NATAL - REALIZE O SEU SONHO EM 2013

01/12/2012: MEU PLANO DE METAS PARA O PRÓXIMO ANO

28/11/2012: CINCO PRINCÍPIOS PARA VOCÊ ATRAIR O SUCESSO EM...

07/11/2012: Dia de Agradecer

18/10/2012: Just TV – Esquina da Cultura – 17/10/2012

18/10/2012: Just TV – Esquina da Cultura – 17/10/2012

01/10/2012: Como Manter a Saúde num Mundo Poluído?

20/09/2012: Entrevista Super Rádio Tupi

05/09/2012: Crise silenciosa

26/06/2012: Sonhadas Férias

25/06/2012: PARABÉNS VISKASE BRASIL

30/05/2012: Rosanne Martins na Jovem Pan Online

29/05/2012: COMO ENFRENTAR JUNTO COM SEU PARCEIRO AS ADVERSIDADES DA VIDA

29/05/2012: Workshops para Visão

16/05/2012: PARTICIPE

06/05/2012: JP Online: Especialista revela como assumir o papel de mãe

03/05/2012: Ser Mãe

10/04/2012: Palestra - Saúde, Bem-Estar, Equilíbrio Emocional e o Método Self-Healing (AutoCura)

03/04/2012: Saúde, Bem-Estar e Equilíbrio Emocional – é possível nos tempos atuais?

02/03/2012: O paradoxo feminino do século XXI

16/02/2012: Programa Super Cidade - Rádio Tupi AM 1150

02/02/2012: Auto-Cura – é possível?

02/02/2012: POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR? no Maria Paiva Entrevista - JustTV - 31/01/12

17/01/2012: Ponto de Escolha

22/12/2011: JP Online: Hora de usar a célebre frase 'Ano Novo Vida Nova'

22/11/2011: INTENÇÃO DE NATAL

04/11/2011: VOCÊ ESTÁ PRONTO?

13/10/2011: O Discurso de Stanford

05/10/2011: TV Record News - Programa NBlogs

03/10/2011: Somos Habituais

27/09/2011: Entrevista Rádio Jovem Pan - José Luiz Menegatti (27/09/2011)

21/09/2011: 5.ª Feira do Livro do Ipiranga

16/09/2011: Milagres e Práticas Alternativas

31/08/2011: Recuperação

22/08/2011: A força do amor (Revista Malu)

08/08/2011: Ficar rico – Por que alguns conseguem e outros não?

21/07/2011: JP Online: Imaginação Guiada - Técnica Terapeuta para relaxar

15/07/2011: PodCast – Imaginação Guiada

29/06/2011: Livre-se do Estresse e Garanta a Juventude

15/06/2011: Help

10/06/2011: A Energia do Amor

03/06/2011: Rosanne Martins na Revista Malu desta semana!

27/05/2011: Casamento e Dinheiro

03/05/2011: Convite: Feira do Livro no Colégio Oemar

02/05/2011: Rosanne Martins é entrevistada pela Radio Canada International

01/05/2011: Mães e Mulheres

11/04/2011: Qual o significado da Páscoa para você?

07/04/2011: Rosanne Martins no Espaço Social Ultrafarma

02/04/2011: Forbidden Healing

17/03/2011: "LER ESCUTANDO"

20/02/2011: Jornal O Estado de São Paulo

20/02/2011: Jornal O Estado de São Paulo

17/02/2011: O Universo Cíclico

25/01/2011: Organizar, Planejar e Agir pode salvar vidas e trazer riquezas

28/12/2010: JP Online: Ano Novo Vida Nova - Planeje 2011

21/12/2010: Ano Novo, Vida Nova

06/12/2010: Missão de Paz - pps de Natal

26/11/2010: Palestra - Quatro Etapas para o Sucesso

15/11/2010: Como Conquistar Sonhos e Metas

07/11/2010: Novidades - Novembro 2010

26/08/2010: Rosanne Martins Novidades

17/08/2010: Bienal do Livro 2010

16/08/2010: Rosanne Martins conversa com Marta Corrêa na Just TV

14/08/2010: Entrevista - Programa Esquina da Cultura na Web TV - Just TV com Marta Corrêa

29/07/2010: Agenda Agosto e Setembro

29/07/2010: Entrevista - Programa Olga Bongiovanni

29/07/2010: Ironia: somos a única espécie...

29/07/2010: Quatro Etapas Para o Sucesso

29/07/2010: Somos tão pequenos quanto nossos pensamentos...

29/07/2010: Estabeleça Seus Sonhos e Metas

29/07/2010: Palestra na Saraiva MegaStore

29/07/2010: É duro fracassar, mas pior ainda é não persistir!

29/07/2010: Desculpas? Nunca Mais (adendo)

29/07/2010: Desculpas? Nunca Mais

29/07/2010: Rosanne Martins no Programa Espaço Vida

29/07/2010: Entrevista Programa

29/07/2010: Quem você é reside no poder do que pensa

29/07/2010: O que são nossas crenças?

29/07/2010: COMECE 2013 COM O PÉ DIREITO

02/04/2014 17:20:24
Novo Programa Na Inteligência do Seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde Sem Remédios
Tag: Texto

 Olá a todos!

Aqui é a Rosanne Martins e vim compartilhar com vocês a nova data de início do programa de coaching, on-line, para pessoas que têm Artrite Reumatóide e desejam melhorar a saúde sem tomar remédios:

Na Inteligência do Seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde Sem Remédios”

  Início: 29/04/2014

 Término: 15/08/2014

  Local: Curso on-line com senha de acesso.

Programa: Disponível no anexo, na página do FB ou no site.

 www.facebook.com/acreditarerecuperar

 www.rosannemartins.com.br

 Declaração: Ninguém terá que abandonar ou suspender seus tratamentos médicos para se beneficiar do programa de auto-cura. A decisão é de responsabilidade de cada um. Mas eu acredito muito no provérbio da medicina Ayurvédica que diz o seguinte:

Quando a dieta é errada, as drogas são inúteis.
Quando a dieta é correta, as drogas são desnecessárias.”

O programa lançado pela primeira vez em 2013 foi um grande sucesso. Recebi elogios durante o curso, como o que vocês podem ver abaixo, e-mails de agradecimento e muitos cumprimentos que me deixaram extremamente feliz e com vontade de levar o trabalho a um número cada vez maior de pessoas necessitadas e interessadas.

PARABÉNS Rosanne!! O mundo inteiro deveria escutar o seu programa. Eu perdi um tio, que sofreu seriamente com os efeitos colaterais de cortisona. Ele tinha artrite reumatoide. Foi muito triste. Estou adorando seu curso. Eu gostaria de ter deixado um comentário para você a cada fim de vídeo. Mas como estou com o tempo curto, fico sempre querendo ver o próximo vídeo. Beijo.”

Depoimentos como este são tristes e inspiradores ao mesmo tempo, pois são muitos os sofrimentos que podem ser evitados! Infelizmente, a medicina tradicional ainda não oferece soluções duradouras para muitas pessoas que sofrem com AR, pois os medicamentos tratam os sintomas da doença, deixando de lado as causas. O que ocasiona, na maioria dos casos, sérios efeitos colaterais à saúde.

Sem obter melhoras substanciais e cansadas de tentar superar a AR com os tratamentos convencionais eu recebo pedido de muitas pessoas dispostas a participar e acompanhar o programa. Porém, devido às dificuldades com a doença algumas estão sem poder trabalhar e com dificuldades financeiras. Então, quero dar a estas pessoas a oportunidade de tentar algo diferente e participar do programa, criado com o intuito de divulgar abordagens alternativas.

Para que isso seja possível estou oferecendo 10 vagas no curso para as primeiras 10 pessoas que responderem a este e-mail. No entanto, é preciso enviar uma cópia de algum documento que comprove que você realmente não tem condições de arcar com o valor do curso devido à enfermidade.

O documento pode ser um documento usado para adquirir remédios pelo SUS, uma declaração médica de impossibilidade de trabalho ou algum outro papel que comprove a impossibilidade financeira. Se você ainda não tem em mãos esta documentação, mas sabe que pode conseguir, faça a sua inscrição enviando os dados abaixo e quando tiver com a documentação pronta, envie uma cópia scaneada para este e-mail. No entanto, a data limite para entrega do documento será a data de início do curso - 29/04/2014.

Os dez primeiros inscritos receberão um e-mail de confirmação da vaga. Os demais, caso não recebam nenhum e-mail com a notificação, ainda assim poderão se beneficiar aproveitando a promoção com desconto de 70%.

O programa de coaching é, principalmente, informativo. Você conhecerá as técnicas alternativas que podem, até mesmo, reverter essa doença terrível e também conhecerá os pros e os contras sobre o que há de mais novo disponível no mercado para o tratamento da AR.

De posse desse conhecimento você, conscientemente, poderá optar sobre como deseja cuidar da sua saúde!

Faça a sua Inscrição agora enviando os seguintes dados para cadastro:

Nome:

Endereço:

Estado/Cidade:

Idade:

Profissão:

E-mail para contato se diferente deste:

Tel:

Cel:

Início da doença:

Toma remédios? Quais? Quanto tempo?

 

Investimento: R$450 que poderá ser dividido em 2 vezes – A segunda parcela deverá ser feita até o dia 12/05.

 Informações com Rosanne – Cel- 98725-7308 ou autocura@rosannemartins.com.br

Abraço carinhoso,

Rosanne Martins

 





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.

Rosanne Martins é bióloga, química, terapeuta holística, palestrante motivacional e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”, para entrar em contato visite o site da autora:
www.rosannemartins.com.br ou mande um e-mail para: autocura@rosannemartins.com.br.

 

 




02/04/2014 17:05:47
Conteúdo do Programa de Coaching Abril/2014
Tag: Texto

O Programa terá:

 

Oito módulos que serão apresentados on-line, ou seja, você terá uma senha de acesso ao site onde encontrará os conteúdos específicos. Estes serão apresentados em vídeos com duração de 15 à 20 minutos cada um, e cada módulo terá, em média, quatro à cinco vídeos. Os vídeos estarão disponíveis após o curso por um período de dois meses. Portanto, terão bastante tempo para consultar o que for preciso.

 

Cada participante terá direito a oito sessões individuais comigo, pelo telefone. Durante as sessões farei ajustes personalizados, no programa, de acordo com as necessidades de cada um e responderei às dúvidas.

 

As datas: Módulos

 

 

Terça-feira, dia 29 de abril - Módulo 1: Visão geral das doenças autoimunes. Quem são e por que aumentaram tanto nas últimas décadas? Como podemos nos proteger dessas doenças? É verdade que não existe cura para as doenças autoimunes? Qual expectativa devo ter em relação à minha doença? Mas ela é genética, então....? É possível me curar?

 

 

Terça-feira, dia 13 maio – Módulo 2: O que é a doença celíaca? Será que eu sou celíaco, como posso saber? O que essa doença tem a ver com as doenças autoimunes? Por que eu preciso descobrir se sou celíaco? Meu médico nunca me falou nada disso, por quê?

 

 

Terça-feira, dia 27 de maio – Módulo 3: Meu médico disse que estou estressado, o que é o estresse? O que o estresse tem a ver com a minha doença? De que estresse você está falando? Como posso diminuir o estresse na minha vida? O que é o método Self-Healing? Ele pode me ajudar, como?

 

 

Quinta-feira, dia 12 de junho – Módulo 4: Os alimentos processados podem afetar a minha saúde? O que são os alimentos processados? Se aditivos e conservantes fazem mal à saúde, por que eles são aprovados pelos órgãos competentes? O que são alimentos MGO e como eles podem me afetar?

 

 

Terça-feira 24 de junho – Módulo 5: Toxinas, como me livrar delas? O que são essas toxinas e como posso saber se preciso me desintoxicar? De onde elas vêm? O que posso fazer? O que é a Síndrome do Intestino Permeável? O que isso tem a ver com a minha doença? Existe algum exame? Onde posso fazer? Quais doenças estão associadas à esta síndrome?

 

 

Terça-feira 08 de julho – Módulo 6: O que acontece se eu fizer o exame para a Síndrome do Intestino Permeável e o resultado for positivo? Como devo proceder? Terei que mudar a minha alimentação? Quem pode me orientar? A dieta serve para qualquer pessoa? O que terei que fazer? Quanto tempo é preciso para o TD se recuperar? Isso é possível?

 

Terça-feira, dia 22 julho – Módulo 7: O que é meditação guiada? Não sei e não gosto de meditar, eu preciso disso? O que é EFT – “Emotional Freedom Technique”? Será que ela pode me ajudar com a doença autoimune? Que importância tem essas práticas no meu processo de recuperação da saúde?

 

 

Quinta-feira, dia 05 de agosto – Módulo 8: Encerramento – Que importância tem a alimentação na minha recuperação? Mas a minha dieta é saudável, o que é o alimento saudável ou não saudável para o meu organismo? Fiz o teste e ainda não recebi os resultados, e agora? Posso iniciar alguma dieta antes? Nunca mais vou poder comer o que gosto? O que mais eu preciso saber? É difícil? Depoimentos!

 

As datas: Sessões individuais pelo telefone

 

 

Quinta-feira, dia 8 de maio – Sessão 1 – Duração 1h

 

Sexta-feira, 22 de maio – Sessão 2 – Duração 1h

 

Quinta-feira 05 de junho – Sessão 3 – Duração 1h

 

Quinta-feira 19 de junho – Sessão 4 – Duração 1h

 

Quinta-feira, dia 3 de julho de 2014 – Sessão 5 – Duração 1h

 

Quinta-feira, dia 17 de julho de 2014- Sessão 6 – Duração 1h

 

Quinta-feira, dia 31 de julho de 2014 – Sessão 7 – Duração 1h

 

Sexta-feira, dia 15 de agosto de 2014 – Sessão 8 – Duração 1h

 

 

Inscrições e preços: A partir do dia 03/04/2014

 

 




Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br




24/03/2014 18:50:14
Artrite Reumatóide - A Importância de Procurar a Cura para a Doença Incurável
Tag: Texto

Mas se a doença é incurável de que adianta ir à busca da cura ou tentar recuperar a saúde?


Para a medicina tradicional não existe, de fato, cura para a Artrite Reumatoide. Até mesmo os remédios de última geração visam, tão somente, controlar a progressão e os sintomas da doença. Portanto, não tratam a causa. Dessa forma somos bombardeados de todos os lados com a crença de que não podemos curar Artrite Reumatóide, e o diagnóstico é recebido, pela maioria, como uma sentença de vida. Desacreditados, muitos não se atrevem a buscar outras fontes de informação ou desafiar o status quo!


Para as ciências, qualquer trabalho ou tentativa de pesquisadores, médicos, estudiosos ou interessados de divulgar casos de cura de AR, não tem valor algum se estes trabalhos e esforços não cumprirem com as exigências dos burocráticos, dispendiosos e demorados estudos científicos. Mesmo que estas iniciativas possam significar o alívio do sofrimento de milhares e milhares de pessoas, as conquistas e os casos de sucesso permanecem na escuridão e perdidos na podridão dos interesses econômicos.


Quando o paradigma é quebrado de maneira a afetar outros do ramo de forma negativa, isso aborrece muitas pessoas. A indústria se refere a esses casos como “tecnologia disruptiva.” – Afirma a médica Dra. Denise Faustman e Diretora do Laboratório de Imunobiologia do Hospital Geral de Massachusetts, no livro “A Epidemia das Doenças Autoimunes” de Donna Jackson Nakazawa.


Em 2001 e 2003, a doutora Faustman publicou em conceituados jornais  científicos dois estudos absolutamente controversos. . Em um dos jornais ela demonstrou que um tratamento de quarenta dias, cujo objetivo era destruir apenas as células específicas que causam a destruição autoimune de células beta saudáveis no pâncreas, poderia parar, de forma efetiva, o curso da diabetes tipo 1.


Na experiência, de 75 a 85% dos ratos de laboratório foram curados da diabetes tipo 1 em bases permanentes, resultado surpreendente na história de pesquisas das doenças autoimunes.


Hoje, treze anos depois, a Dra Denise ainda continua com as experiências em triagem clínica, agora indo para a fase II do estudo, na tentativa de trazer ao mundo os resultados de um trabalho sem precedentes, que poderá beneficiar não somente quem sofre com diabetes tipo 1, mas com  doenças como Artrite Reumatoide, Doença de Crohn, Lupus, Esclerose Múltipla e outras de origem autoimune e igualmente “incuráveis”. Para fase II ela precisa arrecadar $25,2 milhões e até o momento conseguiu $17,2.


É de se acreditar que pesquisas e trabalhos como este da Dra Denise recebessem incentivos e apoios imediatos, mas vejam que a história não é bem assim, pois há muitos interesses econômicos envolvidos. Agora imagine os esforços ou trabalhos pessoais, ainda que com resultados positivos, de pessoas de fora do âmbito da medicina tradicional como são recebidos pelas comunidades científicas, médicas, industriais, farmacêutica e assim por diante: obviamente, com absoluto descrédito!


Ainda assim, alguns conseguem ir em frente e, apesar das descrenças, acabam se curando. Depois levam o sucesso alcançado a outras pessoas em busca de resultados mais efetivos para os tratamentos. É o caso da minha mentora, Barbara Allan, que aos 25 anos de idade desenvolveu uma espécie de Artrite Reumatóide, conhecida como Artrite Reativa, e depois de passar dois anos e meio numa cadeira de rodas, devido à enfermidade, conseguiu se curar com a medicina natural. A Barbara foi quem muito me inspirou e contribuiu para que eu também recuperasse a minha saúde sem tomar remédios, quando fui acometida com Artrite Reumatoide.


Na verdade, mesmo quem pertence à área médica está ciente de que pouquíssimos pacientes tratados como o uso dos cuidados convencionais podem esperar resultados duradouros ou substanciais.


Foi desta forma que eu decidi buscar as práticas alternativas e depois de cinco anos de tentativas, algumas bem sucedidas e outras não, cheguei à sete tópicos que considero imprescindíveis para quem deseja se recuperar de AR sem tomar remédios. Criei um curso on-line com várias horas gravadas em vídeo e divulgo o meu conhecimento e experiência para quem deseja ousar pensar “fora da caixinha”!


Abraço carinhoso,


Rosanne Martins


 


Este artigo é o segundo de uma série sobre Artrite Reumatóide. Se você perdeu o primeiro e deseja saber mais sobre tratamentos alternativos e como recuperei a saúde vencendo a doença sem tomar medicamentos, procure no site www.rosannemartins.com.br ou página do FB www.facebook.com/acreditarecuperar.


 


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico


 


 


 





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



14/03/2014 22:05:28
Na verdade o trigo moderno não é trigo!
Tag: Texto

O texto é longo, mas se você tem Artrite Reumatóide leia e entenda por que o glúten é um dos maiores vilões da nossa saúde.


A intolerância ao glúten não é mais um conceito marginalizado pela classe médica. Os pesquisadores estão absolutamente cientes de que há um grande problema com as práticas modernas do cultivo do trigo. Hoje, o trigo está longe de ser um alimento saudável. Ele faz você engordar, provoca gases e transforma o seu trato intestinal num inimigo ou vice-versa. Variedades de trigo altamente rentáveis e geneticamente modificadas farão com que você, provavelmente, prefira eliminar estes grãos da sua lista de alimentos.


233 consumidores e grupos de fazendeiros em 26 países se uniram à (“Definitive Global Rejection of GM Wheat)  causa para banir e impedir a comercialização do trigo geneticamente modificado(GM) e ainda para lembrar à corporação de biotecnologia Monsanto que fazendeiros e consumidores consideram a prática de  modificar geneticamente as grandes colheitas inaceitável.


Como e quando esse antigo grão se tornou um sério risco a saúde? O autor e médico cardiologista, William Davis, afirma que isso ocorreu quando a agricultura, há algumas décadas, investiu na criação de culturas mais rentáveis. “O trigo de hoje – ele afirma – não é, de fato, trigo; graças a alguns dos maiores cruzamentos jamais vistos”. “Hoje, os produtos  comercializados a base de trigo  não se comparam aos produtos da era das nossas avós, estes são completamente diferentes não somente dos produtos do século 20, mas também do trigo do tempo da bíblia e antes” – diz o médico.


Os criadores alteraram o trigo de forma dramática. A planta, que no passado chegava a uma altura de 122 cm, hoje - o tipo de trigo encontrado em 99% dos campos de trigo no mundo todo -  é uma planta mirrada, com 0,60 cm de altura e uma enorme e fora do comum cabeça com sementes. O Dr. Davis explica que para conseguir tal resultado foi preciso cruzar o trigo com gramíneas que não eram trigo, para introduzir novos genes. Foram usadas técnicas de irradiação de sementes de trigo e embriões com produtos químicos, raios gama, e altas doses de raios X para induzir mutações.


Em julho de 2009, a companhia mais odiada no mundo, a Monsanto, anunciou novas pesquisas com trigo modificado geneticamente e grupos industriais apoiaram as pesquisas ajudando ainda mais nos estudos. “Fazendeiros e consumidores resistiram ao trigo GM em 2004, e a rejeição mundial continua forte”, segundo as declarações de Lucy Sharratt, coordenadora da Rede Canadense de Ações Biotecnológicas.


Em 2004, uma coalizão de consumidores japoneses e grupos industriais alimentícios entregou uma petição ao governo do Canadá e Estados Unidos insistindo para que o trigo GM não fosse introduzido nas indústrias.  “Hoje, no Japão, a rejeição ao trigo GM continua, mais do que nunca, em vigor”. “Oitenta organizações Japonesas já assinaram documento de repúdio ao trigo GM” – afirmou Keisuke Amagasa, coordenadora da campanha em Tóquio ao, “Não ao GMO”. A grande maioria dos consumidores no Japão está se manifestando, fortemente, contra o cultivo do trigo GM. “Vemos intensas manifestações contra, vindas de diversos setores da sociedade.”   


Assim como os consumidores japoneses estão rejeitando o trigo GM, a Associação de Farinhas Miller do Japão também aderiu à campanha “Não ao GMO!” 


Diante das circunstâncias e com todas as incertezas relacionadas à segurança e ao meio ambiente, incluindo os efeitos causados ao corpo pelo trigo modificado, o grão consta da lista de produtos banidos dos mercados japoneses, afirmou o diretor sênior da Associação de Farinha Miller aderindo à campanha “Não ao GMO!”


O sistema de produção de grãos  “Clearfield” , usado em aproximadamente 1 milhão de acres na região Noroeste do Pacífico e vendido pelo BASF – maior fabricante mundial de produtos químicos – foi criado em um laboratório de genética pela exposição das sementes de trigo e embriões a mutações industriais para induzir a toxina azida de sódio, substância venenosa para os seres humanos e conhecida por explodir quando manuseada de forma errada, afirma o médico Dr. Davis. Esse trigo híbrido não sobrevive naturalmente, e a maioria dos fazendeiros aposta nos fertilizantes químicos e pesticidas para manter as plantações vivas.


Portanto, o que toda esta ciência do plantio tem a ver com o que está nos fazendo adoecer? O cruzamento intenso dessas sementes criou mudanças significativas nos aminoácidos das proteínas do glúten, causa provável do aumento em 400% da doença celíaca nos últimos 40 anos. A proteína gliadin presente no glúten também sofreu mudanças com consequências, aparentemente, terríveis – “Comparada com a sua predecessora dos anos 1960, a gliadin moderna é um grande estimulante do apetite”- afirma o Dr. Davis. “É bem provável que essa nova proteína gliadin também seja a responsável pela explosão das doenças inflamatórias que vemos atualmente.”


A intolerância ao glúten pode causar uma enorme variedade de sintomas e alguns levam a incapacidade. Além do quê, a demora no diagnóstico ou mesmo diagnósticos falsos podem ser devastadores para a saúde.


OBS -Vale aqui a minha observação e experiência com a doença  – após sofrer muitos anos com a doença celíaca, sem ser diagnosticada, acabei desenvolvendo AR.  (Rosanne Martins)


Uma poderosa e pequena fração do trigo conhecida como “algutinina do gérmen do trigo (WGA)” é, em grande parte, responsável por muitos dos sintomas pervasivos e de difícil diagnóstico da doença intolerância ao glúten. Os pesquisadores estão descobrindo que esse pequeno pedaço, o WGA, no trigo moderno é muito diferente do encontrado nas antigas cepas. A pequena porção não somente altera a compreensão que tínhamos sobre a intolerância ao trigo, mas devido ao fato de que essa porção é encontrada em altas concentrações no “trigo integral”, incluindo a suposta superior forma de semente germinada, ela também acaba com um dos anúncios favoritos da indústria alimentícia: de que o trigo integral é alimento saudável para as crianças.


Fora do radar, dos testes sorológicos para anticorpos contra as diversas proteínas do glúten e testes genéticos de susceptibilidade à doença, o problema de lecitina WGA permanece quase que completamente obscuro. Embora as lecitinas sejam encontradas em todos os grãos, sementes, legumes, derivados do leite e nos adorados alimentos classificados como “nightshades”: o tomate e a batata raramente entram nas discussões relacionadas à saúde ou doenças, mesmo quando a presença deles na nossa alimentação possa reduzir, em muito, a qualidade e a duração da nossa vida.


As propriedades do trigo de estimular o apetite ocorreu, provavelmente,  como um produto acidental de métodos de cruzamentos não regulamentados, explica o Dr. Davis.  Mas ele também acredita que a responsabilidade  que o grão possa ter de induzir as doenças inflamatórias talvez esteja associado ao aumento, nos últimos 15 anos, do uso de produtos processados que têm trigo. 


Como se não bastasse aumentar a fome, novas evidências sugerem que o novo código bioquímico do atual trigo  causa desequilíbrio hormonal, associado à diabetes e obesidade. “Não afirmo que para o interesse de todos deva-se eliminar o trigo, mas eu acredito que a COMPLETA ELIMINAÇÃO É DO INTERESSE DA SAÚDE DE TODOS.” – afirma o Dr. Davis – No meu ponto de vista isto representa o quão ruim esse negócio chamado “trigo” se tornou.”


Tradução de Rosanne Martins – Artigo encontrado no site “apoiamos os produtos orgânicos”.  


 


 





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



14/03/2014 16:25:54
Artrite Reumatóide – Os alimentos tratam e podem curar!
Tag: Texto

 A minha história e experiência com a doença começou em abril de 2009 após acordar, uma manhã, com dores terríveis em diversas articulações do corpo e ser diagnosticada, posteriormente, com Artrite Reumatóide. Portanto, em breve, estarei comemorando cinco anos de aprendizados com a enfermidade que transformou a minha vida para melhor.

Sim, é isso mesmo que você entendeu. Embora a Artrite Reumatóide seja considerada uma doença autoimune, degenerativa e crônica, cujos prognósticos, por vezes, são assustadores, decidi seguir meu próprio protocolo ao descobrir que os tratamentos de praxe, oferecidos pela medicina tradicional, traziam riscos à saúde maiores do que a própria doença.

A sua esposa é muito rebelde” – falou para o meu marido o médico reumatologista quando me recusei a tomar os remédios conhecidos como controladores e modificadores da doença. Estes, além de tratar somente os sintomas podem levar os pacientes até mesmo ao óbito. Pois ao suprimir, em parte, o funcionamento de células defensoras do organismo deixam o corpo a mercê de doenças como a tuberculose. É o caso do medicamento metotrexato e outros.

Infelizmente, os chamados avanços no tratamento da Artrite Reumatóide preconizam o uso imediato de medicamentos que além de não tratar as causas da doença e não resolver 100% os efeitos devastadores da enfermidade, essas drogas podem comprometer e acelerar ainda mais uma condição conhecida como a Síndrome do Intestino Permeável.

Segundo o pesquisador, médico e diretor do Centro de Pesquisas e Tratamentos da Doença Celíaca, Dr. Alessio Fasano, a permeabilidade do trato digestivo seria uma precondição para o surgimento das doenças autoimunes. Portanto, de acordo com as mais recentes descobertas do pesquisador, para que a Artrite Reumatoide se manifeste o paciente, entre outros aspectos, também seria portador de um trato digestivo permeável e comprometido. A ingestão de drogas antirreumáticas, conhecidas como DMARDs, pode levar a um maior comprometimento desse trato digestivo e, com o tempo, consequente agravamento da doença autoimune.

Aqui tem início uma nova vertente de médicos, pesquisadores e cientistas que muito lutam para trazer ao público leigo pesquisas e conhecimentos capazes de mudar por completo a história do tratamento de doenças como AR. No entanto, para que esses estudos sejam considerados científicos e aprovados é preciso muitos anos. Enquanto isso, considerados alternativos, estes trabalhos não conseguem ganhar espaço ou eco numa sociedade movida por interesses econômicos.

Com a doença aprendi que os alimentos também são remédios, porém com uma grande diferença das drogas fabricadas pelo homem, além de não causar efeitos colaterais, quando usados com sabedoria dão ao corpo os nutrientes necessários para que este faça o que somente ele é capaz: se autorrecuperar podendo chegar, até mesmo, à cura!

Depois de muito pesquisar, estudar e ser insultada, consegui conquistar uma condição que muitos não acreditam: livre de inflamações ou dores eu levo uma vida normal e sem remédios.

Criei um programa informativo de recuperação da saúde e divulgo a todos que, como eu, desejam ser “rebeldes” e ter a audácia de inovar ou até mesmo se curar, sem tomar remédios!

 

 

Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.

Rosanne Martins é bióloga, química, terapeuta holística, palestrante motivacional e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”, para entrar em contato visite o site da autora:
www.rosannemartins.com.br ou mande um e-mail para: autocura@rosannemartins.com.br.

 





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br




11/09/2013 20:33:26
Apenas 24 horas!
Tag: Texto

Olá a todos!


 


Em 24 horas estarei lançando o Programa “Na Inteligência do Seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde Sem Remédios”, se você ainda não fez a sua inscrição eu gostaria de convidá-lo a assistir um dos vídeos do programa. Você terá uma idéia aproximada dos paradigmas que precisam ser mudados para você recuperar o que há de mais precioso na sua vida: saúde e bem-estar.


http://www.youtube.com/watch?v=AESVlitHQJM


 


Abraço carinhoso,


Rosanne Martins


 





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



05/09/2013 13:40:56
Audio - Rosanne Martins
Tag: Texto

Olá a todos,

Rosanne Martins aqui!

Essa semana eu trouxe mais uma novidade para você antes de começarmos o programa de coaching no dia 12/09. Acesse o link abaixo e fique sabendo sobre um dos grandes segredos relacionado às doenças autoimune.

https://soundcloud.com/user452802139/mailaudio-6

Abraços e até lá!

Rosanne Martins


 

 

 

 

 

 







Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br




03/08/2013 16:47:19
Na Inteligência do seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde Sem Remédios
Tag: Texto


Meu nome é Rosanne Martins e eu sou celíaca, ou seja, sou alérgica ao glúten, proteína encontrada na farinha de trigo, centeio e cevada. Com a doença celíaca acabei desenvolvendo a segunda doença inflamatória – Artrite Reumatoide.

Talvez você já tenha visto ou ouvido alguma entrevista minha falando sobre esse assunto, mas hoje eu gostaria que você soubesse que também sou criadora do programa de coaching, “Na Inteligência do seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde sem Remédios”, criado não somente para quem é Celíaco, mas também para quem lida com outras doenças inflamatórias associadas ou não à intolerância ao glúten.

Muitas pessoas não sabem que o motivo pelo qual elas podem ter desenvolvido problemas de saúde como Artrite Reumatóide, Colite, Esclerose Múltipla, Lupus, Ataxia Cerebelar ou outras doenças autoimunes, pode estar associado à Doença Celíaca e a outra condição conhecida pelo nome de “A Síndrome do Intestino Permeável”.

Se você é celíaco ou tem alguma doença inflamatória e gostaria de se inscrever para receber mais informações a respeito desse programa, favor enviar um e-mail com seu nome e idade para, autocura@rosannemartins.com.br especificando:

Sim, eu sou celíaco ou tenho ________________ (especificar a doença inflamatória) e gostaria de saber mais sobre o programa:
“Na Inteligência do seu Corpo, o Milagre da Recuperação da Saúde sem Remédios”.

Se eu consegui você também pode! Envie agora seu e-mail e participe! :-)



Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



10/07/2013 13:03:52
Hoje é Dia da Pizza e eu sou Celíaca
Tag: Texto

Será que posso comer só um pedacinho de pizza? O que acontecerá se eu experimentar uma pontinha? Pois é, celíaco é quem não pode ingerir o glúten, proteína encontrada na farinha de trigo, aveia e cevada. Portanto, pizzas vêm recheadinhas de glúten!

Há alguns anos, quando eu descobri que era celíaca, fiz uma pergunta semelhante ao médico que diagnosticou a doença e ele me respondeu o seguinte: “Se você comer trigo terá que lidar com as conseqüências no dia seguinte, como quem bebe muito na noite anterior!”

A doença celíaca, embora antiga, ainda é muito desconhecida entre a classe médica, pois considerada rara no passado, ela não fazia parte dos currículos regulares da formação. Portanto, respostas como a que recebi ficam por conta do desconhecimento. Assim como muitos, os médicos também não sabem as possíveis e sérias conseqüências da ingestão do glúten para quem é celíaco. Então, depois de quatro anos de muitas pesquisas, investigações e aprendizados com a doença celíaca aqui vai a minha resposta: “NÃO, se você é celíaco não pode provar nem mesmo um pedacinho de pizza! Aliás, nem entre numa pizzaria, pois o ar estará cheio de farinha de trigo, portanto contaminado com o glúten, considerado, por alguns, o veneno crônico do século XXI!

Eu sei, neste momento você deve estar pensando: “Ah, mas que radical, desassocia! Um pouquinho só não há de fazer tão mal assim!” Sim, este também foi um dos argumentos que ouvi! Então, vamos às explicações do por que é terminantemente proibido ingerir o glúten. Se você for celíaco ou intolerante ao glúten, claro!

A doença celíaca é multissistêmica, ou seja, ela é capaz de afetar diversos sistemas do corpo, mas o foco principal é o intestino delgado. O glúten é o fator desencadeante, portanto ele é o grande vilão da estória!

O trato intestinal - tubo de longo comprimento medindo em média 5 metros no indivíduo adulto - é a parte do corpo que se comunica com o meio externo e cujo papel, além da digestão e absorção de alimentos, é impedir que, por exemplo, bactérias, toxinas e outros agentes patológicos entrem em contato com o meio interno e ameacem a sobrevivência do organismo. Esta é uma das funções mais importantes do intestino! Quando o glúten é ingerido, as células do sistema imunológico, responsáveis pela defesa do corpo e presentes na sua maioria no trato digestivo, vêem a proteína do glúten como um suposto invasor e ali travam uma verdadeira batalha para expulsar o impostor. No combate, as vilosidades do intestino, responsáveis pela absorção de nutrientes necessários a um infinito número de processos metabólicos, começam a ser destruídas. E com o passar do tempo os problemas de má absorção começam a aparecer, claro!

Qualquer coisa que colocamos na boca e não é digerido segue diretamente até a outra ponta do tubo, o ânus. Mas quando a barreira de células que reveste o intestino delgado é rompida pela ação e interferência de substâncias como o glúten, as paredes do intestino se tornam permeáveis - alteração conhecida como “Síndrome do Intestino Permeável”- e não somente alimentos parcialmente digeridos, assim como moléculas grandes, por exemplo o glúten, escapam para a corrente sanguínea. Como essas proteínas e restos de alimentos não pertencem a este local, o corpo aciona uma verdadeira “SWAT” de células defensoras que no combate, agora na corrente sanguínea, acabam atacando tecidos que não eram o verdadeiro alvo: articulações, a glândula da tiróide, sistema nervoso central e etc.

De acordo com o pesquisador científico e médico pediatra gastroenterologista, Dr. Alessio Fasano o “Intestino Permeável” desempenha papel fundamental no desenvolvimento de diversas doenças auto-imunes, incluindo a Doença Celíaca e a Diabete Tipo 1.

Mas além dessa característica outro aspecto relevante do trato digestivo é que neste local abrigamos, aproximadamente, 100 trilhões de microorganismos que formam a chamada flora bacteriana ou flora intestinal, e apenas recentemente começamos a compreender o importante papel dessa “população fenomenal” que habita o intestino.

Pesquisas feitas nas últimas duas décadas revelaram que a saúde da flora intestinal é crucial para a saúde de um modo geral, e uma flora intestinal “doente” contribui com enorme gama de doenças incluindo a obesidade, a artrite reumatóide, a esclerose múltipla, o autismo, a depressão, a acne, a síndrome da fadiga crônica e outras.

Hoje, infelizmente, diversos fatores da vida moderna ameaçam a saúde da flora bacteriana e além do glúten outros responsáveis são:

  • Antibióticos
  • Pílulas anticoncepcionais e antiinflamatórias não esteróides - advil, tilenol e etc
  • Alto consumo de alimentos processados, refinados e açúcares
  • Estresse crônico.
  • Pouco consumo de fibras
  • Infecções crônicas


Portanto, se você é celíaco ou tem intolerância ao glúten e deseja manter a sua flora bacteriana saudável, afaste-se desse vilão e fique de olho nos demais. Adote uma dieta com produtos orgânicos e lembre-se de conferir o rótulo dos produtos. Nada vale mais do que a sua saúde! No Dia da Pizza reúna os amigos em casa e prepare deliciosas pizzas com massa sem glúten e Bon Appetit!!!!

Por Rosanne Martins


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do
autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.




Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



11/06/2013 14:25:12
O que você não sabe ou reconhece pode prejudicar a sua saúde - Eu era Celíaca e não sabia!
Tag: Texto

Conheça mais detalhes sobre a doença que apresenta total intolerãncia ao glúten

Celíaco é o nome dado às pessoas que não podem ingerir trigo ou, mais corretamente, glúten: proteína encontrada naturalmente no trigo, centeio e cevada.

Escondido em alimentos como pizzas, massas, pães, cervejas, molhos e um número infinito de produtos industrializados, incluindo medicamentos, o glúten pode estar destruindo a saúde de muitas pessoas sem que elas saibam.

Nesta edição do Rádio ao Vivo a repórter Simone Manocchio conversou sobre o assunto com Rosanne Martins, bióloga, química, terapeuta holística, coach, palestrante motivacional e autora do livro "Por Que Sonhar Se Não Para Realizar?". Ouça a entrevista.

http://jovempan.uol.com.br/noticias/o-que-voce-nao-sabe-ou-reconhece-pode-prejudicar-a-sua-saude-eu-era-celiaca-e-nao-sabia


(Texto: Rádio Jovem Pan)



Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br




11/06/2013 13:16:51
A INTELIGÊNCIA SUPERIOR DA RAÇA HUMANA
Tag: Texto



Talvez a habilidade principal que diferencia os humanos dos chipanzés - a infinita curiosidade e capacidade de encontrar respostas para os porquês da vida - não seja o suficiente para atender à necessidade mais eminente que enfrentamos na atualidade: salvar o meio ambiente em que vivemos.

De acordo com a primatóloga Jane Goodal, somos as criaturas mais intelectualizadas que já existiram na face terrestre. No entanto, como explicar que esses mesmos seres, de inteligência superior, estejam destruindo a única casa que têm? Sim, pois temos apenas uma moradia: o Planeta Terra. Ainda assim, continuamos a poluir o ar, o solo, as águas e a esgotar o que muitos estão chamando de “Capital Natural” - os minérios, os metais, o solo rico, o óleo, e as florestas.

Aparentemente, até 1980 a civilização humana foi capaz de viver do que poderíamos chamar de “juros de capital”, ou seja, do superávit que a natureza é capaz de produzir sem, por exemplo, degradar o solo para extrair o alimento ou aniquilar com as reservas de peixes por tirar do mar uma quantidade maior do que este é capaz de nos fornecer – explica o historiador Ronald Wright.

No entanto, a partir dessa data começamos a usar não somente os “rendimentos”, mas o “capital principal”. Isso significa dizer que se não corrigirmos os gastos e o uso indevido das reservas naturais, em algum momento o “Capital Natural” se esgotará. É mais ou menos o que acontece com quem ganha na loteria e fica rico de repente. Sem saber administrar o dinheiro a pessoa acaba gastando não somente os juros do capital aplicado, mas todo o dinheiro recebido no prêmio da loteria.

O patrimônio que a natureza levou bilhões de anos para criar e nos presentear estamos destruindo progressivamente e sem escrúpulos. Alguns números são assustadores:

• 40% do solo apropriado ao plantio sofreu danos permanentes.
• Um mamífero em cada 4, um pássaro em cada 8, um anfíbio em cada 3 estão ameaçados de extinção.
• As espécies estão morrendo num ritmo 1.000 vezes mais rápido do que a taxa natural de mortalidade.
• Todo ano desaparecem 13 milhões de hectares de florestas.
• As temperaturas dos últimos 15 anos têm sido as maiores registradas.

Nosso planeta vive em equilíbrio, mas como se ignorássemos o fato, em apenas 40 anos reduzimos à 20% a maior floresta do mundo. Exuberantes matas cederam lugar a pastagens de gado e a plantações de soja. E 95% dessa soja é usada na alimentação de frangos e do gado da Europa e Ásia.

A floresta Amazônica não é a única sendo destruída. Outras já foram dizimadas e transformadas em plantações, por exemplo, de palmeiras para a produção de óleos para a indústria de cosméticos, alimentícia, detergentes e combustíveis alternativos. Uma floresta não substitui outra constituída por apenas uma única espécie. Nas florestas de eucaliptos, usados na fabricação de papel, nada cresce no solo abaixo dessas árvores, pois a camada de folhas formadas no chão é tóxica e impede que outras espécies cresçam. As plantações crescem rapidamente, mas acabam com as reservas de água.

O meio ambiente não têm fronteiras e onde quer que estejamos os nossos atos repercutem no mundo inteiro. O ar que respiramos aqui é o mesmo encontrado em qualquer parte do mundo. É um todo indivisível e único, alerta o filme intitulado “Home”.

Sob as superfícies congeladas da Sibéria e em outros locais do globo terrestre uma ameaça de proporções desconhecidas ou possíveis de serem previstas nos intimida a encontrar uma resposta imediata, pois não nos restam mais de dez anos, avisam os cientistas: um gás vinte vezes mais poderoso que o dióxido de carbono é mantido abaixo da superfície congelada conhecida como permafrost. Se este gás for liberado, e falo do aquecimento global, talvez tenhamos apostado alto demais na sobrevivência da vida na terra! E raça humana, de inteligência superior, terá provado o contrário!

Enquanto há tempo, ajude a salvar o Meio Ambiente. Se você tem dúvida ou não acredita no que foi dito, pesquise e verá que é verdade. Passe a informação adiante e terá feito a sua parte! Precisamos uns dos outros e a sua participação é importante!

Por Rosanne Martins

Fontes: Surviving Progress - Documentário produzido pela BBC, baseado no livro de Ronald Wright.
Home – Filme produzido pelo grupo PPR, como um alerta a humanidade.





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



02/06/2013 10:58:10
12 de Junho – Dia dos Namorados, do Comércio ou do Amor?
Tag: Texto

Curiosamente, no Brasil comemoramos o Dia dos Namorados ou Dia de São Valentim no dia 12 de junho, enquanto países como o Canadá, EUA, Itália e Japão comemoram no dia 14 de fevereiro. Surpreso? Saiba a origem e o porquê das diferentes datas comemorativas e decida se a festa fará parte da sua agenda ou coração. Ah, e se você ainda não encontrou a sua alma gêmea, livre-se da pressão de ter alguém para celebrar o dia e descubra que há muitas maneiras de curtir a festa!

Conta a história que Valentim foi um padre do século III, preso ao desobedecer as ordens do Imperador Claudius II. O líder Romano decidira banir o casamento de homens jovens, pois, segundo ele, sem esposas e filhos os rapazes desempenhavam melhor as obrigações de soldados. No entanto, Valentim continuou realizando os casamentos às escondidas e, ao ser descoberto, foi sentenciado à morte. Antes de morrer ele se apaixonou pela filha cega de um guarda da prisão e curou-a. No dia da execução, 14 de fevereiro, enviou um bilhete à moça e assinou: “De seu Valentim” ou “From your Valentine”. A expressão foi incorporada ao comércio e é usada até hoje!

Inspirado na data comemorativa de São Valentim, o publicitário João Dória, diretor da agência de Propaganda Standard em São Paulo, criou, no fim da década de 40, uma campanha para melhorar as vendas do comércio no mês de junho, considerado fraco, à pedido da extinta loja Clipper. O slogan era: “Não é só de beijos que vive o amor”. A propaganda deu tão certo e as vendas cresceram tanto que a Agência Standard ganhou o prêmio de agência publicitária daquele ano. A campanha, lançada no dia 12 de junho, contou o apoio da Confederação do Comércio de São Paulo e mais tarde a data foi adotada em todo Brasil.

Assim nasceu a terceira data mais lucrativa para o comércio - O Dia dos Namorados - perdendo em vendas somente para o Natal e Dia das Mães. No entanto, alguns países expandiram o significado desta data e celebram, também, a amizade e o amor incondicional. Por exemplo, no Canadá e EUA é muito comum haver troca de presentes entre amigos. Nas escolas primárias as crianças também trocam cartões e algumas famílias presenteiam os filhos.

Muito embora o apelo comercial do dia seja grande, a idéia de comemorarmos o amor de várias formas pode ser um marco respeitável para sociedades futuras. Portanto, no dia 12 de junho se você estiver por aí disposto a exercitar o sentimento do amor, imprescindível a todos nós, veja a seguir dicas do que fazer:

1- Terapia do amor para quem está só: Sim, é isso mesmo! Que tal juntar um grupo de amigas ou amigos e ir “shopping”? Você não precisa, necessariamente, gastar muito dinheiro se este não for um bom momento. Mas, se decidir investir, aproveite e escolha aquele brinde que anda querendo há muito tempo e presenteie você! Se é para amar alguém, que tal começar consigo mesma/o?
2- Terapia do amor ao próximo: Aproveite o Dia dos namorados para fazer aquela visitinha à vovó ou vovô que moram sozinhos ou numa casa de saúde. Você não estaria aqui se não fosse pelo amor deles! Não será preciso gastar com presentes, a sua simples presença e conversa serão a pauta do dia durante muito tempo. Principalmente se você lembrar e levar um cartão postal e/ou foto da sua última viagem.
3- Terapia do amor ao irmão/irmã: Você tem uma irmã ou irmão casados com filhos pequenos? Ótimo! Pense como poderá ser divertido ficar com os sobrinhos no Dia dos Namorados enquanto o casalzinho escapa e tem a chance de estar só mais uma vez. Eles serão eternamente gratos pela forcinha!
4- Terapia do amor à forma: Pois é, ame o seu corpo e dê uma chegadinha na academia no final do dia. Sim, falo sério! Se você não for, jamais saberá se aquele possível paquera estava lá: sozinho!
5- Terapia do amor ao cinema: Não!!!! Não invente de ir ao cinema nesse dia! Grandes chances de estar lotado de casaizinhos, e você não vai querer estar lá, no meio deles! Reúna seus amigos solteiros e vá ao boliche. Divirta-se e fique longe dos restaurantes, barzinhos e escurinhos, a menos que você esteja acompanhado! Aí, dê asas a sua imaginação, desejos e, “Bom Dia dos Namorados!”

Por Rosanne Martins

Rosanne Martins é bióloga, química, palestrante e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”. Agende a sua sessão de coaching ou palestra enviando um e-mail para: contato@rosannemartins.com.br.





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



13/05/2013 18:52:46
O QUE VOCÊ NÃO SABE OU RECONHECE PODE PREJUDICAR A SUA SAÚDE - Eu era Celíaca e não sabia!
Tag: Texto

Hei? Sim, é isso mesmo! Celíaco é o nome dado às pessoas que não podem ingerir trigo ou, mais corretamente, glúten: proteína encontrada naturalmente no trigo, centeio e cevada. Escondido em alimentos como pizzas, massas, pães, cervejas, molhos e um número infinito de produtos industrializados, incluindo medicamentos, o glúten pode estar destruindo a saúde de muitas pessoas sem que elas saibam. E aqui começa o nosso suposto problema ou a solução para ele! Veja por quê:

A doença celíaca – cujo local mais afetado é o trato gastrointestinal - é uma das doenças auto-imunes mais mal diagnosticadas, de acordo com Peter H. R. Green, diretor do Centro de Doença Celíaca da Universidade Columbia. Os motivos vão desde o fato de que até bem pouco tempo a doença era considerada rara - portanto os médicos não a investigavam - ao desconhecimento por parte da classe, uma vez que a doença celíaca não fazia parte de muitos programas médicos educacionais. Felizmente, isso está mudando!

Depois de passar, pelo menos, vinte anos da minha vida tendo fortes e inexplicáveis dores de cabeça, ser submetida a diversos tratamentos para corrigir anemia (baixa quantidade de ferro/ferritina) e ser acometida, ainda relativamente jovem, com problemas de osteopenia nos quadris com evolução para osteoporose, desenvolvi mais uma doença auto-imune – a Artrite Reumatóide. Falta de sorte? Não, falta de diagnóstico!

Nas doenças auto-imunes o corpo ataca a si próprio. E na doença celíaca as células do sistema imunológico danificam as vilosidades do intestino delgado provocando uma inflamação, ou seja, elas destroem a porção do intestino responsável pela absorção de nutrientes necessários à manutenção da boa saúde.

O glúten é a proteína responsável por desencadear o processo inflamatório. As células do sistema imunológico presentes na sua maioria no trato digestivo e encarregadas da defesa do organismo tratam o glúten como se este fosse um impostor, e travam uma verdadeira batalha para destruir o invasor. No combate, as partes afetadas são, exatamente, as vilosidades, encarregadas de digerir e absorver os alimentos.

Diferentes porções do intestino delgado têm a função de absorver nutrientes distintos. Por exemplo, além de outros, o ferro e o cálcio são absorvidos na chamada porção proximal do intestino delgado: local onde a doença celíaca causa mais danos. Ora, não é de admirar os problemas que enfrentei com repetidos quadros de anemia e infindáveis diagnósticos de osteopenia que acabaram evoluindo para osteoporose: ainda assim a doença celíaca, por vezes silenciosa, seguiu seu curso sem levantar suspeitas e sem ser diagnosticada, até o aparecimento da segunda doença auto-imune.

Hoje é perfeitamente documentado e conhecido o fato de que as doenças auto-imunes tendem a aparecer em pares, ou seja, se você desenvolver uma é provável que desenvolva a segunda.

O The New Journal of Medicine catalogou pelo menos 55 doenças relacionadas à doença celíaca ou a intolerância ao glúten. Entre elas encontramos a Artrite Reumatóide, a Esclerose Múltipla, a Ataxia Cerebelar, Doença de Hashimoto, Osteoporose e outras. O problema maior é que como a doença celíaca nem sempre é apontada como uma das possíveis causas de doenças auto-imunes, muitas vezes os pacientes iniciam o tratamento dos sintomas sem eliminar a causa. O que pode, com o passar do tempo, levar ao agravamento da doença auto-imune.

No entanto, segundo pesquisadores, cientistas e médicos não é o glúten que torna o trigo que consumimos um “veneno perfeito e crônico”, mas sim o fato de que hoje usamos uma qualidade de trigo geneticamente modificado com características muito diferentes do trigo que usávamos há cinqüenta anos. E isto explica, em parte, por que a doença celíaca, considerada rara no passado, deixou de ser tão rara assim e hoje afeta um em cada 133 americanos. No Brasil, embora os números não sejam conhecidos, estima-se que a situação seja mais ou menos semelhante.

Com a evolução de ambas as doenças auto-imunes, há dois anos eu precisei andar com o auxílio de uma bengala e as horas produtivas do meu dia foram muito reduzidas, devido às freqüentes pausas para descanso. O cansaço produzido pelas inflamações era tão grande que não restava energia para outra coisa a não ser dormir. Sem medicamentos e com uma dieta alternada e 100% sem glúten recuperei a minha saúde e qualidade de vida. Hoje faço exercícios cardiológicos e musculação três vezes por semana sem nenhuma restrição ou limitação física. A bengala virou estória!

Assim como eu, se você também tem ou suspeita ter a doença celíaca ou qualquer outra doença auto-imune, procure o seu médico e converse com ele. Insista e não desista! Mas lembre-se: uma dieta bem balanceada e 100% sem-glúten poderá fazer milagres pela saúde do seu corpo. Se eu consegui você também pode conseguir o mesmo! O antigo ditado, “Você é o que você come!”, vem provando ser uma grande verdade!

Por Rosanne Martins

Referências
Celiac Disease – The Hidden Epidemic by Peter H.R. Green
The Autoimmune Epidemic by Donna Jackson Nakazawa


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.



Rosanne Martins é bióloga, química, terapeuta holística e coach, palestrante motivacional e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”, para entrar em contato visite o site da autora: www.rosannemartins.com.br.







Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



25/04/2013 22:46:05
No dia das Mães - Um Alerta
Tag: Texto

Muito embora eu tenha acumulado alguma experiência ao ser mãe de três filhos, ainda assim não me sinto totalmente qualificada para falar sobre a responsabilidade de gerar, criar e educar um filho: um desafiador e importante papel, capaz de influenciar, sobre maneira, as sociedades futuras. No entanto, quero arriscar um alerta a respeito do comportamento tirano e exacerbado de uma geração de crianças dominadoras, apontado no artigo publicado pela Folha de São Paulo no dia 20 de março.

É no ventre materno que uma curiosa e misteriosa relação psíquica, emocional e biofísica tem início. E muito antes da relação verbal se instalar, existe outra comunicação muito mais sutil e inseparável, eternizada no momento da concepção. Esta linguagem quântica que cientistas estão apenas começando a entender o poder intrínseco da união é, em minha opinião, o começo da grande responsabilidade materna!

No entanto, embora interessante, não é esta misteriosa relação que desejo explorar. Ela é pertinente apenas para reforçar a idéia da complexidade da vida e do corpo humano, e da capacidade que as mães têm de interferir no desenvolvimento emocional e físico das crianças. Veja como e por que uma simples mudança na alimentação poderá fazer toda a diferença no comportamento das crianças da era industrial:

Pesquisas científicas têm mostrado que alimentos processados contendo açúcares, aditivos químicos, corantes artificiais e conservantes, usados em centenas de alimentos e bebidas infantis, podem causar acessos de birra e comportamentos disruptivos em crianças. Reações do tipo alérgicas e intolerância alimentar podem interferir no comportamento por questões físicas de desconforto ou, como é o caso de alguns aditivos químicos artificiais, podem alterar os níveis de hormônios e neurotransmissores do cérebro.

Pesquisa feita com um grupo de crianças de três anos de idade indicou que estas crianças têm dificuldades de concentração, perdem o bom-humor, são hiperativas, e têm dificuldades de adormecer quando tomam suco de frutas contendo corantes e conservantes.

Recentemente, fatores nutricionais também demonstraram implicações em alterações genéticas associadas ao desenvolvimento do autismo. Mas não são apenas os alimentos oferecidos às crianças que podem causar problemas, uma dieta alimentar pobre em nutrientes durante a gestação aumenta os riscos de a criança nascer com distúrbios do neurodesenvolvimento.

A mais de vinte anos, Hafer, pesquisador Alemão e farmacêutico, observou que o alto consumo de fosfatos se relacionava à problemas comportamentais, dificuldades com o aprendizado, delinqüência juvenil e muitos outros problemas de saúde. Hoje sabemos que gerações de homens e mulheres sensíveis ao consumo de produtos com fosfatos podem ter desenvolvido ou desenvolver problemas de ADD/ADHD - Déficit de Atenção/Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade.

É sabido que o mau comportamento infantil tem muitas causas, no entanto, antes de recorrer, sem sucesso, às questionáveis palmadinhas disciplinares, hoje as mães devem estar atentas, também, aos alimentos fornecidos às crianças e ao rótulo dos produtos processados. A indústria dispõe de uma enorme gama de produtos químicos para preservar os alimentos e estes estão na mira dos pesquisadores como os possíveis responsáveis pelo comportamento hiperativo, controlador e birrento de uma geração infantil em ascensão.

Portanto, se você é mãe e deseja prevenir e evitar que os seus filhos desenvolvam comportamentos controladores, hiperativos, mal-humorados e se tornem pequenos déspotas, confira a lista com os principais alimentos e aditivos artificiais que devem ser evitados.

Lembre-se, é importante criar o hábito de examinar o rótulo dos produtos e, na medida do possível, optar por uma alimentação saudável e de preferência orgânica. Alimentos capazes de sobreviver nas prateleiras dos supermercados durante várias semanas são suspeitos. Fique de olho e garanta às crianças uma vida feliz e bem-humorada!

• Adoçantes artificiais: Sacarina, aspartame, acessulfame de potássio - Encontrados em refrigerantes diets, chicletes, gelatinas, iogurtes e medicamentos. Convertido em ácido fórmico, o aspartame é poderoso veneno e o acessulfame de potássio possível carcinogênico.

• Corantes artificiais: Todos que no rótulo comecem com a FD e C ou Tartrazina – Presentes em milhares de alimentos e remédios. Pesquisas associam estes corantes a altas taxas de asma e reações alérgicas. Podem desencadear sintomas da doença Lupus e estão associados ao Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade, ADHD/ADD. Encontrados em chicletes, balas e etc.

• Conservantes: Sorbatos – Encontrado em margarinas, patês, bolos e produtos com frutas.
Benzoatos – Encontrado em sucos, refrigerantes e medicamentos. Aparentemente, a combinação de certos corantes com benzoatos promove a hiperatividade em crianças.
Sulfitos – Encontrados em frutas secas, sucos de frutas, salsichas e muitos outros alimentos e medicamentos. O sintoma mais comum é a broncoconstrição ocasionando dificuldades para respirar. Mas também podem causar muitos outros problemas alérgicos respiratórios.
Propionatos – Encontrado em pães e produtos de padaria. São muitos os problemas de saúde associados a este conservante, sendo os efeitos cumulativos. Dores de cabeça, de estômago, alergias, irritabilidade, dificuldades para dormir, falta de concentração. Bebes choraram incontrolavelmente após mamar o leite cujas mães haviam ingerido pães com propionatos.
Nitratos e Nitritos – Encontrados em carnes processadas – presunto, bacon, salsichas. Nitratos, quando transformados em nitritos são forte agentes causadores de câncer.




Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.

Rosanne Martins é bióloga, química, terapeuta holística, palestrante motivacional e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”, para entrar em contato visite o site da autora: www.rosannemartins.com.br.





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



27/03/2013 22:23:32
Dia da Mentira ou dos Tolos
Tag: Texto

Vivemos hoje num mundo cheio de meias verdades ou, se preferir, mentiras. Infelizmente, a grande verdade é que muitos interesses econômicos vêm à frente dos ,interesses humanos, e não será preciso ir muito longe para você perceber que falo a verdade.

Vejamos, por exemplo, o que acontece com a Indústria Tabagista – Muito embora a epidemia global do tabaco mate, aproximadamente, seis milhões de pessoas por ano e a economia sofra com o aumento dos custos de saúde e diminuição da produtividade, o poder econômico da indústria tabagista continua a manipular a mídia, a tirar o crédito de pesquisas científicas e a influenciar governos com o intuito de propagar as vendas e a distribuição de seus produtos mortais.

Pior ainda, a indústria do tabaco continua a injetar generosas contribuições filantrópicas em programas sociais no mundo inteiro, procurando criar, desta forma, uma imagem pública positiva sob o disfarce de empresa com responsabilidade social.

Mas eu não estaria contando toda a verdade se deixasse de fora a poderosa Indústria Farmacêutica – O mercado farmacêutico mundial é de trezentos bilhões de dólares ao ano e a expectativa é que chegue a quatrocentos bilhões em três anos.

No entanto, para continuar crescendo a indústria farmacêutica precisa, também, continuar vendendo – drogas – e de acordo com a Organização Mundial de Saúde “existe hoje um conflito de interesses entre as legítimas metas de negócios dos fabricantes e os interesses médicos, econômicos e sociais dos fornecedores e do público, ao selecionar e usar as drogas de modo racional.”

Mesmo no Reino Unido, onde, comparativamente com outros países, os médicos recebem mais informações relacionadas ao uso das drogas, custeadas com recursos públicos, os gastos promocionais das indústrias farmacêuticas são 50 vezes maiores do que os gastos com campanhas de saúde pública.

Portanto, a ênfase e o foco da comunicação e formação da opinião pública recaem sobre o consumo das drogas, superando qualquer iniciativa de melhorar a saúde pública de forma natural e saudável. Por exemplo, diminuindo o consumo dos alimentos industrializados e processados, e aumentando o consumo de alimentos naturais e orgânicos.

Para completar, outra grande potência, das quais também viramos reféns, é a Indústria Alimentícia. Com seus inúmeros aditivos químicos, conservantes e corantes, são muitos os produtos industrializados sendo acusados de causar infinitos males a saúde. No entanto, apesar das denúncias estes produtos continuam a figurar nas prateleiras dos mercados, e as pessoas, alheias aos perigos, seguem cegas ou feito tolas, a consumir, por exemplo, produtos com a adição de aspartame ou acessulfame de potássio – conhecido veneno e possível causador de câncer!

No dia mundial da mentira procure pela verdade, você sairá ganhando!

Rosanne Martins


Rosanne Martins é bióloga, química, terapeuta holística, palestrante motivacional e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”, para entrar em contato visite o site da autora:wwwrosannemartins.com.br.





Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br



26/03/2013 10:58:51
Saúde em Cápsulas
Tag: PDF

Abrir texto



04/02/2013 15:45:28
E a saúde, como vai?
Tag: Texto

Estaria a sua alimentação deixando você doente?

Apesar dos avanços da medicina e da tecnologia, a população mundial está adoecendo em proporções assustadoras, e muitas doenças já são consideradas epidêmicas, ou seja, aumentaram tanto, em número, num espaço de tempo tão pequeno, que levantam suspeitas e alertas. É o caso da Doença de Hashimoto, que afeta a glândula da tireóide, a Esclerose Múltipla, cujo comprometimento do sistema nervoso central resulta na má condução elétrica dos nervos, o Lupus Sistêmico, quando rins e outros tecidos podem ser danificados ou destruídos, e a Artrite Reumatóide, que compromete as articulações e pode atingir, também, pulmão e coração. Isso para citar apenas algumas doenças, pois a lista continua.

Sem dúvida alguma podemos dizer que, hoje, estes são os males que afligem milhões de pessoas no mundo inteiro, afetando não somente adultos de todas as idades, mas também as crianças. Só nos Estados Unidos existem mais de 300.000 crianças acometidas pelas doenças reumáticas, e enquanto temos certeza de que não mais morreremos de tuberculose, por exemplo, não contamos com a mesma garantia quando se trata das doenças inflamatórias: o mal do século.

Mas o que são estas doenças que há 40 ou 50 anos não ouvíamos falar e por que atingiram, na atualidade, patamares fora do controle? E ainda, será que podemos evitar ser o próximo a figurar nas listas de estatística das doenças crônicas e degenerativas? Talvez sim, se medidas drásticas forem tomadas imediatamente. E a primeira delas é a conscientização.

Muito embora as ciências ainda não tenham uma resposta concreta a respeito da origem das doenças auto-imunes, vale a pena investigar as mudanças de hábitos e ambientais, criadas pelo homem nas últimas quatro ou cinco décadas, na ânsia de viver mais e melhor, e observar se as “supostas” melhorias no estilo de vida respondem por parte dos problemas.

Os adoçantes artificiais, por exemplo, figuram entre as suspeitas. O acesulfame potássio, adoçante artificial usado em alimentos, refrigerantes (7UP), balas e chicletes, não somente é visto como um possível carcinogênico, como também é responsável pelo comprometimento da glândula tireóide. Pior ainda é o fato de que este produto já está sendo usado em combinação com o aspartame. E, aparentemente, o efeito sinergético desses dois adoçantes é desconhecido.

O que podemos afirmar, sem medo de errar, é que o aspartame, criado há quase meio século, hoje é altamente criticado e apontado por pesquisadores, médicos e cientistas como responsável por causar diversos males à saúde. No entanto, ainda é amplamente utilizado pela indústria alimentícia em refrigerantes diet, yogurts (Danone, Actívia e muitos outros), chicletes, molhos, produtos sem açúcar, cereais e etc. E muito embora o adoçante tenha sido aprovado pelo FDA, hoje existem inúmeras denúncias de casos de Lupus Sistêmico e diagnósticos de Esclerose Múltipla provocados pelo envenenamento do uso de produtos diets ou sem açúcar, mas que nem sempre o consumidor sabe das possíveis implicações do consumo destes produtos. É o caso das chamadas bebidas diets: Coca-cola, Coca-cola Zero, Pepsi, Sprite, Fanta Zero, e enorme linha de produtos sem açúcar.

Pelo menos 90 sintomas de envenenamento pelo uso do aspartame, presente em mais de 4000 produtos industrializados, incluindo uma lista de 80 medicamentos, já foram identificados. Desde dores de cabeças, urticárias, dormência dos membros, espasmos musculares, convulsões à problemas de descolamento de retina e fala arrastada. Estes são apenas alguns dos indícios, e muitas pessoas estão sendo diagnosticadas, erroneamente, com Esclerose Múltipla ou Lupus Sistêmico quando, na verdade, elas estão sendo intoxicados por metanol. Pois o aspartame, em temperaturas acima de 30ºC, é convertido em metanol e posteriormente em ácido fórmico, que tem efeito tóxico no sistema nervoso. Como a temperatura do corpo humano é em média de 36ºC, toda vez que ingerimos o adoçante este é transformado em ácido fórmico – poderoso veneno.

Outro ingrediente presente na nossa alimentação associado a diversas doenças auto-imunes é o glúten: proteína encontrada no trigo, centeio e cevada. Escondido em pizzas, massas, pães, tortas, cervejas, molhos e comidas processadas o glúten pode estar destruindo a saúde de muitas pessoas sem que elas saibam.

No entanto, segundo pesquisadores, cientistas e médicos não é o glúten que torna o trigo que consumimos um “veneno perfeito e crônico”, mas sim o fato de que hoje usamos uma qualidade de trigo geneticamente modificado com características muito diferentes do trigo que usávamos há cinqüenta anos.

O “The New Journal of Medicine” catalogou pelo menos 55 doenças relacionadas à doença celíaca ou a intolerância ao glúten. Entre elas encontramos a Artrite Reumatóide, Esclerose Múltipla, Ataxia Cerebelar, Doença de Hashimoto, Osteoporose e outras.

De difícil diagnóstico – o método mais seguro é a biópsia do intestino - e ainda bastante desconhecida, a doença celíaca ou intolerância ao glúten nem sempre é apontada, pelos médicos, como uma das possíveis causas de doenças auto-imunes, e muitas vezes os pacientes iniciam o tratamento dos sintomas das doenças sem eliminar a causa. O que pode, com o passar do tempo, levar ao agravamento da doença auto-imune.

O antigo ditado, “Você é o que você come!”, está provando ser uma grande verdade! Se você suspeita que algo não está bem e deseja ter uma boa saúde, investigue, experimente e tente. O melhor remédio é uma boa alimentação, mas hoje é preciso saber comprar. Alimentos orgânicos não são caros. Caro é não ter saúde!


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor. A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.

Rosanne Martins é bióloga, química, terapeuta holística, palestrante motivacional e autora do Livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar”, para entrar em contato visite o site da autora: www.rosannemartins.com.br.





24/01/2013 11:24:13
COMECE 2013 COM O PE DIREITO
Tag: PDF

Abrir texto



14/12/2012 16:20:07
TV Mogi News: Rosanne Martins comenta sobre o possível fim do mundo e desafios e metas para 2013 (Parte 1)
Tag: Texto




14/12/2012 12:56:16
TV Mogi News: Rosanne Martins comenta sobre o possível fim do mundo e desafios e metas para 2013 (Parte 2)
Tag: Texto




14/12/2012 12:55:04
TV Mogi News: Rosanne Martins comenta sobre o possível fim do mundo e desafios e metas para 2013 (Parte 3)
Tag: Texto




12/12/2012 19:55:12
PROMOÇÃO DE NATAL - REALIZE O SEU SONHO EM 2013
Tag: Texto


Neste Natal presenteie com um livro:
“POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR?” É só clicar na imagem ao lado; nas versões Português, Inglês ou Audio-Livro!

Sonhar faz parte da extraordinária natureza humana. Embora nem sempre tenhamos consciência de que temos sonhos, são eles que nos impulsionam a conquistar tudo que desejamos, pense nisso: sonhamos com uma vida melhor para nós e para nossa família; sonhamos com uma situação financeira melhor; sonhamos em ser e estar sempre saudáveis; sonhamos em encontrar um amor; sonhamos em ter filhos; sonhamos com uma carreira profissional brilhante; sonhamos com uma vida espiritual melhor; sonhamos com uma sociedade justa e um mundo melhor!

Ah, sim, temos sonhos incríveis! E o que torna nossos sonhos possíveis de serem realizados é não somente a habilidade que temos de estabelecer planos e metas, mas também o que pensamos e acreditamos a respeito dos sonhos. Porque o homem sonhou voar e acreditou ser possível, um dia ele inventou o avião. Porque sonhou, durante centenas de anos, ir à Lua, lá ele chegou no século XX. Porque sonhou com a luz elétrica incandescente, o destino de nossas vidas foi mudado.

De acordo com dados científicos, hoje sabemos que o cérebro humano responde não às informações que recebe do mundo externo, como acreditávamos, mas sim ao que a mente espera que aconteça. Ou seja, o cérebro responde às nossas percepções e crenças. Neurocientistas que estudam a teoria da expectativa explicam que isso ocorre devido ao fato de passarmos a vida toda sendo condicionados. Na verdade, o cérebro aprende pelo que esperar, aconteça ou não da forma aguardada. Nossas células vasculham e bisbilhotam tudo o que se passa dentro de nós, até mesmo dentro da nossa mente, e passam a informação ao cérebro. Então, se o cérebro espera que algo aconteça de determinado modo, obtemos, com frequência, exatamente o que antecipamos.

É por esse motivo que devemos ter em mente expectativas positivas. Quando substituímos nossos pensamentos controladores e limitantes por crenças mais prósperas - por exemplo, acreditamos que é possível realizar o que desejamos – nosso cérebro assume o trabalho de materializar a possibilidade para nós. Na verdade, ele terá a expectativa de alcançar o que desejamos ou sonhamos e essa é a primeira condição para transformar sonhos em realidade.

A segunda característica importante do cérebro é que ele busca, constantemente, realizar tarefas. Ao entregarmos um serviço a nossa mente subconsciente, ela trabalhará dia e noite para realizar. Portanto, é hora de abandonar os pensamentos pequenos e pobres que não contribuem em nada para o crescimento, soltar as rédeas da imaginação e deixar que a mente vá em busca da realização das tarefas por nós delegadas a ela. Só assim estaremos livres para curtir a felicidade que nos pertence.

Mas como fazer, na prática, sonhos se materializarem? O que é preciso? Bem, é preciso cumprir algumas etapas muito importantes, vejam quais são:

1- Selecione o seu sonho – O que você quer? Sim, é isso mesmo, pois nem sempre sabemos, claramente, o que desejamos. É importante que você escolha o que você deseja, e não algo que alguém pensa que seria bom para você, ok? Então, sinta o que o seu coração quer. (Ganhar na loteria não é uma meta concreta, mas sim um jogo! :-))

2- Transforme o sonho numa meta concreta - Não podemos pegar nossos sonhos. Pois eles ainda não existem, certo? Eles são apenas uma ideia. Então o segundo passo é transformar a sua ideia numa meta. Por quê? Porque metas são objetivos concretos, específicos. Podemos medir. Esta etapa é extremamente importante. Pois sonho e meta são duas coisas diferentes.

Por exemplo: Imagine que a sua meta seja “ser médico”. Na realidade ser médico ainda é um sonho. A sua meta é “Pegar o diploma de médico.” Por quê? Porque no dia que você receber aquele pedaço de papel, tanto você quanto a sociedade concordarão que você, de fato, é um médico. Talvez você ainda não se sinta como tal. Ou talvez você se sinta como um verdadeiro médico num dia e no outro um tanto assustado como se fosse um impostor vestido de branco. O processo de se tornar um verdadeiro médico, alguém capaz de ajudar as pessoas a se curar é gradual e incerto, e você não poderá prever quando se sentirá absolutamente confortável e seguro de que é um médico!

Por outro lado, não há nada incerto em relação a ter ou não um diploma, ou você tem ou você não tem! E para ter o diploma é possível dar passos concretos para conseguir o que deseja numa determinada data. E essa é uma característica extremamente importante com relação às nossas metas: Nossas metas têm que ser concretas e passíveis de serem medidas, avaliadas.

3- Desenhe as etapas num papel - O ponto de partida é a meta já realizada. Quebre o objetivo maior, ou seja, imagine as etapas que você teria que percorrer para conquistar a sua meta. Transforme em etapas menores, de maneira que você possa dar o primeiro passo no dia seguinte. Crie uma espécie de cronograma e imagine as ações necessárias para conquistar a meta. De posse do cronograma comece pela ação mais simples e imediatamente ao seu alcance.

4- Planeje na noite anterior as ações do dia seguinte. A mente subconsciente se encarregará de procurar os meios para realizar os objetivos.

5- Quando esbarrar em obstáculos, reveja atentamente o plano ou cronograma e veja onde pode fazer ajustes para alcançar a sua meta.

6- Por último use a filosofia das formigas: Nunca desista do seu sonho ou objetivo. Ao encontrar dificuldades faça como elas: contorne, escale e desvie, mas persevere até conquistar o seu sonho!

Neste Natal presenteie com um livro: “POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR?” É só clicar na imagem ao lado; nas versões Português, Inglês ou Audio-Livro!

Boa sorte e muito sucesso em 2013!



01/12/2012 11:31:54
MEU PLANO DE METAS PARA O PRÓXIMO ANO
Tag: Texto


Se você chegou até aqui é por que realmente deseja conquistar no próximo ano o sonho que, por um motivo ou por outro, ainda não foi possível alcançar, certo? Parabéns, pois esse é o seu primeiro passo na direção onde deseja ir.

As técnicas descritas e usadas abaixo fazem parte de vários programas e pesquisas que venho compilando há muitos anos, sempre procurando o que há de melhor no sentido de nos ajudar a trilhar o caminho do sucesso e da realização pessoal. Eu digo nós por que eu também me incluo e participo dessa trajetória chamada vida, onde todos nós desejamos o mesmo: sucesso e felicidade nas oito maiores áreas das grandes aspirações humanas. Portanto, você não está só!

I - Decida o que quer

O que você deseja fazer, ser e ter? O que deseja conquistar? O que deseja experimentar? Que posses deseja adquirir? Saia da armadilha do: “Eu não sei o que quero!” Nós sempre sabemos o que desejamos fazer, ser ou ter. No entanto, o que geralmente ocorre é que nós não acreditamos que seja possível conquistar o que desejamos, então não damos a devida atenção aos sentimentos e ao nosso querer. Portanto, se encontrar alguma dificuldade para decidir o que quer, não desista e faça a seguinte experiência:

Feche os olhos e pergunte ao seu coração o que ele deseja. “O que eu desejo fazer?” “O que eu desejo ser?” “O que eu desejo ter?” Procure ouvir o que ele diz. Preste atenção ao sentimento que surge e observe a resposta que vem associada a uma sensação de felicidade. Entre nessa emoção sem criticar. Não dê atenção se ouvir uma vozinha de censura vinda da mente racional. Essas são as nossas resistências, mas podemos vencê-las usando algumas técnicas descritas a seguir.

O importante agora é selecionar o que você quer. Mas, por favor, não pense pequeno ou coloque limites para o que aspira. Tudo o que nós queremos e desejamos fazer, ser e ter vive fora da nossa zona de conforto, lembra? Então o que precisamos é vencer a barreira criada e sair do isolamento auto-imposto.

A nosssa zona de conforto é uma especie de prisão que criamos para nós à medida que vamos crescendo e acumulando experiências. Ela é formada por todos os nossos “não posso”, “tenho que”, “não devo” e por outras crenças infundadas e cultivadas por pensamentos negativos e imagens que fazemos de nós e do mundo. No entanto, da mesma forma que construimos uma imagem inadequada sobre quem somos, podemos construir uma nova imagem mais apropriada aos interesses atuais.

Assim sendo, dentre as oito principais aspirações humanas – relacionamentos e felicidade conjugal, filhos, amigos e mentores, carreira e trabalho, conhecimento e educação, saúde e família, dinheiro e prosperidade, fama e sucesso - qual dessas áreas você deseja colocar o foco para começar a trabalhar? Ou seja, para simplicar o primeiro treino escolha uma das oito aspirações humanas e começa a se exercitar, depois poderá expandir para as demais áreas.

II - Veja o que quer

É através da imaginação e da visualização daquilo que desejamos conquistar que realizamos nossos desejos mais íntimos. Como já dizia Albert Einstein: - Imaginação é tudo. Ela é a prévia das próximas atrações da vida.

A visualização ou o ato de criar imagens vivas na nossa mente talvez seja uma das formas menos utilizadas por nós. No entanto, o ato de visualizar acelera o processo para alcançarmos o sucesso de três formas importantes.

1- Ativa os poderes criativos da mente subconsciente.
2- Focaliza nosso cérebro programando o sistema ativador reticular para que este perceba os recursos disponíveis que estiveram sempre lá, mas que antes não eram percebidos.
3- Atrai e magnetiza pessoas, recursos e oportunidades que precisamos para alcançar a meta desejada.

Durante 21 dias escolha um horário que você possa estar só e não ser interrompido e sente-se confortavelmente num lugar tranquilo. Respire fundo e relaxe. Feche os olhos e exercite sua imaginação. O processo de visualização é realmente simples e tudo o que você tem a fazer é fechar os olhos e ver as suas metas como se estas já tivessem sido alcançadas.

Quando fazemos isso, diariamente, criamos um conflito em nossa mente subconsciente entre o que visualizamos e o que realmente temos. A mente subconsciente tenta resolver o conflito transformando a realidade atual na visão nova e mais excitante.

O importante é fazer com que as imagens criadas na mente sejam as mais reais possíveis. Queremos que estas se aproximem ao máximo da realidade desejada, e a melhor maneira de conseguir isso é prestar atenção nos pequenos detalhes, no local, nos sons e nos objetos do ambiente imaginado. Os detalhes são importantes por que estamos criando uma experiência prática. Se a idéia for viva e detalhada o suficiente a imaginação prática é equivalente à experiência real do ponto de vista do sistema nervoso, e este não consegue distinguir entre o real e o imaginário.

Outro fator importante é que durante esses 30 minutos você se veja agindo e desempenhando com sucesso e da forma ideal quem deseja ser, ter ou fazer. Não importa como você se desempenhou ontem e nem é preciso ter fé que agirá da forma ideal amanhã. Seu sistema nervoso central tomará conta desse aspecto na hora certa, desde que você continue praticando.

Visualize você agindo, sentindo e sendo o que deseja ser. Imagine como você se sentiria se já tivesse o tipo de personalidade que deseja ter ou ser. Suponhamos que você seja tímido e introvertido, então se visualize no meio de outras pessoas agindo de maneira desembaraçada, com segurança e naturalidade, e sentindo-se bem com isso, ou então, digamos que você costuma se sentir amedrontado e ansioso em certas situações, então visulize você agindo com tranquilidade, naturalidade e confiança. Sinta-se corajoso e seguro de si, pois você é o que vê na sua tela mental.

Esse exercício constroi memórias novas e estoca dados na memória central ou sistema nervoso central, criando, dessa forma, uma nova memória e imagem de você. Após praticar durante algum tempo você se sentirá surpreso ao perceber que está agindo de maneira diferente e automaticamente, sem nenhum esforço, pois é exatamente assim que agimos: espontaneamente. Não precisamos pensar ou fazer qualquer esforço hoje para perpetuar comportamentos inapropriados que não nos ajudam a alcançar o que desejamos. Agimos de acordo com as imagens que foram construídas no nosso mecanismo automático no passado. Portanto, para substituí-las ou mudá-las o processo de construção é o mesmo, ou seja, fornecemos novos padrões de imagens ao sistema nervoso central.

Exercício:

1- Pegue uma caneta e bloco e faça uma descrição detalhada do filme mental que você deseja construir, experimentar, desenvolver e visualizar com os olhos da imaginação.
2- Reserve 30 minutos por dia, de preferência sempre no mesmo horário, encontre um lugar tranquilo e privado, relaxe, feche os olhos e entre no seu filme mental. Ensaie, edite e reveja seu filme mental.
3- Gradualmente, aprimore o filme criado em sua mente de maneira que você se veja como o personagem principal e desempenhe exatamente o objetivo que idealizou e deseja alcançar. Procure chegar a esse ponto dentro dos primeiros 10 dias.
4- Nos 11 dias seguintes volte a rodar e curtir o filme mental, repetitivamente, sem mudanças.
5- Você verá que as imagens positivas funcionarão da mesma forma que as negativas. A grande diferença é que as imagens positivas levarão você na nova direção que deseja ir, enquanto às antigas imagens inadequadas nos afastam dos nossos sonhos. Praticando, conseguirá substituir antigos hábitos por novos. Insista!

III - Comece agora

Lembre-se, reserve alguns minutos diariamente e visualize todas as suas metas como já tendo sido alcançadas. Esse é um hábito de importância vital para que você realize os seus sonhos no próximo ano. Os nossos hábitos determinam os resultados que colhemos. Alguns psicólogos estão afirmando que uma hora de visualização equivale a sete horas de esforço físico para conquistar o que desejamos. Embora essa afirmação seja bastante radical uma coisa é certa, exercícios de visualização são umas das ferramentas mais poderosas guardadas na caixa do sucesso. Certifique-se de usá-las e Feliz Ano Novo!





28/11/2012 12:48:19
CINCO PRINCÍPIOS PARA VOCÊ ATRAIR O SUCESSO EM...
Tag: Texto

É com espírito de renovação que ao terminar os doze meses do ano nos preparamos para a chegada de mais um “Feliz Ano Novo!” A roupa escolhida com capricho, por vezes branca ou novinha, o jantar elaborado com requinte para fugir da rotina do dia-a-dia, o local descontraído e a companhia da família ou amigos completam o cenário da festa de Fim de Ano!

Mas e depois? O que você gostaria de conquistar ao longo dos próximos doze meses? Será que se preparou tão bem para os dias que virão como planejou, provavelmente, a comemoração do dia 31 de dezembro? Quais são as suas aspirações, desejos ou sonhos não revelados que fariam seu coração bater forte ao imaginar a possibilidade de ter ou se tornar qualquer coisa que deseje?

Nem sempre damos a devida atenção a estas perguntas ou, às vezes, não sabemos o que ou como fazer para realizar esses desejos, certo? Pois bem, foi pensando nisso que decidi reunir, aqui, cinco princípios que não somente serviram como fundamentos para gerações anteriores, mas também permaneceram verdadeiros na capacidade de produzir resultados modificadores de vida.

Portanto, se você der a cada um desses princípios, prestes a serem revelados, o devido tempo e cuidadosa atenção, ficará, com certeza, feliz com os resultados.

1- Filosofia Pessoal – Observe e investigue qual é a sua filosofia de vida! Tudo aquilo que você pensa, acredita, suas idéias e conhecimento são fatores determinantes nas conquistas futuras. O que temos hoje, atraímos pela pessoa que nos tornamos. Se você deseja ter mais, é preciso se tornar mais. Portanto, o investimento começa com você! Quem governa nossos passos e atos são as nossas crenças e conhecimentos. Avalie e questione os seus, e veja se eles estão produzindo os resultados que você deseja conquistar.

2- Atitude – Reveja a sua atitude, pois ela é altamente influenciada pelo seu conhecimento. O passado nos dá experiências e memórias riquíssimas para investirmos, sabiamente, no presente. E me refiro a todas as áreas da vida: carreira, dinheiro, casamento, filhos, amigos, viagens, conhecimento e saúde. Podemos sofrer influências negativas e aprender a pensar e agir de forma tacanha, mas ninguém poderá controlar a maneira como reagimos a estas influências. Como você responde aos acontecimentos está sob o seu controle!

3- Atividade – Transforme em ações concretas o que você visualiza como sendo o seu sucesso. Certifique-se de que os seus pensamentos e filosofia estão em harmonia com os seus desejos e planeje as atividades diárias capazes de levá-lo aonde quer chegar. Desenhe o futuro no papel, pois não basta sonhar. Para alcançar o que deseja é preciso existir uma meta, um plano e ter disciplina.

4- Resultados – Habitue-se a avaliar seus próprios resultados num espaço razoável de tempo. Por exemplo, início de ano é hora de julgar se o que foi plantado no ano anterior deu frutos. Para colher novos frutos talvez você precise mudar a semente ou o solo, ou ainda, mais frequente, mudar quem plantou: você. Lembre-se, para atrair mais precisamos nos tornar mais. Primeiro crescemos pessoalmente, depois avançamos materialmente. Se não conseguimos guardar algumas economias do salário mensal, jamais aprenderemos a poupar se a sorte, por acaso, nos sorrir. Está provado: pessoas que ganharam muito dinheiro da noite para o dia perderam tudo tão rápido quanto ganharam.

5- Estilo de Vida – Aprenda a ser feliz com o que tem, enquanto “luta” para conquistar o que deseja. Quando fracassamos em encontrar a felicidade nas pequeninas coisas do dia-a-dia, fracassamos também em melhorar a saúde, a carreira, o relacionamento, o dinheiro e assim por diante. Podemos aprender a ganhar muito, mas isso não significa saber viver bem. O estilo de vida que levamos é a somatória dos fatores mencionados acima: filosofia de vida, atitude, ações e resultados. Se o seu estilo de vida não é o que deseja, ajuste os princípios. O que todos nós desejamos é ter uma vida mais significativa, mais consciente, mais alegre, mais participativa, produtiva e influente. E para ter mais, não importa o quê, você precisa se tornar mais. Engana-se quem pensa que precisa investir mais no trabalho para conquistar o que deseja. Invista em você e aprenda a dominar estes cinco princípios, pois o sucesso deve ser atraído, não perseguido.

FELIZ ANO NOVO E SUCESSO EM 2013!

Rosanne Martins
www.rosannemartins.com.br




07/11/2012 12:27:59
Dia de Agradecer
Tag: Texto

Talvez você não saiba, mas a próxima quinta-feira, 22 de novembro, é dia de agradecer e comemorar “O Dia Nacional de Ação de Graças”. Que dia é este e a importância que a data pode ter na cultura nacional ou na vida de cada um de nós, brasileiros, ainda é algo para refletirmos. No entanto, a importância pode ser muito maior do que você imagina: Veja por quê:

Curiosamente, o país que se ergueu como uma das principais potências do mundo, os Estados Unidos da América, não somente exibe nas cédulas de dinheiro a frase, “Em Deus nós Confiamos”, como a partir de 1623, depois de acontecer o primeiro encontro entre peregrinos e índios, em agradecimento à boa colheita, passaram a celebrar o “Thanksgiving Day” ou Dia de Ação de Graças.

A data, que sofreu mudanças ao longo dos anos, acabou se fixando como sendo a quarta quinta-feira do mês de novembro, e George Washington, o primeiro presidente americano, estipulou, em seu famoso discurso de proclamação, as bases do agradecimento do Dia de Ação Graças.

Segundo ele, era dever do povo observar e reconhecer, com o coração agradecido, os diversos favores e benções de Deus, e, principalmente, que Ele garantisse à nação a oportunidade de estabelecer, em paz, uma forma de governo que trouxesse segurança e felicidade. Entre outras recomendações, era desejo do governante que todos se unissem de forma humilde não somente para agradecer, mas também para suplicar o perdão; e que o Senhor permitisse a todos o cumprimento de suas obrigações de forma correta e pontual. E ainda pedia a benção para que os governos fossem sábios, justos e seguissem e executassem, com fidelidade, as leis da constituição. Ele também incentivava a prática da religião verdadeira e virtude, e pedia a Deus prosperidade para todos os homens.

Assim nasceu a tradição celebrada até hoje, se tornando uma data comemorativa até mesmo mais importante do que o Natal. No decorrer dos anos a comemoração sofreu, obviamente, a influencia de muitas culturas e povos que migraram para a América do Norte, mas o princípio nobre, espírito de união e propósito permaneceram arraigados na cultura que se tornou altamente influente, unida e próspera.

Coincidência ou não ao pesquisar na Bíblia encontrarmos os seguintes dizeres no livro dos Philippians 4:6 – Não se preocupe com nada, mas, sim, reze para tudo. Diga a Deus o que precisa e agradeça a Ele tudo o que tem.

Sendo o Brasil um país de 194 milhões de habitantes dos quais 64,6 % são católicos, bom seria se contássemos com governantes de princípios semelhantes aos de George Washington. Quem sabe assim, evoluiríamos como uma nação unida e com boa qualidade de vida para todos, cujos valores e foco seriam dirigidos aos interesses da nação e de todos.

Trezentos anos depois, o presidente Eurico Gaspar Dutra instituiu, no Brasil, o dia Nacional de Ação de Graças em 17 de agosto de 1949. Não entendo como nós, que aparentemente gostamos tanto de copiar e emprestar não somente palavras do vocabulário americano, mas também outros “modismos”, ainda não incorporamos, num sentido mais amplo, as virtudes ensinadas pelo dia do agradecimento.

Penso que está mais do que na hora de observarmos estes conhecimentos e ensinamentos, cuja falta tem nos cobrado um preço alto demais: a violência, desunião e desrespeito à nação e ao povo.

FELIZ DIA DE AÇÃO DE GRAÇAS E OBRIGADA POR ME AJUDAR A DIVULGAR!

Rosanne Martins
www.rosannemartins.com






18/10/2012 16:09:33
Just TV – Esquina da Cultura – 17/10/2012
Tag: Texto

Entrevista de Rosanne Martins à Just TV (parte 1).




18/10/2012 16:06:29
Just TV – Esquina da Cultura – 17/10/2012
Tag: Texto

Entrevista de Rosanne Martins à Just TV (parte 2).




01/10/2012 18:48:51
Como Manter a Saúde num Mundo Poluído?
Tag: Texto

Não é mesmo fácil conseguir driblar os desafios do dia-a-dia nas grandes cidades e desfrutar, com saúde, da chamada vida moderna.

É curioso e paradoxal pensar que trabalhamos tanto para chegar ao século XXI, rodeados de prazeres e confortos oferecidos pela vida moderna, e de repente descobrir que estes mesmos bens e confortos ameaçam a saúde mundial.

Complicado de entender? Nem tanto, eu explico: quem já não curtiu fazer aquela paradinha básica num café, a caminho do serviço, e sair saboreando um delicioso cappuccino servido em copo descartável? Ou então, sem tempo de sair na hora do almoço, quem já não pediu ao colega de trabalho para trazer uma comida quentinha e recebeu o alimento acondicionado numa embalagem de isopor, plástica ou de papelão? Fácil de acontecer, não é mesmo?

Agora imagine o prazer de, no final do dia, você entrar no seu carro, talvez ainda cheirando a plástico, e parar na lavanderia para pegar aquele traje especial, lavado a seco, para a comemoração de hoje à noite. Visualizou?

Ótimo! Estes são apenas alguns exemplos da quantidade de produtos químicos e contaminantes que entramos em contato diariamente e não nos damos conta. Pior ainda, não temos a menor ideia de que estes produtos plásticos e químicos podem estar causando um número infinito de problemas: desde obesidade às doenças autoimunes.

Como? É sabido que a dioxina e outros pesticidas, inseticidas e plastificantes como o BPA –bifenol - amplamente utilizados em embalagem de milhões de produtos alimentares, incluindo copos para bebidas quentes, interferem na função hormonal. No entanto, muito embora seja do conhecimento das ciências e pesquisadores, nós não temos a compreensão de que o contato diário com pequeninas doses destes produtos químicos pode, de maneira traiçoeira, afetar o sistema imunológico e a resistência do corpo a muitas doenças.

Mas os problemas não param aí! Pois há grandes chances de que o seu traje especial, lavado a seco, tenha sido tratado com percloroetileno. Outro conhecido produto químico banido do mercado por ser carcinogênico e interferir no sistema nervoso e imunológico. E os resíduos do produto não somente permaneceram na sua roupa após a lavagem, como se acumularão cada vez que a roupa voltar à lavanderia e for tratada com o mesmo produto. Este, facilmente detectável no solo, água e ar, é cumulativo e hoje é encontrado em níveis altíssimos no nosso corpo.

Mas o que fazer para tentar fugir da exposição maciça de contaminantes do solo, água e ar? Adote um senso crítico e investigador. Por exemplo, fique de olho nos alimentos: dê preferência aos naturais. Quanto mais processado e embalado para durar nas prateleiras dos mercados, maior o risco.

Escolha os produtos orgânicos: frutas, verduras, carnes e frangos tratados sem o uso de pesticidas ou antibióticos. Embora mais caros, poderão não somente evitar as despesas médicas futuras, como também ter que lidar com as consequências de uma doença ligada ao sistema imunológico ou nervoso.

Caso você já tenha sido diagnosticado com alguma doença autoimune é importante não se desesperar. Saiba que, assim como você, milhões de pessoas também estão recebendo o mesmo diagnóstico de doença incurável. No entanto, há muito que pode ser feito e muitos estão encontrando o bem-estar e a recuperação da saúde usando, tão somente, uma dieta balanceada, natural e equilibrada.

Não “compre” a falsa ideia de doença hereditária. Para ser hereditária a doença começou em algum momento. O que proporcionou a expressão de um determinado gene é assunto da epigenética, e hoje sabemos muito bem que é preciso a combinação de vários fatores, incluindo os externos, para resultar na doença. Portanto, procure ajuda e ouça diversos especialistas antes de optar por um tratamento que poderá trazer sérios efeitos colaterais.

Boa saúde e até a próxima news!
Rosanne Martins


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor.

A autora encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.



20/09/2012 17:21:42
Entrevista Super Rádio Tupi
Tag: Texto

Rosanne Martins fala à Super Rádio Tupi sobre as doenças auto-imunes.














05/09/2012 11:14:57
Crise silenciosa
Tag: Texto

Não é difícil entender por que em algum momento de nossas vidas chegamos a imaginar e a temer a ideia do quão devastador seria receber o diagnóstico médico de um câncer ou qualquer outra doença cardiovascular. Reportagens e artigos na mídia escrita, falada ou televisada sinalizam, constantemente, os elevados índices destas doenças em função dos desafios, estresse e padrões da vida moderna.

No entanto, imagine agora uma crise de saúde ainda mais arrasadora, ocasionada por doenças que raramente atraem a atenção da mídia, mas que em números já ultrapassam os casos de câncer ou problemas do coração: o formigamento dos pés, pernas ou a sensação de choque elétrico percorrendo a coluna em direção aos pés, podem ser os sintomas da paralisia causada pela esclerose múltipla; o cansaço extremo e a fraqueza incapacitadora associados a dores terríveis devido a inflamações nas juntas e outros órgãos, são alguns dos indícios da artrite reumatoide; dores excruciantes nas juntas, inflamações, erupções na pele e sintomas de gripe constituem os casos de lúpus eritematoso. Cada uma destas doenças degenerativas, com potencial de incapacitar, imobilizar e matar, se somam a outras quase cem enfermidades, todas, sob o nome genérico de “doenças autoimunes”.

Mas o que são as doenças autoimunes e por que aumentaram de forma alarmante nas últimas décadas? O sistema imunológico do nosso corpo desempenha um papel incrível e complexo: reconhecer e ignorar todas as células e tecidos do corpo e, ao mesmo tempo, defender e destruir quaisquer invasores, células estranhas, vírus, bactérias e fungos. Esse fabuloso sistema de defesa do organismo é capaz de não somente nos proteger como também reconhecer e eliminar bilhões de diferentes infecções com as quais entramos em contato.

Quando tudo está em perfeito estado e funcionando, como uma espécie de máquina bem ajustada, o sistema imunológico ou o sistema de defesa do corpo é capaz de reconhecer a entrada de um vírus ou bactéria e iniciar uma verdadeira batalha para destruir o invasor. Desta forma, dentro de alguns dias conseguimos nos recuperar, por exemplo, de um resfriado. No entanto, é exatamente este mesmo sistema que embora tenha sido desenvolvido com a função de nos proteger, em algumas situações se volta contra o próprio organismo e começa a atacar e destruir as células, tecidos e órgãos, ocasionando assim as chamadas doenças autoimunes.

Os números são alarmantes e crescem no mundo inteiro: Comparativamente, a Associação Cardíaca Americana (The American Heart Association) estima que um em vinte Americanos terão doença coronária, e um em quatorze terão câncer em algum momento de suas vidas, segundo o Centro Nacional de Estatísticas de Saúde (National Center for Health Statistics). Enquanto isso se estima que um em doze Americanos e uma em nove mulheres desenvolverão doença autoimune. Ora, isso significa dizer que é mais provável uma pessoa desenvolver algum tipo de doença autoimune do que câncer ou doença do coração.

No Brasil, embora não se saiba ao certo os números destas doenças a situação não é muito diferente. Somente a diabetes do tipo 1, outra doença autoimune que resulta da destruição das células beta do pâncreas, as quais produzem insulina, contribui com 5,6% da população, segundo dados do Ministério da Saúde.

Os motivos e as explicações para o aumento destas doenças estariam ligados a muitos fatores, entre eles não somente os poluentes do ar, água e solo, mas o acumulo desses contaminantes no corpo. Segundo pesquisa realizada com pessoas que não foram expostas a estes produtos químicos, ou no trabalho ou por residirem próximo a locais de emissão, foi encontrado, em cada participante, uma média de 91 compostos industriais, poluentes e outros produtos, incluindo inseticidas, dioxina, mercúrio, cádmio e benzeno. A variedade de produtos químicos acumulada no organismo dos indivíduos testados se deu, tão somente, devido às exposições comuns que estamos sujeitos diariamente. Em média, cada participante tinha no organismo um nível detectável de 53 produtos químicos conhecidamente imunossupressores, ou seja, produtos capazes de interferir no funcionamento do sistema imunológico.

Mas a quantidade de produtos químicos e poluentes com os quais entramos em contato diariamente não pára por aí. A situação e aumento das doenças autoimunes é tão dramática que de acordo com as palavras de um epidemiologista, “É um World Trade Center em câmera lenta, jamais notaríamos”.

No entanto, um dia, as gerações futuras saberão e entenderão que este foi o legado deixado por nós: Um mundo poluído e doente! Será mesmo que compreendemos a abrangência e as implicações da chamada vida moderna, e o que isto acarreta não somente hoje, mas o que ocasionará para as gerações dos nossos filhos e netos?

Rosanne Martins



26/06/2012 02:04:46
Sonhadas Férias
Tag: Texto



As férias chegaram e talvez você esteja de malas fechadas e pronta para embarcar na viagem dos seus sonhos.

Ai, que delícia! Viagem planejada com antecedência, hotel escolhido e reservado para a chegada na cidade grande e daí em diante somente o destino poderá dizer qual será a próxima parada. Talvez você decida partir na manhã seguinte e ir direto para o interior, lá chegando ao cair da tarde.

Ainda carregando as malas e sem saber direito aonde ir, nada, de fato, importa. Afinal, é a hora mágica do dia, o por do sol, e você se vê rodeada pela paisagem única e romântica da bela Toscana!

Saudade de um passado que nunca existiu você fecha os olhos por uns instantes, tomada por um sentimento forte, e tenta eternizar na memória a paisagem quase surrealista. Seria apenas um sonho?

Quando volta a si um garoto local oferece transporte até a pequena Vila de Bibbiena e sem pensar muito você entrega a bagagem ao menino e entra no ônibus que saí em meio às plantações pela estrada empoeirada.

Sem notar a passagem do tempo, absorta pelo espetáculo formado pelos vinhedos e os raios de sol filtrados pelos pinheiros altos da margem da estrada, a hospedagem nem pareceu tão longe da cidade mais próxima. E você desce. Recebida por outro garoto, ele indica o caminho a seguir até o alto de uma ladeira. Lá chegando, já um tanto cansada, você toca um pequeno sino, pendurado no portão pelo lado de fora e aguarda.

No entanto, a hospedagem parece vazia e você decide entrar. O ambiente é rústico e aconchegante. Da pequena recepção você consegue ver na sala ao lado algumas revistas espalhadas em cima de uma mesa de madeira antiga, e um sofá de aparência macia. Ainda sem encontrar alguém você continua entrando para espiar o ambiente e decide sentar-se no sofá. Enquanto espera, pega uma revista para ler, mas como tudo está escrito em italiano você acaba folheando as páginas e olhando apenas as fotos e, sem perceber, adormece e sonha.

No sonho você se vê de volta à cidade natal e à rotina da vida diária. Cansada de ir do trabalho para casa e de casa para o trabalho você decide, um dia, que precisa mudar de vida e encarar o sonho de fazer a viagem que sempre quis, desde menina. Conhecer a bela Toscana!

Acostumada a ouvir as histórias contadas pelo “nono”, talvez conheça melhor a cidade do que qualquer morador local. Mas como realizar, de fato, o antigo sonho de conhecer a terra do “nono” se o dinheiro que ganha mal dá para pagar o aluguel. E você decide elaborar um plano de como conquistar o que deseja. “Sonhos são para ser realizados, se não fosse assim não o teríamos!” Você reflete e repete para si mesma!

Munida de papel e lápis você desenha no papel as “Sonhadas Férias”, e monta uma espécie de cronograma onde o seu objetivo principal é conseguir fazer uma viagem de 30 dias, que a levará de volta às origens da família. Depois de trabalhar dias no projeto de como conquistar o que deseja e desmembrar o sonho maior em pequeninas etapas, o quebra-cabeças parece completo e você está pronta para começar a executá-lo. Tudo o que precisa fazer é começar pela tarefa mais simples. Basta dar um telefonema, ligar para um amigo, visitar uma agência de viagens e assim por diante.

O despertador toca e você, confusa, olha em volta querendo entender o que aconteceu. Sobre a pequena cômoda do quarto a mala de viagem, entreaberta, aguarda você guardar o último casaco. Sim, é isso mesmo. Chegou o dia da tão “Sonhada Viagem” e você está prestes a embarcar para a charmosa e romântica Itália! O plano, elaborado para conquistar o que você sonhou virou realidade, claro! Assim é com tudo! “Ciao bella, arrivederci!”



Sim, este é um sonho como tantos outros que temos. Mas o mais importante de tudo é saber que se você tem um sonho e deseja realizá-lo, nada é impossível! Venha sonhar comigo e elaborar o seu plano de conquista. Quem sabe amanhã estarei aqui contando a sua história!

Rosanne Martins

Rosanne Martins é escritora e autora do livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar?”. Bióloga e Terapeuta Self-Healing ela também realiza palestras relacionadas à saúde do corpo e da mente. Visite o site da autora: www.rosannemartins.com.br





25/06/2012 15:59:24
PARABÉNS VISKASE BRASIL
Tag: Texto

Foi com um nó na garganta e os olhos cheios de lágrimas que recebi e li os primeiros e-mails vindos da família Viskase, recém instalada na nova casa, como vocês chamaram com grande propriedade, a jovem e inaugurada mega fábrica e escritórios da Viskase Brasil.

Parabéns! Esta é uma história que começou há doze anos, em Guarulhos, com a admissão do atual Vice-presidente da América Latina, o Sr. Newton R. Martins, que muito embora seja um executivo de grande competência e valor, a conquista não teria sido possível se outros valores pessoais e técnicos, tão bons quanto o dele, não tivessem se somado ao esforço e dedicação de conquistar um objetivo único: o crescimento e o sucesso da Viskase Brasil.

Hoje é dia de comemorar! Em meio às caixas de papelão e a provável ainda falta de organização dos detalhes é hora de agradecer a todos e dizer que vocês fizeram um grande trabalho! E merecem o reconhecimento pelo empenho e compreensão de que é preciso o trabalho em equipe para se alcançar o sucesso.

O antigo e pequeno segmento da Viskase, quase falido e entregue à direção do meu marido, Newton, há alguns anos, cresceu e prosperou tanto, que vocês foram “obrigados” a mudar. Pois a antiga e pequena instalação não podia mais comportar a atual e ainda em crescimento “Grande Viskase”, que vocês ajudaram a construir. Como diz a nossa querida ativo fixo, a Sra. Ronileide, vocês são, hoje, uma empresa multinacional de importância fundamental para os lucros globais da empresa.

É claro que com todo este crescimento vieram também maiores obrigações e envolvimentos, novas pessoas entraram no barco e vocês continuam remando. Mas que satisfação e alegria ver que remam juntos, e onde há união há, também, prosperidade!

Que os novos tempos sejam tão felizes e lucrativos como o primeiro que passou, que a Viskase Brasil continue crescendo unida e que todos vocês continuem crescendo juntos. A conquista é de todos!

Ao meu querido marido, Newton R. Martins, a minha eterna admiração e parabéns por este trabalho lindo! Que Deus abençoe a todos vocês!

Um beijo grande e abraço a todos!

Rosanne Martins



30/05/2012 19:18:34
Rosanne Martins na Jovem Pan Online
Tag: Texto



Nesta edição do programa JP Online Entrevista, Fernando Zamith recebe nos estúdios da Jovem Pan Online Rosanne Martins, escritora e autora do livro "Por Que Sonhar Se Não Para Realizar?". Nesta conversa, Rosanne fala sobre seu livro, a busca do ser humano pela felicidade e sobre o Dia dos Namorados.

Acesse em
http://jovempan.uol.com.br/videos/escritora-fala-sobre-a-busca-do-ser-humano-pela-felicidade-66015,1,0



29/05/2012 21:58:01
COMO ENFRENTAR JUNTO COM SEU PARCEIRO AS ADVERSIDADES DA VIDA
Tag: Texto

Não há vida sem desafios e adversidades. Estes são os instrumentos através dos quais a natureza nos ensina a crescer e a evoluir. Aprendemos quando sofremos! Por mais que a gente queira ou faça força para ser diferente, são exatamente as decepções e os desgostos que nos tiram de um patamar de evolução e nos levam a um nível mais alto. Querer acreditar no contrário é viver iludido e pronto para se decepcionar. Portanto, ter consciência de que a vida nos traz desafios e aceitá-los com facilidade é importante para superarmos as adversidades.

Não quero dizer com isto que não devemos buscar a felicidade diária. Mas sim, compreender que vivemos num mundo de dualidades. Nenhuma situação é totalmente ruim. Podemos sempre procurar o lado positivo do que nos parece negativo. Fácil não é, mas é possível!

Os relacionamentos fazem o mundo pulsar. Tudo gira em torno desta habilidade humana. Os negócios, as guerras, os nascimentos são frutos dos entendimentos ou desentendimentos humanos. É através dos relacionamentos que experimentamos picos de puro êxtase ou vales de imensa agonia na trajetória da vida. Portanto, os relacionamentos figuram como sendo não somente uma das áreas mais importantes da vida do ser humano, mas também de extrema complexidade.

Ao compreendermos a complexidade das relações humanas, entendemos também a importância de refinar nossos conhecimentos e aprendizados sobre o ser humano. Pois uma coisa é absolutamente certa a nosso respeito: Não somos perfeitos! Ninguém é perfeito! E como mencionei acima os relacionamentos proporcionam as melhores e as piores experiências de nossas vidas. Portanto, há sempre espaço para crescermos.

Se pudéssemos criar uma cartilha de A a Z sobre como manter relacionamentos saudáveis em tempos de boas e más colheitas, poderíamos dizer que além do amor, que merece o lugar de destaque, alguns tópicos são imprescindíveis. E aqui cito os principais indicados por experts:

1- Propósito em Comum – Um dos princípios básicos para mantermos o relacionamento saudável é ter um propósito em comum. Este, muitas vezes, é ignorado. No entanto, para que o relacionamento seja duradouro e sólido é imprescindível ter um objetivo comum.

2- Paciência – As pessoas não são perfeitas e, com frequência, nos desapontarão. Por outro lado nós também desapontaremos outras pessoas. Portanto, ao mesmo tempo que tentamos ser pacientes, também precisamos da paciência dos outros. Frequentemente vemos relacionamentos se desfazerem por falta de flexibilidade e paciência. Tanto no que diz respeito ao relacionamento a dois como nos negócios e amizades. Pesquisas indicam que casamentos que sobrevivem a grandes desafios tornam-se ainda mais fortes após as adversidades. A paciência acaba ganhando. Relacionamentos rompidos muito cedo por que o outro não é perfeito acabam descobrindo que o próximo parceiro, esposa ou parceiro de trabalho também não são perfeitos. Portanto, seria ótimo cultivarmos esta qualidade e aprendermos a ter mais paciência.

3- Fidelidade – É importante estar comprometido com o valor fidelidade para que o relacionamento tenha chances de evoluir e alcançar níveis mais profundos. Estar certo de que o outro não pretende ou não se interessa por outros relacionamentos mesmo quando as dificuldades aparecem fortalece a relação e nos faz sentir importantes, seguros.

4- Gentileza – Relacionamentos funcionam melhor quando somos gentis. Uma personalidade mais feliz e gentil pode auxiliar em muito no relacionamento. Ninguém gosta de estar ao lado de pessoas mal-humoradas. A verdade é que quanto mais gentil somos, mais interessante nos tornamos aos olhos dos parceiros, sejam eles afetivos ou de negócios.

5- Coração à serviço – Segundo Zig Ziglar podemos ter qualquer coisa que desejamos na vida se ajudarmos outras pessoas a conseguir o que elas desejam. Via de regra, isto é exatamente o oposto do que as pessoas procuram e esperam dos relacionamentos. Pois alimentamos a falsa idéia de procurar alguém que nos faça feliz. Quando deveríamos procurar alguém para fazer esta pessoa feliz. O importante aqui é compreender que para receber amor, devemos, primeiro, dar amor.

Portanto, não se desespere ou se precipite a atribuir as adversidades da vida ao relacionamento. Como tudo na vida, os desafios também passam, e se formos persistentes e pacientes o suficiente, com amor, comprometimento e vontade de conquistar o sucesso juntos, as relações podem ser eternas.

Feliz Dia dos Namorados!
Rosanne Martins



29/05/2012 17:16:17
Workshops para Visão
Tag: Texto

MINI-WORKSHOPS
PARA MELHORIA DA VISÃO
Local: Espaço Ulabiná
Av. São Camilo, 288 – Granja Viana – São Paulo – SP

Dias: 2 e 3 de junho.

EVENTOS GRATUITOS
Os instrutores de cada workshop são terapeutas do Método Self-Healing e estiveram mergulhados por 10 dias intensivos, em estudos avançados de VISÃO, com Meir Schneider, Fernanda Ribeiro e Sonia Carrocine.

Agora, estes terapeutas irão transmitir a você, o que de mais precioso aprenderam. Venha praticar e aprender a cuidar da saúde dos seus olhos . Escolha e participe de quantos módulos desejar, e tenha Meir Schneider, criador do método, como seu colega de sala.

Horário: Sábado - 2 de junho
Das 9:00 às 10:15hs – Princípios dos Exercícios Visuais
Das 10:30 às 11h:45hs – Melhorando Problemas Refrativos – miopia, astigmatismo, hipermetropia.
Das 13:45 às 15:00hs – Exercícios para Degeneração Macular.
Das 15:15 às 16:30hs – Exercícios Lúdicos para Crianças.

Horário Domingo - 3 de junho
Das 9:00 às 10:15hs – Equilibrando o Uso dos Dois Olhos – Melhorando a Visão Periférica.
Das 10:30 às 11:45hs – Exercícios para Presbiopia – Vista Cansada.
Das 13:45 às 15:00hs – Superando o Stress Visual pelo Uso do Computador.
Das 15:15 às 16:30hs – Exercícios para Glaucoma.

Esperamos por você!

Beijo carinhoso,
Rosanne Martins




16/05/2012 14:55:23
PARTICIPE
Tag: Texto

Olá a todos!

Amanhã farei mais uma palestra no Colégio OEMAR e gostaria muito que você viesse! O assunto, eu tenho certeza, poderá fazer grande diferença nos próximos, três, cinco ou dez anos da sua vida.

Venha e participe! Traga também o seu sonho, aquilo que você deseja realizar, pois amanhã iremos trabalhar juntos!

Um beijo carinhoso e até amanhã!
Rosanne Martins

Endereço: Rua Jaguari, 364 - Bosque da Saúde - SP
Horário:14h



06/05/2012 17:41:14
JP Online: Especialista revela como assumir o papel de mãe
Tag: Texto

Ser mulher nos dias de hoje não é fácil. A sociedade cobra uma dona de casa exemplar, uma profissional respeitada, uma esposa fiel e principalmente uma MÃE zelosa.

Mas como a mulher de hoje deve se preparar para essa JORNADA.

Esse é o ponto de partida do bate-papo entre José Luiz Menegatti e a autora do livro "Por que Sonhar se Não Para Realizar", além de autora do artigo "SER MÃE". Ouça a entrevista.




03/05/2012 12:49:29
Ser Mãe
Tag: Texto



Por mais que uma mulher possa desejar ser mãe eu acredito que nenhuma de nós, e aqui eu me incluo, está realmente preparada para assumir o papel cujo treinamento formal não existe – O papel de ser Mãe.

No teatro da vida somos treinadas e preparadas para desempenhar diversas funções e papeis. Mas nenhum estágio nos dará as habilidades específicas que no futuro serão tão importantes e necessárias para desempenharmos, talvez, um dos papeis mais importantes da nossa sociedade: ser Mãe.

Os aprendizados institucionais começam cedo, no Jardim de Infância, e tanto meninos como meninas se esforçam para fazer parte do modelo social ao qual somos expostos. Em geral, colecionando pequenas marcas do tempo de infância e superando alguns desafios inerentes a cada etapa da vida, chegamos à fase adulta equilibrados do ponto de vista emocional e certos de estar prontos para trilhar os passos dos nossos pais.

Críticos vorazes na adolescência, descobrimos que as mães são criaturas que parecem vindas de outro planeta e, obviamente, não têm idade! Foram sempre assim, adoráveis! Mas, talvez, um tanto ultrapassadas. Mães não compreendem muitas coisas a nosso respeito e dominam com maestria a arte de se preocupar. Vivem neste estado de entorpecimento onde tudo parece girar em torno desta coisa aborrecida cujo objetivo é nos controlar 24 horas.

Superada esta fase nos vemos ansiosos para ingressar na chamada vida adulta. Conquistamos a tão sonhada independência e nos sentimos prontos para fazer valer a própria soberania. Adoramos nossas mães, mas, nitidamente, elas precisam de algumas atualizações. E decidimos ser pais e mães jovens, legais e amigos dos filhos, sem caretice! Claro, acreditamos que podemos melhorar ainda mais esta relação delicada entre pai, mãe e filhos. Afinal, somos uma geração mais aberta, atualizada, adquirimos uma série de conhecimentos e queremos sempre inovar!

É neste momento que a natureza nos presenteia com um pequeno produto inacabado, mas absolutamente adorável! É impossível não se apaixonar perdidamente por ele: a mãozinha, o pezinho, as coxas cheias de curvinhas e a bochecha fofinha são alguns dos atributos irresistíveis do pacotinho entregue. E a famosa personagem, Mãe, entre em cena. Via de regra, iniciamos a trajetória com descobertas surpreendentes – desde um sentimento de amor indescritível a uma sensação de pleno e total despreparo para desempenhar o tão nobre papel.

Mas o eterno ciclo da vida cumpre seu misterioso destino onde tudo se repete, e a mãe despreparada e não treinada emerge vitoriosa. Ela é grandiosa em sua sabedoria inata e o tempo se encarrega de moldar a mãe que dá sem muito esperar, ouve e sabe calar, usa palavras sábias para confortar, silencia por respeitar e estende os braços para amparar.

Ser mãe é um aprendizado constante numa via de mão dupla e o ensinar é silencioso, através dos atos.

Feliz Dia das Mães!

Rosanne Martins



10/04/2012 11:41:09
Palestra - Saúde, Bem-Estar, Equilíbrio Emocional e o Método Self-Healing (AutoCura)
Tag: Texto

Rosanne Martins ministra palestra gratuita na farmácia Vitálitas sobre Saúde, Bem-Estar e o Método de Autocura "Self-Healing". Dia 12 de abril (5a. feira), 14h. Participe!

Local: Av. Bosque da Saúde, 2020 - Jd. da Saúde
Saiba mais: www.rosannemartins.com.br/00.asp?nPag=07



03/04/2012 13:26:48
Saúde, Bem-Estar e Equilíbrio Emocional – é possível nos tempos atuais?
Tag: Texto

Há alguns anos falávamos que uma pessoa era emocionalmente equilibrada quando ela, ao longo da vida, conseguia resolver e administrar com sucesso traumas e conflitos da infância e mais tarde conseguia lidar com os estresses da vida adulta e se adaptar ao mundo. Mas o problema é que esse ponto de vista assumia um mundo relativamente estável e estático, quando a vida era, em grande parte, previsível. Podíamos esperar, com uma boa margem de acerto, algumas mudanças ou eventos.

Hoje, no entanto, não contamos mais com esse ambiente estável e estático que antes nos permitia voltar ao estado de relaxamento uma vez que a fonte de estresse cessava. Vivemos numa era de tamanho desequilíbrio que ser emocionalmente equilibrado passou a ser: viver com o desequilíbrio!

Fomos treinados a nos adaptar a valores e comportamentos sociais que hoje estão sendo criticados e revistos: Por exemplo, a competitividade, a busca pelo poder individual, o consumo de bens materiais, viver com valores pessoais diferentes do comportamento externo, esgotar os recursos naturais sem levar em consideração as gerações futuras e assim por diante. Os antigos conceitos de adaptação estão sendo questionados em função da sociedade que criamos, pois esta está longe de nos oferecer uma vida harmoniosa e equilibrada.

Na verdade, o antigo modelo não nos serve como guia para vivermos de forma saudável e os níveis de estresse crescem de forma galopante: as carreiras são incertas, os negócios lutam para se manter competitivos, os relacionamentos se desfazem com mudanças de objetivos de vida e valores pessoais, divórcios e pouco ou nenhum crédito no papel que o governo desempenha na vida dos cidadãos nos mantêm em constante estado de alerta e preocupados. Sem mencionar o trabalho em excesso e a supervalorização da carreira. O resultado é o estresse – constante!

Diante do panorama atual qual seria o segredo para vivermos com saúde, bem-estar e emocionalmente equilibrados em tempos desequilíbrio?

De um modo geral os valores que trazemos conosco constituem os fundamentos de uma saúde equilibrada. Hoje estamos começando a compreender e a perceber a importância de usar as nossas capacidades criativas, emocionais, cognitivas e de relacionamentos de maneira a suportar o bem-estar de todos. Tomando por base o fato que todos estão ligados e dependemos uns dos outros.

No entanto, antes que estes valores passem a fazer parte da mentalidade de futuras gerações há muito que podemos fazer para melhorar a nossa saúde, bem-estar e equilíbrio emocional. Por exemplo, treinando nosso cérebro através de emoções positivas. Pesquisadores suportam o fato e ressaltam a incrível neuroplasticidade do cérebro nos mostrando a admirável capacidade que ele tem de aprender e regenerar.

Mas as maravilhas de que o nosso corpo é capaz não param por aí! Venha assistir a palestra gratuita que farei sobre Saúde, Bem-Estar e o Método Self-Healing de Auto-Cura no Núcleo Cultural e Terapêutico Vitálitas. Dia 12 de abril, 5ª feira, às 14h.

Espero por você!
Beijo carinhoso,

Rosanne Martins

OBS: A participação é gratuita e as inscrições devem ser feitas pelo telefone (11) 5061-2766 ou por email: vitalitas@terra.com.br. A Vitalitas fica na Av. Bosque da Saúde, 2020 - Jd. da Saúde.



02/03/2012 19:28:23
O paradoxo feminino do século XXI
Tag: Texto



No Próximo dia 8 de março comemoraremos o Dia Internacional da Mulher. Poetas e escritores já enalteceram e prestigiaram mulheres jovens, mães, filhas, esposas e trabalhadoras. Mas qual seria o papel da mulher nos dias atuais? Quem é a mulher do século 21? Estaria ela feliz e completa; pronta para entregar seu legado a futuras gerações?

A mulher que comemoramos hoje saberia que a de ontem morreu queimada e trancada por policiais e pelos donos de uma fábrica de tecidos por reivindicar igualdade de salários e diminuição da jornada de trabalho de 16 para 10 horas, no dia 8 março de 1857? Talvez não!

Vale lembrar também que, praticamente 100 anos antes da tragédia ocorrida na fábrica têxtil Cotton, em Nova Iorque, Mary Wollstonecraft publicou e reivindicou em seu famoso livro “A Vindication of the Rights of Women”, a igualdade social e moral dos sexos. No entanto, ainda assim, nem mesmo os anos de história foram capazes de evitar a morte das tecelãs.

Mais cem anos se passaram e em 1960 a pílula contraceptiva foi aprovada pelos órgãos competentes e no ano seguinte, disponibilizada para consumo, deu à mulher o direito e o poder de controlar a reprodução. Era o início de grandes mudanças na vida sexual feminina.

Mais tarde, em 1966, Betty Friedan, escritora e ativista dos direitos femininos, e outras vinte e oito mulheres fundaram a NOW – Organização Nacional para Mulheres.

O propósito da organização era fazer com que as mulheres tivessem plena participação na sociedade americana da época e exercessem todos os privilégios e responsabilidades da mesma forma e em parceria com os homens. Sob o lema – “O privado é político, nosso corpo nos pertence”- norte-americanas, inglesas e italianas ganharam as ruas difundindo as ideias da organização.

No Brasil, em São Paulo, em 1975 foi criado o Centro de Desenvolvimento da Mulher Brasileira e muito embora as conquistas da mulher Brasileira também tenham sido muitas; do direito ao voto, em 1932, à criação de delegacias para mulher na década de 80 ainda há muito a ser estudado e, por que não, revisto.

É interessante observarmos a trajetória e a evolução da conquista dos direitos femininos e avaliar, à luz dos acontecimentos atuais, aonde chegamos e como.

A luta para diminuir a lacuna existente entre os direitos do homem e da mulher continua viva. Ideias de igualdade sobre a participação das mulheres na sociedade, salários justos, o controle do próprio corpo, participação nas decisões políticas foram objetivos alcançados com sucesso. Porém, devido à atual insegurança econômica global, a luta feminina prossegue não somente com o intuito de conquistar novas metas, mas também no sentido de manter os avanços feitos.

Mas ao avaliarmos a história que remonta mais de dois séculos nos vemos diante de um, aparente, paradoxo: apesar das conquistas e do status social adquirido a mulher encontra-se, hoje, mais infeliz do que nunca.

No que diz respeito à política sexual, estudos mostram que há uma probabilidade muito maior das mulheres preferirem namorar ou ter relacionamentos estáveis a simplesmente “ficar”. Enquanto os homens reportaram apreciar os relacionamentos de apenas uma única noite por aumentar a sensação de bem-estar e melhorar a autoestima. Em contra partida muitas mulheres se sentiram “usadas” ou desapontadas consigo mesmas.

Ora, é claro que não se pode negar a importância da mulher ter conquistado o direito de agir em termos sexuais da maneira que mais as agrade; é bom ter a chance de optar. No entanto, o sexo casual parece ter adquirido a conotação de necessidade ou expectativa. Hoje, tanto as mulheres jovens como as mais velhas sentem significante pressão das amigas ou mesmo do meio social de se renderem a relacionamentos íntimos que nem sempre se sentem prontas. E se o desejo era de esperar para fazer sexo, elas acabam se questionando se há algo errado com elas: Será que estou sendo “careta” demais e vou acabar ficando para trás?

Hoje, mais do que nunca, a mulher é altamente qualificada no que diz respeito à educação e a formação profissional. No entanto, sexualmente falando, a mulher não somente diminuiu em muito o valor próprio como elas também competem umas com as outras numa tentativa de atrair a atenção dos homens. Desta maneira, correm o sério risco de vulgarizar a própria imagem, exigindo muito pouco ou nada dos homens para que fiquem com elas.

Como mulher, vale o alerta de que o feminismo veio para nos dar opção de escolha e controle sobre a própria vida, não o oposto!

Um beijo carinhoso e um pedido de reflexão às bravas mulheres de sempre e da atualidade!
Rosanne Martins



16/02/2012 20:34:30
Programa Super Cidade - Rádio Tupi AM 1150
Tag: Mídia




02/02/2012 17:25:20
Auto-Cura – é possível?
Tag: Texto

Aparentemente, cada um de nós é dotado de imenso potencial de auto-cura e não nos faltam exemplos práticos que comprovem esta verdade.

Meir Schneider, fundador da Escola para Auto-Cura em São Francisco e criador do Método Self-Healing (Auto-Cura), é um dos exemplos práticos da infinita capacidade humana de auto-recuperação.

De origem Russa e filho de pais surdos, Meir nasceu estrábico, com glaucoma (excesso de pressão nos olhos), astigmatismo (curvatura irregular da córnea), nistagmo (movimento involuntário dos olhos) e com catarata (opacidade do cristalino), ou seja, praticamente cego.

Após ser submetido a cinco dolorosas cirurgias de catarata no espaço de alguns anos, a condição visual do menino, aos sete anos, foi considerada irreversível por um renomado oftalmologista da época. Com a chegada da idade escolar, Meir foi estudar numa escola em Tel Aviv para deficientes físicos, e na quarta série primária já dominava a leitura pelo Método Braile.

No entanto, mais ou menos desde os sete anos de idade até a adolescência Meir tentou, a todo custo, ser como os outros meninos e jovens. Ele jamais aceitou a condição de cego e fez o que pode para levar uma vida igual às pessoas de visão normal. A atitude “rebelde”, de não ceder ao uso da bengala ou ao cão guia, resultou em muitas topadas, acidentes de trânsito (nada grave), esbarrões em transeuntes e motivo de chacota por parte dos amigos.

A grande mudança na qualidade de vida e transformação da condição de cego para portador de carteira de motorista, pelo Estado da Califórnia, teve início na adolescência. Depois de aprender, com dois amigos, alguns exercícios para visão, Meir trabalhou, incansavelmente, na aquisição e melhora da própria visão através da prática de exercícios visuais e do desenvolvimento de novas técnicas de massagens e movimentos.

Hoje, conhecido internacionalmente, Meir não somente já trabalhou com dezenas de pessoas portadoras de doenças ditas incuráveis, como também ajudou a mudar a história de muitos. Beatriz Nascimento faz parte deste grupo de pessoas: Portadora de distrofia muscular, doença progressiva que leva a degeneração dos músculos, fraqueza e limitação de movimento, Beatriz trabalhou durante 9 anos com Meir e fez progressos, considerado por muitos, quase impossíveis. Formada em Terapia Ocupacional e mestre em Ciências Sociais, hoje, ela é uma das conceituadas instrutoras da Escola para Self-Healing.

Muito embora eu não possa dizer que esteja totalmente curada, não seria justo omitir meu próprio caso. Depois de ser diagnosticada com Artrite Reumatóide há três anos, doença progressiva associada ao sistema imunológico, eu também decidi trilhar caminhos não convencionais, uma vez que a medicina tradicional não me pareceu oferecer o que eu buscava – a cura.

Depois de conhecer e estudar na Escola para Auto-Cura, em São Francisco, eu não somente me tornei Terapeuta Self-Healing, como também venho me beneficiando, em muito, do método. Após associar aos trabalhos Self-Healing uma dieta alimentar específica, tenho tido resultados surpreendentes, e acredito que dentro de algum tempo terei dado à inteligência do meu corpo o que ele precisa para se auto-curar: exercícios, movimentos, alimentação adequada, boa respiração e imaginação guiada.

Caso você se interesse por este artigo e deseje saber mais sobre o método Self-Healing e seus participantes, venha assistir a palestra com Meir Schneider no próximo sábado.

Local: Parque Villa Lobos
Dia: 4 de fevereiro de 2012
Horário: 10:00 – 12:00
Pacientes: 15:00 – 18:00

Mais informações com:
Beatriz Nascimento - bian2@uol.com.br ou
Associação Brasileira de Self-Healing (ASBH)

http://www.absh.org.br/agendas/index/190


Um beijo carinhoso e até a próxima news!
Rosanne Martins



02/02/2012 17:18:55
POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR? no Maria Paiva Entrevista - JustTV - 31/01/12
Tag: Mídia




17/01/2012 19:01:02
Ponto de Escolha
Tag: Texto

PONTO DE ESCOLHA



2012 é um ano de muitas previsões, e nós, sem saber ao certo no que acreditar ou esperar, nos questionamos: Será que o mundo vai acabar?

O sentimento é, sem dúvida alguma, de esperança, claro! Todo início de ano somos tomados por uma expectativa gostosa e positiva de que no ano seguinte as coisas serão completamente diferentes. Acreditamos que conseguiremos progredir em áreas da vida que parecem teimosamente emperradas e renovamos a fé de que o novo ano trará as facilitações necessárias para, finalmente, superarmos empecilhos e conquistarmos sonhos e desejos não realizados. Esta é a capacidade da qual somos dotados: recuperação. E isso é muito bom, principalmente em 2012!

Segundo a astróloga Susan Miller o mundo não vai acabar. Pelo contrário, 2012 será um ano em que os astros oferecerão a oportunidade de nos reinventarmos e reconstruirmos. Esta idéia também é apoiada pelos mapas da astrologia Chinesa onde, segundo eles, não há nenhum sinal do mundo físico acabar. As previsões para o Ano do Dragão indicam, porém, um período de grandes transformações. Estas, trazidas por grandes elevações da crosta terrestre, devido aos desastres naturais dos últimos anos e incríveis mudanças.

Ainda de acordo com a astrologia Chinesa o Ano do Dragão simboliza o auge de uma mudança. O Dragão é a figura sagrada associada à primavera. Por representar o futuro, o Dragão não somente nos auxilia a criar metas como também nos traz ambições e desejos de conquistas. No ano regido pelo Dragão o mundo experimentará novos começos em diferentes dimensões da existência. É o início de um período espetacular de renascimento espiritual, quando energias do cosmos iluminarão a terra.

Interessante é que assim como o movimento de rotação da terra faz com que a escuridão da noite anteceda a claridade do dia, a posição do Planeta Terra no Sistema Solar é tal que o período da maior escuridão, da era mundial, aparece imediatamente antes de iniciarmos a orbita que nos aproximará, de novo, do coração da galáxia. E do ponto de vista físico estamos atravessando exatamente esse período. É como se estivéssemos saindo de um período de trevas, marcado pelas profecias como tempos de guerras, sofrimentos, excessos e caos, para um tempo de luz celestial.

Estudiosos como o autor Gregg Braden afirmam que desde as antigas civilizações de Gregos e Egípcios a jornada Terrestre através do universo, conhecida como Precessão dos Equinócios, com duração de 25.625 anos, é descrita como uma órbita circular que nos leva através das 12 familiares constelações do zodíaco. Durante esse período de tempo a Terra passou por 5 Eras Mundiais, com duração de 5.125 anos cada uma.



O que há de extraordinário no ano de 2012 é que nós não somente estaremos completando um ciclo de 25.625 anos como também seremos a geração que testemunhará o término e o início de uma nova Era de 5.125: a Era de Aquários.



Devido à variação da velocidade da nossa jornada através das constelações, há diferentes idéias de quando uma idade zodiacal termina e a próxima inicia. Sabemos que a partir de 2008 iniciamos um movimento de transição da Era de Peixes em direção à Era de Aquários, mas não podemos precisar um momento exato, pois se trata mais de um processo do que de um evento.

Curiosamente, tem sido atribuído a cada signo do zodíaco determinadas características que, aparentemente, refletem as peculiaridades dos tempos em que vivemos. Segundo a autora Caroline Myss, a imagem de dois peixes nadando em direções opostas expressa a contínua necessidade de dividir e conquistar, separar e estudar, dividir o Este e o Oeste, corpo e alma, feminino e masculino, yin e yang, cérebro direito e cérebro esquerdo, intuitivo e intelectual.

Ora, não é de se admirar que estas sejam, exatamente, as características vividas no nosso tempo. Por outro lado, há alguns anos começamos a sentir, cada vez mais, a necessidade eminente de nos unirmos e voltarmos os olhos para o todo, para as comunidades globais, a integração mundial, a compreensão do homem como um todo indivisível - corpo, mente e alma; qualidades que, “coincidentemente”, refletem as características da Era de Aquários.

É interessante observar ainda que, embora o ano de 2012 tenha sido marcado por profecias apocalípticas, os recentes conhecimentos da ciência e avanços tecnológicos nos abrem uma brecha que parece fazer todo sentido: de acordo com a teoria quântica que explica COMO o foco da nossa consciência cria a realidade em que vivemos, o Físico Hugh Everett III vai mais longe e nos fala do que ele chamou de “pontos de escolha”. Estes seriam momentos no tempo quando determinadas condições tornam possível iniciar uma trajetória e depois mudá-la, através do foco da nossa consciência ou crença. Do ponto de vista do Físico, o ponto de escolha - caos, sofrimento e destruição - é praticamente certo, se o curso dos eventos humanos permanecer na trajetória iniciada há dois séculos ou mais.

No entanto, não estaríamos nós tendo uma oportunidade extraordinária de mudar a história da humanidade no encerramento da quinta Era Mundial? Não seria o ano de 2012 o “Ponto de Escolha” onde a partir das energias cósmicas presentes na Terra, pelo alinhamento dos planetas com a nossa galáxia, o momento de mudarmos o curso da história e a trajetória que iniciamos há dois séculos?

Por mais amedrontadora que possa ser qualquer previsão feita para 2012, acredito que já estamos em pleno processo de mudanças: guerras, tsunamis, furacões e destruições já fazem parte do dia-a-dia do século XXI.

O tão temido futuro já chegou e compete a nós mudá-lo: para melhor!


Um beijo carinhoso e até a próxima news!
Rosanne Martins



22/12/2011 17:44:58
JP Online: Hora de usar a célebre frase 'Ano Novo Vida Nova'
Tag: Texto

Escritora Rosanne Martins orienta como se motivar e realizar seus sonhos em 2012

Quem nunca sonhou, de fato, em cumprir a clássica frase "Ano Novo, Vida Nova!"?

O problema é que a gente sempre trava nos obstáculos, já que não conquistamos as coisas em um estalar de dedos?

Qual será a fórmula para conseguir a motivação e promover uma grande guinada na vida?

Sobre o tema, Fredy Júnior conversou com Rosanne Martins, escritora e palestrante motivacional. Ouça a entrevista.




22/11/2011 14:46:59
INTENÇÃO DE NATAL
Tag: Texto


Muito embora o Natal não seja comemorado por muitas pessoas, o convívio social tornou a ocasião, para àqueles que têm outros credos ou simplesmente não curtem o apelo comercial da época, uma prática quase obrigatória, difícil de não se envolver.

No entanto, ainda que você não curta muito o período de festas, veja como se valer da história e da tradição Natalina e aproveitar o momento para levar a sua intenção ao Universo, independente de religião ou crença.

De acordo com algumas tradições, o Natal não é, como costumamos pensar, uma festa cristã, mas sim uma comemoração criada pela igreja para competir com antigos festivais pagãos. No hemisfério norte, membros de ordens pagãs sempre comemoram o Solstício do Inverno, época do ano quando os dias são menores e as noites mais longas. Os Romanos pagãos chamavam esta comemoração de “Saturnália”, em honra ao Deus Saturno.

As festividades tinham início em meados do mês de dezembro e se estendiam até primeiro de janeiro. O dia 25 de dezembro era comemorado como o “Dia do Nascimento do Sol”, quando, gradualmente, os dias se tornavam mais longos e o Sol readquiria sua dominância. Entre as comemorações destacavam-se os banquetes, visita aos amigos e troca de presentes de boa sorte ou “frutas da sorte”. A entrada das moradias Romanas era decorada com guirlandas e árvores verdes enfeitadas com velas acesas.

No entanto, à medida que o cristianismo se espalhava a igreja foi se tornando cada vez mais preocupada com o número de cristãos adeptos às comemorações da Saturnália, e em 350 A.D. o Bispo de Roma, Julis I, selecionou o dia 25 de dezembro para a comemoração do natal. Mais tarde, em 375 A.D., a data foi oficializada como o dia do nascimento de Cristo.

Já os Escandinavos, após rigoroso inverno com longos períodos de escuridão, comemoravam o reaparecimento do sol com grandes festivais e enormes fogueiras. Em algumas regiões, eles amarravam maçãs aos galhos das árvores como um lembrete de que a primavera e o verão retornariam.

Ora, ao observar a história e algumas tradições passadas vemos que o que hoje conhecemos e entendemos como sendo uma festa estritamente ligada à religião cristã não é bem assim. A data, 25 de dezembro, pode, perfeitamente, ter um sentido muito mais amplo e abrir espaço para que cada um de nós, sem importar a origem cultural ou social, crie a sua própria festa e Intenção de Natal. O que importa não é a crença popular, mas sim aquilo que você acredita e pode criar ao seu redor: uma energia de amor, paz, alegria e de esperança.

Assim como os Escandinavos, nós também podemos amarrar, por exemplo, bolas de intenção de natal ou desejos de natal em árvores verdes e colocar, em cada bola, uma mensagem com o nosso intuito ou vontade. O universo adora símbolos e nos retribuirá se soubermos manter o foco. Além do que as mensagens servirão, ao longo do ano, como pequenos lembretes dos nossos sonhos e desejos.

Assim sendo, não fique só ou se prive desta festa que também pode ser sua. Se você crê em Deus, faça a sua prece e comemore o nascimento de Cristo. Mas se a sua crença for outra, aproveite a ocasião e a energia do verão, que tem início no dia 22 de dezembro, e faça a sua a própria festa. Reveja o ano que passou e elabore a sua Intenção de Natal para o novo ano que se aproxima. Afinal, o que conta mesmo é o que você acredita! Portanto, mãos à obra e FELIZ INTENÇÃO DE NATAL!

Um beijo carinhoso,

Rosanne Martins






04/11/2011 13:43:26
VOCÊ ESTÁ PRONTO?
Tag: Texto



É muito comum associarmos o avanço da medicina com o lançamento de novos remédios ou com a criação de sofisticados aparelhos médicos. Isso por que somos, constantemente, bombardeados com a idéia de que precisamos algum produto artificial, portanto criado e fabricado pelo homem, para nos trazer e manter a saúde e a beleza.

Raramente pensamos que as escolhas feitas no dia-a-dia - como os alimentos que ingerimos, os relacionamentos que temos, a maneira como respondemos aos estresses, a qualidade ou intensidade dos exercícios que praticamos ou não, se fumamos ou não - podem influenciar, diretamente, o nosso bem-estar e aparência.

Apostando nas inseguranças humanas e no desconhecimento, indústrias da beleza, saúde e alimentícia, para citar apenas algumas, associadas à mídia, primam em nos oferecer soluções mágicas para restaurar os “defeitos do corpo”. Aos poucos, nos transformamos em presas fáceis da era industrial e nos iludimos acreditando que precisamos de drogas e suplementos diários para conservar a forma física, adoçantes artificiais para manter a silhueta, protetor solar e óculos escuros para nos proteger do sol e desodorantes íntimo para nos manter socialmente apresentáveis.

Manchetes e pensamentos como – A ciência, a tecnologia e a medicina ajudam mulheres e homens a chegar em forma à estação do sol ou Um novo remédio faz emagrecer entre 7 e 12 quilos em apenas cinco meses. E sem grandes efeitos colaterais – estão tão arraigados ao nosso sistema de crenças que, em geral, não questionamos ou estranhamos a veracidade ou necessidade de recorrermos a esse tipo de “ajuda”.

Sem preconceitos, procedimentos cirúrgicos de alto risco, como as lipoaspirações, são marcados, corriqueiramente, em nome da beleza. Rápido e eficiente não traz riscos à saúde, assim acreditamos!

Publicações de diversos jornais incluindo o “The New England Journal of Medicine” mostraram que angioplastias e stents, procedimento cirúrgico comum usado para tratar problemas de coração, não prolongam a vida ou mesmo impedem ataques de coração em pacientes estáveis (pelo menos em 95% dos que se submeteram à técnica). E a cirurgia de ponte coronária prolonga a vida em menos de 2% dos pacientes que recebem.

No entanto, ainda que estudos mostrem que a mudança no estilo de vida pode prevenir, pelo menos, 90% das doenças de coração e até mesmo reverter doenças consideradas degenerativas e incuráveis, muito pouca ênfase é dada ao poder de cura e regeneração que o corpo tem.

Hoje sabemos que mudanças no estilo de vida podem não somente influenciar a expressão de genes responsáveis por prevenir doenças, mas também inibir a expressão de outros relacionados a doenças, por exemplo, do coração, estresse oxidativo e inflamação.

Ora, nós não somente somos proprietários de uma máquina perfeita, o corpo humano, capaz de auto-regular os sistemas internos e até mesmo auto-curar, como também somos livres para escolher a melhor forma de investir nessa valiosa propriedade.

Apesar dos avanços das ciências, acredite ou não, a chamada “medicina alternativa” vem demonstrando ser mais eficiente do que muitas práticas médicas, tamanha a habilidade do corpo em responder, de forma eficiente e positiva, à cuidados tão simples como: caminhar, meditar, fazer pequenas pausas durante o trabalho com computadores, comer frutas e vegetais, tomar água e parar de fumar.

A questão que se apresenta é: será que você está disposto a investir em si próprio ou prefere pagar para que alguém cuide da sua saúde e correr o risco de não dar certo?

Por favor, pare e reflita. A saúde é o seu maior ativo!

Um abraço carinhoso,
Rosanne Martins

Inovação:
A novidade neste fim de mês é que estarei lançando nova newsletter assinada pela minha filha, Flávia Roberta Martins Young.

Flávia estará contribuindo com dicas sobre nutrição e quem tiver interesse de receber a nova news, favor enviar e-mail para fla_roberta@yahoo.ca, pedindo para incluir o nome na lista de e-mails.

Divulgue essa idéia para os amigos se você curte manter a forma e ficar por dentro das últimas novidades da ciência para conservar a juventude e saúde.

Até lá e boa nutrição!



13/10/2011 18:00:08
O Discurso de Stanford
Tag: Texto

Ao ver o mundo voltar os olhos para a importante figura de Steve Jobs e compará-lo ao Albert Einstein do século XXI, senti-me um tanto constrangida de escrever sobre o assunto, mas ousei ir adiante.

Não fosse pelas idéias visionárias e criativas do gênio, poderíamos dizer que, assim como nós, Steve Jobs teve uma história de vida bastante comum. Depois de ser entregue para adoção ao nascer, abandonar os estudos e falecer vítima de um mal que assombra famílias do mundo inteiro, somos levados a questionar se esta é, realmente, a imagem do homem que mudou a maneira como pensamos em termos tecnológicos. Eu digo que não!

Mas quem foi, então, Steve Jobs? Ele foi o homem que fez um discurso simples na Universidade de Stanford, mas que entrou não somente para a história da instituição, mas para a vida dos formandos e de todos nós.

Steve Jobs abandonou a escola influenciado por uma voz que ele arriscou seguir e, para surpresa de muitos, deu certo! De quem estou falando? Da intuição!

Desde pequenos somos ensinados a abandonar essa pequena voz para nos adequarmos ao modelo social. Após anos e anos de condicionamentos, eventualmente, perdemos o contato com a nossa essência e emperramos tentando descobrir e entender o que os outros querem que a gente faça. Aprendemos a agir e a nos comportar para receber aprovação, e em nome de ser sensível nos tornamos insensíveis aos nossos próprios desejos. Não é de se admirar que, muitas vezes, chegamos à universidade sem saber o que queremos.

Após cursar seis meses de “College” Steve Jobs desistiu das matérias que não o interessavam e estudou caligrafia. O motivo? Ele ousou acreditar no destino e a compreender que os percalços da vida têm uma razão de ser. E só podemos unir os pontos do nosso destino quando o futuro encontra o passado. Somente então somos capazes de olhar para trás e entender que o caminho, por vezes tortuoso, leva-nos na direção certa. No entanto, antes, podemos contar apenas com a fé e a intuição: lanternas da nossa estrela.

É, eu sei, a oração está ficando muito parecida com algum discurso que vocês já ouviram ou leram? Certamente que sim, esse é o meu assunto predileto! Foi por esse motivo que me senti um pouco envergonhada de abordar o tema. Não tenho a pretensão de comparar o meu trabalho ou pessoa a de Steve Jobs, mas tenho a felicidade de comprovar, no Discurso de Stanford, que partilhamos a mesma idéia: sonhar, acreditar, amar o que fazemos e realizar. Receita simples, porém mágica em seu potencial!

Adeus Steve, seguiremos, aqui, celebrando sua memória! Essa newsletter percorrerá caminhos criados pelo sonho que você realizou. Muito obrigada!

Rosanne Martins



05/10/2011 10:00:11
TV Record News - Programa NBlogs
Tag: Texto




Convite
Venha participar!

Hoje, quarta-feira, dia 5 de outubro às 14hs -
Na TV Record News – Programa NBlogs
Rosanne conversa sobre
Superação.

Canais 55TVA – 93 Net – 42UHF



03/10/2011 18:57:25
Somos Habituais
Tag: Texto



Mudar hábitos não é fácil! Isso por que somos pessoas habituais, ou seja, nos acostumamos a fazer as coisas de determinada maneira e tendemos a repetir as mesmas ações, hábitos, na esperança de colher resultados diferentes!

Albert Einstein já dizia: “Não pretendemos que as coisas mudem se sempre fazemos o mesmo. A crise é a melhor benção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos.”

Curioso é que nós pretendemos, sim, que as coisas mudem fazendo sempre o mesmo! Com freqüência dizemos que precisamos melhorar a saúde, a forma física, o trabalho, relacionamentos, falamos da violência, do estado, da cidade, do governo e assim por diante. A lista pode ficar enorme, porém se investigarmos as ações que tomamos para mudar o que não estamos satisfeitos, corremos o risco de descobrir que, em algumas situações, não fazemos absolutamente nada; a menos que uma crise se instale!

É muito comum a gente ver uma pessoa com sobrepeso, após uma crise de não conseguir usar uma determinada roupa ou mesmo ir ao médico e ouvir que o coração já está sobrecarregado, decidir fazer uma dieta para perder alguns quilinhos.

Munida de motivação ela encontra uma variedade de dietas disponíveis no mercado com diferentes abordagens e conceitos, e tem sucesso! A bem da verdade a maioria das dietas funcionam quando seguidas como se deve. No entanto, após algum tempo, também é muito comum vermos a pessoa, progressivamente, voltar ao peso anterior, ou às vezes até pior, ela acaba ganhando mais peso do que antes.

Ah, é desanimador e frustrante! No entanto, hoje, com melhor conhecimento de como o nosso cérebro funciona, podemos atribuir o regresso à condição anterior devido ao fato da mente ser habitual. A maioria das funções do corpo é controlada pela mente subconsciente. A implicação disso é que você, ao longo dos anos e à medida que foi crescendo, ensinou a sua mente o que comer e quanto, por que e quando comer. É claro que aí também entram os componentes emocionais, ou seja, a relação que desenvolvemos com o alimento como uma maneira de nos trazer prazer.

Em famílias de pais obesos os filhos, em geral, se tornam obesos. Por quê? Não, não me refiro à genética! Precisamos mudar os paradigmas e compreender que a genética não tem nada a ver com isso! Talvez você fique revoltado ao ouvir tal afirmação, mas seus genes não são responsáveis pelo seu sobrepeso!

A Epigenética, ciência que vai além dos genes, nos mostra a importância que o meio ambiente tem na expressão de genes idênticos. Veja abaixo o caso dos ratinhos de laboratório, gêmeos, portanto têm a mesma informação genética, que foram alimentados com rações diferentes e acabaram produzindo não somente uma pelagem de coloração diferente, mas também desenvolveram estruturas ósseas diferentes (um cresceu mais do que o outro), em função da alimentação que receberam ao nascer.



O mesmo aconteceu com os irmãos gêmeos idênticos, que apesar de terem patrimônios genéticos absolutamente iguais, fatores ambientais e emocionais acabaram influenciando de forma dramática a expressão final de diferentes conjuntos de genes resultando em biótipos diversos.


Portanto, as experiências científicas nos trazem um pouco mais de luz ao eterno debate “genes versus natureza” e comprovam que o ambiente, o tipo de nutrição, condições sociais e emocionais afetam a expressão dos genes.

Assim sendo, é muito fácil nos acostumarmos a determinados hábitos alimentares que podem resultar no aumento de peso, pois a maneira como nos relacionamos com os alimentos é não somente cultural, mas também ambiental e emocional.

Mas se é assim tão difícil mudar hábitos, pois estes estão ligados à mecanismos automáticos do inconsciente, o jeito é nos conformarmos? Claro que não! Existem muitas formas de lidarmos com a mente subconsciente e substituirmos antigos padrões por modelos atuais que nos permitam alcançar os objetivos desejados.

Se você gostou dessa idéia e quer saber mais sobre o assunto não perca a próxima newletter. Trarei dicas de como “driblar” a mente subconsciente e substituir qualquer hábito por outro do seu interesse.

Um beijo carinhoso e até a próxima!
Rosanne Martins


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor.

O autor encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.




27/09/2011 13:42:47
Entrevista Rádio Jovem Pan - José Luiz Menegatti (27/09/2011)
Tag: Mídia




21/09/2011 18:00:03
5.ª Feira do Livro do Ipiranga
Tag: Imagem




16/09/2011 20:04:37
Milagres e Práticas Alternativas
Tag: Texto

Quem já não ouviu falar ou mesmo experimentou, se não pessoalmente, mas com alguém próximo, casos de cura, de remissão de doenças incuráveis ou ainda a recuperação, por exemplo, do movimento das pernas ou da fala quando o diagnóstico médico era de que a pessoa jamais voltaria a andar ou falar?

É muito comum ouvirmos histórias desse tipo e elas são surpreendentes, pois fogem da nossa capacidade de compreensão ao violar o nosso senso do dia-a-dia e desafiar as leis da física e das ciências, conforme conhecemos hoje. Em geral, atribuímos a recuperação a um verdadeiro milagre!

De fato, quando não encontramos uma explicação científica ou médica, a saída é dizer que foi um milagre ou, então, quando médicos se vêem tolhidos e sem o suporte das ciências exatas para dar melhor esclarecimento, acabam justificando a recuperação com o famoso: “erro de diagnóstico”.

No entanto, o erro diagnóstico nem sempre se aplica quando há evidências contrárias irrefutáveis, como foi o caso de um homem de 90 anos de idade, no Oregon, USA, que sofreu um ataque cardíaco agudo. Embora seja contado em tom de anedota, os médicos quando chegaram a casa do senhor o pronunciaram morto. Porém, a filha foi capaz de administrar extrato da pimenta cayena na boca do pai e dentro de alguns minutos ele recobrou a consciência. Imediatamente, ele foi levado ao hospital às pressas e enquanto permaneceu em estado semi-consciente a filha continuou dando o extrato. Ao chegar ao hospital o senhor havia recuperado totalmente os sentidos e insistia ser levado de volta para a casa, pois queria continuar cortando grama. Quando o médico perguntou o que a filha havia dado ao pai e ela explicou que era pimenta cayena, surpreso, ele disse que era um milagre!


“Milagres” são comuns na literatura e nas práticas alternativas, onde, cada vez mais, encontramos soluções e respostas para muitas doenças e condições que a medicina tradicional ainda não é capaz de dar, apesar do avanço tecnológico. Nos últimos anos, a pimenta cayena, entre outras propriedades terapêuticas, ganhou destaque por ser uma erva capaz de parar o processo de um ataque cardíaco em até 30 segundos, segundo afirmam alguns médicos herbalistas.


Recentemente, estive estudando na Escola para Auto-Cura, “School for Self-Healing", em São Francisco, e presenciei o progresso incrível de pessoas com distrofia muscular que estariam limitadas ao uso de cadeira de rodas, em pouquíssimo tempo, não fosse o extraordinário trabalho alternativo envolvendo o movimento com o corpo, massagem e respiração.

A técnica, desenvolvida por Meir Schneider, tem ajudado muitas pessoas a não somente impedir o progresso de doenças ditas “incuráveis”, mas até mesmo reverter quadros já instalados e trazer de volta a esperança de uma vida praticamente normal.

É o caso de Melissa Moody, um exemplo admirável de superação e do poder de recuperação latente que existe em nós. Após sofrer dois acidentes de carro no intervalo de cinco anos, que a deixaram com o rosto desfigurado, seqüela cerebral, costelas quebradas, pulmão perfurado, visão dupla, uma série de problemas musculares e ruptura e hérnia de disco no pescoço, Melissa trabalhou anos com a técnica Self-Healing na própria recuperação e mais tarde tornou-se terapeuta e diretora da escola. De volta a sua cidade, Texas, sua história hoje consta do mais novo documentário sobre felicidade – Happy.

Exemplos como esses nos mostram a capacidade que temos de influenciar o corpo através da mente e a mente através do corpo. Juntos, eles produzem verdadeiros milagres!

Realize seus próprios milagres e até a próxima news!
Rosanne Martins


Declaração: Fora estudos práticos, as informações desse artigo foram baseadas em pesquisas conduzidas pelo autor e estas não devem substituir o seu relacionamento com médicos qualificados e não devem ser entendidas como um conselho médico. A intenção é partilhar conhecimento e informação vindos a partir de pesquisas e experiências do autor.

O autor encoraja a todos que façam suas próprias decisões médicas levando em conta suas próprias pesquisas auxiliadas por profissional médico qualificado.



31/08/2011 14:03:22
Recuperação
Tag: Texto

Estudar nem sempre é a atividade mais prazerosa do mundo. Ter que aprender química quando adoramos geografia ou estudar para a prova de física quando somos apaixonados por interpretar os poemas de João Cabral de Melo Neto, pode se transformar em verdadeira tortura.

No entanto, ir à escola pode ser absolutamente atraente e excitante. Mesmo tendo que sentar em carteiras duras e desconfortáveis e ouvir, horas e horas, aquele professor que parece conversar sozinho sobre assuntos... a respeito do que mesmo ele falava? Ah, não importa! Pois lá estávamos nós, interessadíssimos em ouvir o que o melhor amigo ou amiga tinha para contar.

Tempo especial aquele! Apimentado pelas histórias criadas a partir dos hormônios da época e pelas provas de múltipla escolha, quando errar era quase impossível. Afinal os amigos fiéis estavam sempre por perto e bastava assinalar a resposta correta ou, se fosse o caso, optar pela alternativa “d”: todas as anteriores!

Viver, comparado à escola, é o macrocosmo, porém com uma diferença: É estar matriculado e freqüentar a escola da qual nunca conseguimos graduar. Por vezes pode ser apaixonante e instigante fazer parte da instituição chamada “Escola da Vida”. No entanto, há épocas em que, mais uma vez, lá vem aquele professor vestindo o antigo e conhecido jaleco branco, fazer chamadas orais de surpresa e valendo nota! O desafio para aprender a matéria pode se tornar tão grande quanto a prova de Cálculo II ou o exame de Anatomia do terceiro ano da faculdade. Lembra? Mas isso não é nada, o pior mesmo é quando ficamos de segunda época ou recuperação. O termo exato para essa etapa escolar pode variar. De fato ele depende da tradição institucional, mas vale reforçar que o significado da palavra é: rever conceitos e ser avaliado mais uma vez!

Ah se pudéssemos passar sempre com louvor! Não seria maravilhoso seguir adiante para o nível avançado sem ter que lidar, novamente, com aquele amor ciumento e controlador? Ou então com aquele medo ou paixão que nas levou ao terapeuta durante anos e anos? Sem contar o sentimento de rejeição e baixa auto-estima que acabou nos rendendo indesejáveis rugas, pouca saúde e dívidas enormes. E a flexibilidade, como vai? Resultou em artrite? São tantos os exemplos do por que precisamos da famosa recuperação!

Mas não se desespere se você estiver de segunda época! Observe e reflita a respeito, pois de acordo com a sabedoria Zen : “A mensagem seguinte que você precisa está exatamente onde você se encontra”.

Um beijo carinhoso e até a próxima news!
Rosanne Martins

PS: Para quem leu a news do mês de agosto, “Ficar rico – Por que alguns conseguem e outros não?”, eu gostaria de agradecer os comentários e dizer que infelizmente não sou "expert" em aplicações financeiras. Mas quem desejar ter mais informações eu fiz um curso na XP Investimentos e gostei muito. Então fica aí a dica para quem se interessou.



22/08/2011 14:47:06
A força do amor (Revista Malu)
Tag: Texto

Você já parou pra pensar o que é possível conquistar por meio do amor? Muito mais que romances e laços afetivos, esse sentimento pode ajudar a conseguir coisas muito difíceis, como uma cura, por exemplo. E isso é comprovado pela ciência!

Influência positiva
- Estudos científicos comprovaram que pensamentos e emoções são energias físicas que têm grande impacto na melhora de desempenho dos sistemas biológicos, físicos, emocionais e espirituais.
- Dentre eles, o amor ganha destaque: ele é uma das formas de energia à qual a mente humana responde mais rapidamente quando estimulada, segundo a escritora e palestrante motivacional Rosanne Martins.
- "Ele é tão poderoso que até mesmo curas são praticadas usando apenas a força do amor", complementa.

Efeito comprovado
- Em 1991, um estudo da organização americana HearthMath decidiu explorar o poder das emoções sobre o corpo humano.
- Os cientistas isolaram o DNA humano em um copo de béquer (recipiente de laboratório) e fizeram alguns testes com cinco voluntários.
- Eles se submeteram a uma técnica chamada de Emoção Coerente, que consiste em fazer silêncio com a mente, focar o pensamento no coração e enviar emoções positivas - a energia do amor.
- Sem nenhum contato físico com as amostras, os participantes conseguiram alterar as moléculas de DNA do copo, provando que as emoções humanas são capazes até de mudar uma célula.
- "Criamos forças com o poder da nossa consciência e recebemos de volta exatamente o mesmo tipo de energia que emitimos, influenciando, assim, o universo dentro e fora de nós", explica a especialista.

Pratique!
- "Seríamos capazes de influenciar nossas mentes a viver com mais freqüência sob a emoção do amor?". Com esse questionamento, Rosanne lembra que é possível pensar antes de ter uma atitude negativa e escolher praticar bons sentimentos.
- Segundo Jill Boite Taylor, neuroanatomista da Escola de Medicina da Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, os componentes químicos liberados pelo cérebro diante de uma situação que provoca a raiva, por exemplo, levam menos de 90 segundos para percorrer a corrente sangüínea e serem eliminados do organismo.
- Ou seja: se algo aborrecer você, em vez de reagir automaticamente, espere 90 segundos. O efeito da raiva vai passar, você conseguirá raciocinar e poderá escolher agir pelo bem.
- "A energia do amor constrói, transforma e cura", finaliza a especialista.

Consultoria: Rosanne Martins, escritora e palestrante motivacional.

(Publicado na Revista Malu, 09/08/2011)



08/08/2011 13:39:32
Ficar rico – Por que alguns conseguem e outros não?
Tag: Texto

Será que existe alguma diferença na maneira de pensar de pobres e ricos? Por que muitos trabalham a vida inteira e, embora tenham as mesmas oportunidades que outros têm, não conseguem colher os resultados financeiros satisfatórios experimentados por alguns? Sorte? Preparo? Personalidade? Inteligência? Estilo de vida? Combinação de fatores?

Provavelmente sim! No entanto, mesmo que conseguíssemos reunir todas as peculiaridades associadas ao enriquecimento, sabemos, perfeitamente, que não basta contar com as mesmas circunstâncias e oportunidades para extrairmos daí uma fórmula mágica de como enriquecer. Se assim fosse bastaria criar um compêndio de A a Z, reunindo as conjunturas necessárias, e seguir as instruções, passo a passo, até reproduzir o sucesso financeiro alcançado por uma minoria.

De fato, se pesquisamos na literatura encontramos estudos e procedimentos, alguns merecendo atenção e respeito, que reúnem características comuns encontradas nas pessoas que conseguem enriquecer. Porém, embora relevantes, será que poderíamos atribuir a habilidade de acumular riquezas a algum outro fator de maior importância?

Acredito que sim! Curiosamente, as estatísticas nos mostram que mais de 95% daqueles que enriquecem rapidamente, por exemplo, pessoas que ganham na loteria ou mesmo jogadores de futebol, em muito pouco tempo perdem tudo o que ganham, ficando, muitas vezes, numa situação até mesmo pior do que a anterior ao enriquecimento súbito. Por quê?

De acordo com o multimilionário e presidente da Peak Potentials Training: "Existe uma psicologia secreta a respeito do dinheiro que a maioria desconhece. Este seria o motivo pelo qual muitos não se tornam financeiramente bem sucedidos. A falta de dinheiro não é um problema, mas, sim, um mero sintoma do que se passa dentro de você."

Portanto, assim como tudo mais em nossas vidas, a atual situação da sua conta bancária, saúde, amor, vida social, carreira e etc., não é devido a nenhum outro fator a não ser ao que você, diariamente, carrega em sua mente na forma de pensamentos, ou seja, o sucesso financeiro também começa na mente. Para ser rico você precisa decidir ser rico!

Simples demais para ser verdade? Segundo o Dr. John Demartini, multimilionário auto-fabricado e consultor financeiro – "Se você não valorizar o dinheiro e procurar riqueza, provavelmente, não enriquecerá. Deverá buscar o dinheiro e ele o buscará. Se dentro de você não existir o genuíno desejo de prosperar financeiramente, nenhuma riqueza surgirá ao seu redor. Ter um propósito definido para enriquecer é essencial à sua aquisição."

Em 1926, George Clason escreveu um livro chamado "O homem mais rico da Babilônia". Muitos construíram fortunas aplicando a fórmula simples e fácil sugerida por Clason: Não importa quanto você ganhe, pague primeiro a si próprio guardando, todo mês, pelo menos 10% do seu salário. Com o tempo verá esse valor crescer ao ponto de dinheiro fazer dinheiro, isso devido à mágica dos juros compostos. A fórmula de Clason continua tão verdadeira hoje quanto era há 85 anos. No entanto, quantos acreditam na antiga fórmula e a praticam, ou ainda quantos a conhecem e confiam que, de fato, ela pode fazer "milagres" quando temos o tempo ao nosso favor?

Veja no quadro abaixo a simulação simples e aproximada do que acontecerá com o seu dinheiro se você decidir guardar, durante 25 anos, apenas R$ 250,00 por mês a uma taxa anual de 20%. Lembrando que, hoje, a aplicação direta no tesouro está em 20% ao ano. É importante mencionar que o valor final acumulado na primeira situação (R$ 1.541.468,00) é o suficiente para render uma aposentadoria de R$ 15.856,00 durante 30 anos.

Tempo Depósito mensal Taxa mês Inicial Final
25 anos R$ 250,00 1,5% zero R$ 1.541.468,00
25 anos R$ 250,00 1,5% R$ 5.000,00 R$ 2.018.449,00


Observe também o que acontecerá com o valor final do seu dinheiro se você iniciar a sua aplicação com R$ 5.000,00. Incrível não?

Parece difícil? Nem um pouco, certo? Com alguma disciplina, vontade de enriquecer e acreditando ser possível qualquer um pode chegar lá! Se você não dispõe de 25 anos para poupar não se desanime, sempre é hora de começar e os resultados aparecerão!

Boas economias e até a próxima News!
Rosanne Martins



21/07/2011 17:48:22
JP Online: Imaginação Guiada - Técnica Terapeuta para relaxar
Tag: Texto

Atividades mental, corporal e emocional trabalhando os sentidos da visão, olfato, audição e paladar

Na edição deste sexta-feira do Rádio ao Vivo, nós vamos conhecer mais detalhes da "Imaginação Guiada".

Sabe o que é isso? É uma técnica terapêutica de relaxamento que engloba a atividade mental, corporal e emocional, através do uso de vários sentidos.

Quem explicou melhor a José Luiz Menegatti foi a Rosanne Martins, palestrante e autora do livro "Por Que Sonhar Se Não Para Realizar?". Ouça a entrevista.




15/07/2011 15:21:20
PodCast – Imaginação Guiada
Tag: Texto

Conforme prometi organizei o PodCast relacionado às duas últimas newsletters do mês de junho, Energia do Amor e Livre-se do Estresse. A intenção é fazer com que o nosso corpo relaxe e experimente sentimentos de alegria e felicidade, pois quando estamos felizes cada célula ou cada pedacinho de nós também está feliz. Não existem doenças se estamos felizes.

A Imaginação Guiada é uma técnica de relaxamento delicada. No entanto é extremamente eficaz, pois consegue alcançar níveis mentais que o pensamento consciente não é capaz. Assim sendo, pode ajudar a reduzir a ansiedade, a depressão, o cansaço, aumentar a confiança em si mesmo e auxiliar o corpo em processos de cura.

Procure ouvir duas vezes por dia durante algumas semanas. Com o passar do tempo o efeito será cada vez maior. A repetição é importante e, provavelmente, você estará mais atento a diferentes partes à medida que progredir. Caso não se sinta à vontade com alguma parte, por favor, mude-a você mesmo. Provavelmente sua mente inconsciente o fará de qualquer maneira.

Você não precisará se concentrar cem por cento para que a Imaginação Guiada funcione. Aliás, é bem provável que a sua mente divague ligeiramente enquanto ouve. Se isso acontecer, gentilmente, traga a atenção de volta.

No entanto, mesmo que você durma todas as vezes que ouvir a Imaginação Guiada, ainda assim ela terá um impacto profundo e cumulativo.

Pessoalmente, a técnica tem me ajudado muito com AR, e eu gostaria muito de ouvir o retorno de vocês.

Para baixar o podcast, por favor, faça login com o seu endereço de e-mail e clique em “Crônicas”. Aí encontrará o arquivo em Podcast “Energia do Amor”.

Bom trabalho e sucesso a todos!
Rosanne Martins



29/06/2011 13:54:41
Livre-se do Estresse e Garanta a Juventude
Tag: Texto

O estresse, que parece ser a vedete do século XXI, foi chegando de mansinho e dominando a mente de médicos e pacientes:
– Você precisa relaxar – diz o médico ao paciente – pois dessa forma acabará tendo um infarto!
– Ah, doutor, então quer dizer que o estresse mata?

De certa forma sim. O que antes intuímos como não sendo bom para a nossa saúde, o estresse, hoje sabemos que ele pode não somente levar à morte precoce como de acordo com a Organização Mundial de Saúde, doenças mentais incluindo as enfermidades relacionadas ao estresse serão, no ano de 2020, a segunda maior causa de incapacitação.

Mas afinal o que é o estresse? O estresse acontece quando o nosso corpo se sente ameaçado e responde a estímulos físicos ou emocionais lançando na corrente sanguínea uma série de hormônios que nos dão mais força e energia para enfrentar, por exemplo, situações de desafio. A resposta rápida e automática é conhecida como “Resposta ao Estresse”.



No entanto, nem todo estresse é ruim. Ele não somente pode nos ajudar a manter o foco como também pode nos auxiliar numa entrevista de emprego ou ainda em situações de emergência quando precisamos reagir com rapidez para evitar, por exemplo, um acidente de carro.

O estresse torna-se um problema quando o mecanismo fisiológico “Resposta ao Estresse” é acionado continuamente por estímulos diversos que, na vida moderna, tornaram-se uma constante. Nessas situações o sistema nervoso simpático é acionado estimulando a produção de um hormônio chamado cortisol. À medida que os níveis de cortisol aumentam, diminui a relação entre o cortisol e outro hormônio conhecido como “Hormônio Antienvelhecimento” – DHEA. Entre muitos efeitos fisiológicos o DHEA está associado ao bom funcionamento do sistema imunológico, estímulo de depósito ósseo, diminuição dos níveis de colesterol e construção de massa muscular. Enquanto isso, níveis constantes e elevados de cortisol relacionam-se ao aumento de açúcar no sangue, associado à diabete tipo II, ganho de peso, osteoporose, pressão alta, colesterol alto, problemas de coração, depressão, doenças do sistema imunológico, alergias, insônia e inúmeras outras doenças.



No dia-a-dia somos bombardeados por diferentes tipos de estresse. Por exemplo, quando nos preocupamos com coisas ou acontecimentos sobre os quais não temos controle (estresse interno), estamos, inconscientemente, acionando o mecanismo do estresse.

Em cidades como São Paulo o fator segurança representa uma ameaça muito grande à saúde de todos, uma vez que vivemos sob constante apreensão devido à violência a que somos expostos diariamente.

Outros tipos de estresse relacionam-se ao estresse ambiental, provocado por barulhos excessivos, acúmulo de pessoas, trânsito e trabalho; e o estresse emocional, relacionado a qualquer grande evento da vida. Por exemplo, morte em família, doença, casamento, divórcio e perda do emprego.



Hoje, muito mais que os nossos antepassados, estamos sujeitos a diversos fatores estressantes em função do crescimento mundial, competitividade e o estilo da vida moderna. Assim sendo, parece que viramos vítimas desse mecanismo natural que, descontrolado e ativado continuamente, escreve, diariamente, a nossa sentença de saúde e qualidade de vida. Certo?

Apenas em parte, pois há muitas maneiras e técnicas que permitem controlar, prevenir e até mesmo reverter algumas doenças relacionadas ao estresse: Caminhar, se exercitar, escrever um diário, tomar um longo banho, brincar com um animal de estimação, ouvir música, massagem e jardinagem são apenas alguns recursos simples que auxiliam o relaxamento.

Por outro lado, hoje também existem técnicas de relaxamento desenvolvidas e aperfeiçoadas com o auxílio da ciência que podem nos trazer grandes benefícios – A Imaginação Guiada é uma delas. A vantagem da técnica é que, ao contrário da visualização simples, a Imaginação Guiada usa os cinco sentidos e induz a mente e o corpo a experimentar uma sensação de felicidade e amor, revertendo o mecanismo da “Resposta ao Estresse” para “Resposta ao Amor”.

Assim sendo, a técnica pode ajudar muito a equilibrar os níveis dos hormônios cortisol e DHEA no sangue, lembrando que mais DHEA na circulação sanguínea é sinônimo de JUVENTUDE!

Sugestão? As férias estão aí, aproveite para relaxar e dar ao corpo a chance de voltar ao equilíbiro.

Um beijo carinhoso e até a próxima news!
Rosanne Martins

PS: Para mais informações sobre Imaginação Guiada acesse o site www.rosannemartins.com e cadastre-se. Em Crônicas & Poesias terá acesso a um roteiro poderoso de Imaginação Guiada.



15/06/2011 11:08:24
Help
Tag: Texto

Esta não é a newsletter que envio regularmente, mas peço licença para remeter esse pedido de ajuda que é o seguinte:

Não é verdade que, às vezes, queremos nos desfazer de móveis e utensílios da nossa casa e não sabemos, ao certo, o que fazer com eles?

Pois bem, se você está nessa situação e deseja ajudar quem precisa, aqui segue a campanha “Doação Casa Nova”.

A campanha é para uma pessoa conhecida e amiga, com três filhos, que está precisando de móveis (sofá, mesa, cadeiras), eletrodomésticos, colchões de solteiro ou casal, roupa de cama, cobertores, louça de cozinha, panelas ou qualquer coisa que você possa doar para mobiliar uma casa.

Se você não tem algo para se desfazer, mas conhece alguém que possa cooperar, por favor, me ajude a espalhar a campanha! Você estará contribuindo para uma boa causa.

Quem puder ajudar envie um e-mail para RosanneMartins@aol.com .

Super obrigada!
Rosanne





10/06/2011 18:42:36
A Energia do Amor
Tag: Texto



A energia de maior freqüência do universo em que vivemos é o amor. Ao emanarmos amor vibramos em alta freqüência. Isso significa dizer que numa escala de zero a dez se vibramos amor a nossa nota é dez!

Estudos científicos provaram que pensamentos e emoções são energias físicas que têm grande impacto no desempenho dos sistemas biológicos, físicos, emocionais e espirituais. O amor é uma das formas de energia à qual a mente humana responde mais rapidamente quando estimulada. Ele é tão poderoso que até mesmo curas são praticadas usando apenas a energia do amor.

Criamos com a nossa consciência, e independente do tipo de energia que emitimos, seja ela negativa ou positiva, recebemos de volta exatamente os mesmos correspondentes vibracionais, influenciando, dessa forma, o universo dentro e fora de nós.

Em 1991, uma organização americana, chamada HeartMath, interessada em explorar o poder das emoções sobre o corpo humano e o impacto que estas têm no mundo em que vivemos, realizou a seguinte experiência: eles isolaram o DNA humano em um copo de béquer e fizeram uma série de testes envolvendo cinco pessoas treinadas em aplicar um tipo de emoção conhecida como Emoção Coerente. A técnica consiste em se fazer silêncio com a mente, focalizar o consciente no coração e enviar emoções positivas, ou seja, energia do amor.

Os resultados foram surpreendentes e inegáveis: Sem que houvesse nenhum contato físico dos participantes com as amostras de DNA, estes foram capazes de influenciar e alterar as moléculas de DNA do béquer. Portanto, ficou provado que as emoções humanas são capazes, até mesmo, de alterar o DNA da célula.

Ora, de certa forma, as ciências só vêm a comprovar fatos que nem sempre soubemos como explicar. Por exemplo, como é possível o ser humano ser capaz de erguer um automóvel sozinho, usando apenas as duas mãos, para salvar a vida de um ente querido? Entre outras justificativas, sabemos que nesses momentos um complexo mecanismo do sistema endócrino, conhecido como “luta ou fuga”, prepara o indivíduo para ação liberando na corrente sanguínea hormônios poderosos capazes de nos dar os poderes de: “Shazam!” No entanto, sabemos que a energia capaz de desencadear a série de reações químicas e hormonais associadas a essa força descomunal é a energia do amor! Não é incrível?!

Mas a energia do amor não está presente somente entre os seres humanos. Quem já não ouviu falar de estórias de pessoas que foram salvas pelo amor e carinho dos animais? Ou casos incríveis como o do leopardo que, por defesa, após matar uma fêmea do macaco babuíno, adota e protege o macaquinho babuíno nascido no instante em que a mãe foi morta?



Exemplos como esses comovem e nos fazem pensar: Estaríamos nós fazendo bom uso do poder que a natureza nos deu? Seríamos capazes de influenciar nossas mentes a viver com mais freqüência sob a emoção do amor?

Aparentemente, segundo estudos feitos pelo Professor Semir Zeki na Universidade UCL, amor e ódio partilham do mesmo circuito cerebral. A única diferença entre os dois é que partes do cérebro relacionadas ao raciocínio não são desligadas sob a emoção de ódio, enquanto o julgamento é severamente afetado pelo amor. Se amor e ódio dividem o mesmo circuito cerebral e o raciocínio lógico não é desligado sob o efeito do ódio, acredito que aí resida o livre arbítrio e a chance de nos movimentarmos, conscientes, em direção a energia do amor.

É claro que nem sempre é tão simples assim, pois às vezes nos vemos diante de desafios tão intensos e complexos, que estes turvam a nossa visão e raciocínio. No entanto, só para partilhar mais um pedacinho de ciência, segundo Jill Botle Taylor, neuroanatomista afiliada à Universidade Escola de Medicina de Indiana, embora existam alguns programas emocionais que podem ser acionados automaticamente - por exemplo, a raiva - estes, uma vez detonados, os componentes químicos liberados pelo cérebro, provocando uma resposta fisiológica, levam menos de 90 segundos para percorrer a corrente sanguínea e serem completamente eliminados do sistema. A relevância desse fato é que após 90 segundos continuar sentindo raiva é uma questão de escolha. O que quero dizer com isso?

Bem, se algo o aborrecer, respire fundo e espere apenas 90 segundos, pois durante esse tempo você estará sob o efeito de componentes químicos que foram lançados na corrente sanguínea. Daí em diante, as chances de conseguir usar o bom senso e a razão, dissipar o sentimento da raiva ou do ódio e retornar à energia do amor são bem maiores. Pois lembrem, além da energia do amor ser a vibração nota dez, ela constrói, transforma, cura e nos faz enxergar o mundo com óculos cor-de-rosa. Nos tempos de hoje acredito que esse seja o sentimento e a energia que mais precisamos: o Amor!

Feliz Dia dos Namorados!
Rosanne Martins




03/06/2011 14:09:36
Rosanne Martins na Revista Malu desta semana!
Tag: Imagem




27/05/2011 15:30:08
Casamento e Dinheiro
Tag: Texto

Quem não deseja casar ou ter a companhia de uma pessoa querida com quem partilhar o dia-a-dia? Alguém com quem ir a um bom restaurante, saborear um vinho gostoso, o cineminha no final de semana para relaxar ou ainda aquela viagem às regiões serranas, durante o inverno, curtir o friozinho e o fogo de uma lareira.

Ah, não é uma benção poder ter tudo isso? A vida é feita de pequenas alegrias e é tão importante a gente saber e poder aproveitá-las quando as oportunidades surgem. No entanto, penso que oportunidades somos nós que criamos e de muitas maneiras.

Por mais que possamos ser céticos ou não compreender muito bem o poder que temos de criar tudo o que está a nossa volta, uma coisa é certa: Ninguém, a não ser nós mesmos somos os responsáveis pela vida que hoje temos. Se temos saúde ou não, se estamos em forma ou não, se temos dívidas ou não e até mesmo se estamos sozinhos ou não, fomos nós quem nos colocamos nessa situação. Com certeza ninguém nos forçou a, por exemplo, fumar e cometer excessos prejudiciais à saúde ou a fazer dívidas que não tínhamos condições de sanar.

Claro, justificavas do motivo pelo qual agimos de uma forma ou de outra talvez tenhamos muitas. No entanto, ainda assim, a responsabilidade pelas conseqüências dos nossos atos, ou seja, pela maneira como agimos e reagimos aos estímulos externos é, exclusivamente, nossa!

Quem já leu o livro “Por Que Sonhar Se Não Para Realizar” sabe que lá coloquei uma fórmula cuja idéia básica é a seguinte: Todo resultado (R) que você experimenta em sua vida (não importa se sucesso ou fracasso, riqueza ou pobreza, saúde ou doença, felicidade ou frustração) é uma conseqüência da maneira como você respondeu (r) a um evento (e) anterior. Portanto:
(e + r = R).

Ora, responsabilizarmos ou culparmos o evento (e) não vai mudar o resultado (R), pois o evento já passou. Porém, se quisermos colher um novo resultado (R) teremos que mudar a nossa resposta (r) ao evento (e). O que isso significa é que se algo não está dando certo na nossa vida é hora de pensar em mudar a estratégia, ou seja, mudar a resposta (r) para colher um resultado diferente!

Eu sei, esse é um assunto bem polêmico e consigo mesmo ouvir vozes e reações contrárias a esse pensamento e colocação. No entanto, o que é melhor? Experimentar mudar a estratégia e colher um resultado diferente, com chances de aprimorar o que não está bom ou continuar com as justificativas, culpando o evento, e permanecer infeliz ou desgostoso com a vida que leva?

Penso que essa fórmula simples pode nos ajudar muito em toda e qualquer situação de desafio, dificuldade ou insatisfação, e foi pensando nela que decidi falar sobre uma nova estratégia relacionada ao amor e dinheiro.

Quero lembrar aos amigos e leitores que não sou expert em Feng Shui! Porém, vocês, com certeza, lembrarão das minhas palavras na newsletter de janeiro: O ano do Coelho Dourado, 2011, não somente será um ano repleto de barulhos produzidos por sons de elementos que colidem, mas também será o ano em que o potencial de se fazer dinheiro estará presente.

Infelizmente já tivemos muitos desastres naturais, mas esta é uma questão mundial de conscientização do que estamos fazendo com o nosso planeta e não compete a nós querer resolver aqui. Porém, pensei que há algo, sim, que podemos fazer para entrar em contato com essa energia e potencial de atrairmos mais dinheiro e felicidades para as nossas vidas, e decidi partilhar com vocês essa estratégia do Feng Shui.

Não posso explicar aqui todos os detalhes e porquês do que vou revelar, pois a prática do Feng Shui é, ao mesmo tempo, simples, complexa e longa (parece contraditório, mas não é), então vou comentar apenas o que pode ser feito nesses dois sentidos: atrair bons relacionamentos e dinheiro.

O que fazer para atrair:

a) Bons Relacionamentos: Posicione-se de pé, no centro da sua casa ou apartamento e com o auxílio de uma bússola (boa) determine as direções norte, sul, leste e oeste da sua residência. Divida o espaço em nove áreas iguais, como mostra o desenho, e determine o quadrado correspondente à direção sudoeste (SO).



O local encontrado, ou seja, a parede sudoeste da casa ou de qualquer cômodo que você deseje ativar corresponde à área dos relacionamentos. Aí você poderá ativar as energias correspondentes a essa direção usando, por exemplo, elementos de decoração que se harmonizam com a direção sudoeste, cujo elemento é terra: cerâmica, cristais e tudo que for da terra vai bem aqui. A cor vermelha (fogo) é muito bem vinda, pois ajudará a criar mais energia da terra. Pendure quadros, por exemplo, que simbolizem o amor. Nunca coloque a sua foto sozinha ou sozinho! Iluminar o local também ajudará a atrair o amor e mais harmonia. O ano de 2011 é especialmente favorável aos solteiros. Então, por que não tentar? Bem, isso não significa dizer que os casados também não poderão se beneficiar das energias dessa área, então vale para todos, solteiros e casados.

b) Dinheiro: No ano de 2011 de acordo com o Feng Shui chamado “Flying Stars” a direção noroeste nos traz possibilidades de ganhos financeiros, então é essa área da casa que desejamos ativar as energias, certo?
Repita o mesmo procedimento anterior que foi feito para encontrar a direção sudoeste e encontre a parede noroeste (NO) da sua casa ou apartamento. O elemento correspondente a essa direção é o metal e para criarmos essa energia devemos usar, mais uma vez, os elementos da terra. Então, abuse dos vasos de cerâmica e peças naturais. Porém, para tornar essa energia ainda melhor instale nesse local uma fonte com água corrente. Se você for fã de Feng Shui e quiser incrementar coloque na fonte seis pássaros e dois dragões. Mantenha, também, essa região da casa iluminada e com música. Tudo ajudará a atrair as energias positivas do dinheiro.

Lembrem, são apenas estratégias que não farão nenhum mal tentar. Se você está curioso se instalei fontes em minha casa e ativei a área dos relacionamentos a resposta é: Lógico! :-)

Boa Sorte e até a próxima news!
Beijo carinhoso,
Rosanne Martins



03/05/2011 19:16:54
Convite: Feira do Livro no Colégio Oemar
Tag: Imagem




02/05/2011 13:53:23
Rosanne Martins é entrevistada pela Radio Canada International
Tag: Texto

Brasileira relata experiência canadense em livro de auto-ajuda

A história da carioca Rosanne Martins está longe de ser um conto de fadas. Muito pelo contrário. Foi a partir de uma experiência traumática vivida por ela e sua família que Rosanne conseguiu realizar um sonho: morar fora do Brasil. O país escolhido foi o Canadá.

Em 1997, Rosanne recebeu a notícia que anos depois a levaria ao Canadá e mudaria o rumo de sua vida. Depois de 18 anos de trabalho para uma empresa norte-americana com sede no Brasil, seu marido havia sido despedido sem muitas explicações.

A procura por um novo emprego levou dois anos, mas apesar de todas as dificuldades enfrentadas, Rosanne diz que jamais abandonou seu sonho. Foi então que surgiu, finalmente, a oportunidade de morar em Winnipeg.

Toda esta experiência e os caminhos que tomaram sua história estão no seu livro “Por que sonhar se não para realizar?”. Com um misto de auto-ajuda e relato pessoal, Rosanne conta como é possível realizar nossos desejos.

A colaboradora Cristiane Hirata conversou com Rosanne Martins.

Clique no link abaixo para ouvir a entrevista:
www.rcinet.ca/radio

Link para o site da RCI:
www.rcinet.ca



01/05/2011 21:53:50
Mães e Mulheres
Tag: Texto


Escrever sobre o Dia das Mães não é uma tarefa fácil. Afinal, muitos escritores, músicos e poetas já exploraram o tema com grande beleza e verdade. Falaram da nobreza dos sentimentos maternos, do amor incondicional e afirmaram que: “Mãe não tem limite, é tempo sem hora, veludo escondido na pela enrugada”. Sim, tudo isso é verdade... E muito mais...

São as horas da madrugada em claro com o bebê que não dorme, com o jovem que não retorna da balada até o alvorecer, e com o adulto que estende a noitada até o café-da-manhã do dia seguinte. São as lágrimas de tristeza e preocupação com o adolescente intransigente, mas é peito inchado e orgulhoso no dia da formatura. É tristeza devastadora no dia em que o filho parte em busca de um capricho e alegria sublime quando, tempos depois, ele retorna sorridente e com saudades! É felicidade pela conquista do primeiro emprego e ombro amigo a consolar as desilusões com os relacionamentos. É querer participar e errar sem jamais ter tido a chance de aprender. Pois não há escolas, mas sim o envelhecer. Ah, se soubéssemos ontem o que sabemos hoje!

São muitas as figuras maternas que se tornaram públicas e acabaram eternizando os louváveis conceitos do que é ser mãe. De Maria, mãe de Jesus, à saudosa Princesa Diana e à incrível figura humanitária de Madre Teresa de Calcutá, amada e chamada de mãe pelos pequenos das favelas de Calcutá, devido à extraordinária habilidade de comunicação que tinha com as crianças, podemos dizer, sem medo de errar, que por trás de todas essas mulheres fortes e carismáticas existiram outras mulheres, igualmente mães ou simplesmente mulheres, amigas e solidárias.

Mães estão sempre prontas a encorajar os filhos. Não faltam idéias ou argumentos capazes de incentivar a criança, o adolescente ou o adulto, mas vale lembrar que mães também precisam de apoio. Sozinhas, muitas vezes procuram no silêncio a solução para o que ficou no passado e já não pode ser mudado. Ah, se soubéssemos ontem o que sabemos hoje!

Que no dia oito de maio de 2011 todos nós possamos olhar para as mulheres mães ou simplesmente amigas e oferecer a elas não somente um abraço apertado e um beijo carinhoso, mas uma palavra de apoio e agradecimento. Pois também elas, as super-heroínas, precisam de suporte. Que elas possam ser vistas, compreendidas e reverenciadas como seres humanos comuns e incompletos, por vezes, incoerentes e temperamentais, mas possuidoras de um sonho único e extraordinário: o desejo de acertar na criação dos filhos para que eles conquistem a felicidade máxima.

Com carinho, dedico a minha poesia às mulheres mães e amigas. Mas antes, se você estiver pensando em presentear a sua mamãe, que tal um livro ou Audio-livro? Para adquirir basta ir ao site www.rosannemartins.com.br e clicar no item desejado. Ah, você ainda poderá imprimir a poesia abaixo e completar seu presente. FELIZ DIA DAS MÃES!

Menina em Flor

Do aconchego e calor,
Embalada pelo amor,
Nasceu menina em flor!

Fruto puro e criador,
De laços fortes de amor,
Declarados ao escultor!

Cresceu menina e agora adolescente,
A palavra é certeira, quase irreverente.
O coração não fere, ele é o sonhador
Incondicional, da menina em flor!

A sensualidade é parte da idade.
Tempos de festa e muita vaidade!
Acreditou ser mulher, pura ilusão.
Inocente, entregou seu coração!

De véu e grinalda subiu ao altar.
É dia de festa, vamos comemorar.
Valsa dos noivos, hora de aplaudir.
Noite avançada, melhor se despedir.

Notícia surpresa é o pombo correio!
O que ele trouxe, quem veio?
Não sei, mas é promessa de amor...
De quem? Uma menina em flor!

Por Rosanne Martins
08/05/2011

Feliz dia das mães!









11/04/2011 11:50:00
Qual o significado da Páscoa para você?
Tag: Texto



Ah, eu adoro a Páscoa! Sempre gostei, desde criança. Lembro que ainda menina adorava ir à igreja no Domingo de Ramos, que dá início à Semana Santa, e entrar numa das longas filas que se formavam para receber ramos de folhas secas e bentas de palmeira. Acreditava ter proteção garantida ao queimar essas folhas nos dias de tempestades muito fortes!

Longe de compreender o significado de todo aquele ritual eu também adorava assistir aos filmes da Paixão de Cristo exibidos pela igreja. Era hora de encontrar os amigos, bater papo, comer amendoim e mascar chicletes!

Anos depois compreendi que o domingo é assim chamado porque o povo cortou ramos de folha de palmeira para cobrir o chão onde Jesus passou ao entrar triunfante em Jerusalém. No entanto, despertou nos sacerdotes e homens da lei muita inveja e desconfiança por medo da perderem o poder, o que gerou uma trama para condenar Jesus à morte.

Depois veio a associação da data aos esperados feriados da Páscoa para fugir do stress do trabalho diário. Era hora de aproveitar e descansar um pouco, longe da cidade e da agitação. Porém, não podia esquecer que não se come carne na Sexta-Feira Santa. Para os cristãos é o Dia da Paixão de Cristo, quando ele foi julgado, crucificado e morto.

Mais tarde o comércio se incumbiu de gravar em minha mente mais uma delícia: os túneis coloridos de ovinhos de chocolates pendurados nas sessões de balas e doces dos supermercados. Como resistir a essas tentações e não voltar para casa com algumas dúzias de ovos enfeitados? Claro, para presentear os amigos e parentes!

Os anos passaram e colecionei mais uma boa lembrança na minha lista – o nascimento do meu primeiro filho, que aconteceu exatamente nessa época do ano! A partir daí começaram as minhas reflexões sobre o verdadeiro significado da Páscoa não somente para o mundo, mas principalmente para mim. É esse sentimento que compartilho com vocês.

Hoje, em meu coração, a Páscoa é um misto de todas essas agradáveis experiências que vivi no passado. Mas às experiências somou-se, também, o conhecimento de que a comemoração da Páscoa está relacionada não somente a morte e a ressurreição de Cristo, significando vida eterna para todos que acreditam Nele, mas também se relaciona à chegada da primavera, no hemisfério norte, e ao renascimento. É hora de colher o que foi plantado e renovar as esperanças. Ter a expectativa de que algo muito bom virá.

Independente da sua orientação religiosa é sob essa crença e influência cósmica que eu convido todos vocês a refletirem sobre o verdadeiro significado da Páscoa e sobre as expectativas que têm.

Estariam as suas esperanças ligadas à crença saudável e construtiva do recomeçar, do desabrochar para novo, do nascer para algo bom e inédito?

Lembrem-se, os famosos e deliciosos ovinhos significam fertilidade, nascimento, renovação e representam “a semente da vida”.

É meu desejo que nessa Páscoa você renasça para uma vida cheia de alegrias e realização de sonhos!

FELIZ PÁSCOA e um beijo carinhoso!

Rosanne Martins

PS: Nessa Páscoa, seja original e dê de presente o Audiolivro, “Por que sonhar se não para realizar?” Para adquirir basta ir ao site www.rosannemartins.com.br e clicar em “Lançamento Audiobook”! Ah, e não esqueça de espalhar a notícia. Afinal, os seus amigos podem estar a procura de algo inédito! :)



07/04/2011 11:17:45
Rosanne Martins no Espaço Social Ultrafarma
Tag: Imagem




02/04/2011 20:30:14
Forbidden Healing
Tag: Texto



If you got this twice, please disregard it.

Hello to all my friends from Canada and the States,

Here is Rosanne Martins! I know, long time no see... but I am here for a special reason. Please, continue reading...

You may use or not herbal medicine, but I believe we all have the right to decide what kind of medicine we want to take when we need it: Allopathic or Natural Plant Remedies.

However, please, watch the video below (link) and see for yourself what the European Union and the Pharmaceutical Industry is about to do: They won’t let you have Natural Plant Remedies. Please, scroll down the page and sign the petition now. Then, forward this e-mail to your friends!

***********************************************************************************************************************

Dear All,
This is a video with important information on the new European directive against natural health and herbal remedies. Please watch it and then sign the petition.
www.savenaturalhealth.eu Thank you.

Christine Horner

* You have received this email because you have provided us with your email address when registering with the clinic. If you would prefer not receive communications from us via email please reply to this so that we can remove you from our mailing list. Thank you.



17/03/2011 16:05:23
"LER ESCUTANDO"
Tag: Texto

“Ler Escutando”

Nesse mês de março a minha grande alegria e novidade é o lançamento pela Editora Cakibooks do livro "Por Que Sonhar Se Não Para Realizar" no formato Audiolivro. A idéia principal é:
“ler escutando”!

Sou obrigada a confessar que não pertenço à Geração Internauta, mas adoro a tecnologia e as facilitações que ela trouxe para o século XXI. Hoje, tudo acontece em tempo real e as informações se propagam numa velocidade tão grande que fica difícil manter o conhecimento atualizado contando apenas com a literatura escrita. Assim, acredito que por este e outros motivos nasceu a literatura em áudio, recurso que hoje chamamos de Audiolivro ou Audiobook.

Os Audiolivros são narrações verbais de livros de diferentes gêneros, gravados em tapes ou CD’s. Encontrados em diferentes formatos, principalmente em MP3 e WMA, também podem ser baixados e ouvidos em qualquer tipo de mídia, desde tocadores de MP3, computadores ou outros aparelhos que suportam um ou mais formatos.

As vantagens do Audiolivro vão muito além do fato de que eles não tomam espaço na estante da nossa casa. Centenas de Aaudiolivros podem ser guardados em aparelhos de MP3 ocupando apenas megabytes, enquanto os livros tradicionais exigem um espaço físico razoável para serem guardados.

Os Audiolivros também se diferenciam dos tradicionais livros pela facilidade de transporte e porque trazem a possibilidade de curtirmos uma boa história, por exemplo, enquanto realizamos outras atividades como correr na academia, lavar, passar roupa, no trânsito, deitado numa praia ou ainda enquanto aguardamos numa sala de espera.

Pacientes hospitalizados ou em casas de repouso também podem se beneficiar muito do recurso em áudio, pois este pode trazer não somente o estímulo mental, sem que haja esforço físico, como também pode dar a essas pessoas a sensação de estar na companhia de alguém, no lugar de, talvez, permanecerem longos períodos sozinhos. E ainda vale mencionar a importância dos Audiolivros para pessoas com dificuldades visuais, pois muitos livros já podem ser ouvidos sem necessidade de serem lidos via método Braille.

Espero que vocês tenham gostado da novidade e, por favor, me ajudem a espalhar a notícia enviando este e-mail aos seus amigos.

Para adquirir o Audiolivro, "Por que sonhar se não para realizar?", basta clicar no site www.rosannemartins.com.br

Um abraço carinhoso,
Rosanne Martins





20/02/2011 22:37:35
Jornal O Estado de São Paulo
Tag: Imagem




20/02/2011 22:07:42
Jornal O Estado de São Paulo
Tag: PDF

Abrir texto



17/02/2011 08:27:06
O Universo Cíclico
Tag: Texto



Após passar sete dias no mar e ter a oportunidade de apreciar a natureza em toda a sua exuberância pensei que seria muito triste se o mundo, realmente, acabasse em 2012: rumores que rondam os nossos ouvidos nos últimos tempos.

Por que haveríamos de ser, de certa forma, os privilegiados da última geração a desfrutar maravilhas como, por exemplo, as águas verdes e transparentes do mar do Caribe com peixes ornamentais de beleza única?
Um arrepio frio percorreu a minha coluna enquanto mergulhei no oceano dos meus pensamentos. A majestosa proa do navio seguia em direção ao horizonte que parecia rescindir como uma miragem, hora verdadeira, hora fruto da minha imaginação e criação. Respirei fundo e vasculhei a minha mente em busca de respostas sobre o dia do amanhã.

Vivemos o final dos tempos e não do mundo! O amanhã será o início de um novo ciclo e, segundo muitos estudiosos e antigas tradições, o que estamos vivendo hoje é uma espécie de hiato no tempo. O ano de 2011 é um marco importante dessa lacuna da existência humana e terrestre. O mundo, como nós o conhecemos, cederá lugar ao nascimento de uma nova era, e a nós será dada a oportunidade de escolher. Como integrantes do universo em constante transformação seremos livres para escolher como desejamos nascer para o novo período. Pela primeira vez seremos capazes de acessar e manipular o DNA do nosso próprio nascimento, tamanho é o peso e a importância dos tempos em que vivemos.

O ano de 2011 brilha como uma estrela cadente anunciando a chegada do novo messias. Mas para haver nascimento é preciso morrer o velho e remover o asco que restou da existência de 5.125 anos, quando a terra e o nosso sistema solar atingirão um ponto das suas jornadas nos céus que marca o final de um ciclo. Aparentemente, antigas civilizações que viveram antes de nós sabiam que chegaríamos ao final dos tempos. Deixaram registros e datas. Por quê? Porque foi sempre assim e, provavelmente, sempre será. Segundo ótica cíclica do universo.

Felizmente voltei ao porto! Embora a sensação de estar no mar tenha permanecido por quase uma semana, os giros mentais encontraram, finalmente, a âncora. Ao mesmo tempo em que me sinto pequena demais para compreender todos os mistérios da vida, sei também que não estou só em meus questionamentos. Vejo que existe uma inquietação a nível mundial e intuímos que algo muito grande esta por vir.

Não precisamos olhar para a história ou para o registro de outros tempos para perceber que vivemos num mundo muito diferente daquele dos nossos antepassados, e me refiro apenas aos últimos cinqüenta anos. As mudanças climáticas, o esgotamento dos recursos naturais e a explosão demográfica em que vivemos nos sinalizam a urgência da mudança: Mudança de atitude e de visão. Somos partes de um todo único e orgânico. Isolados e ocupados com o próprio ego criamos o desequilíbrio. Agora é chegada a hora de nos unirmos para a nossa própria sobrevivência. Pense nisso, e venha partilhar a sua idéia comigo acessando o site www.rosannemartins.com.br.

Rosanne Martins


PS: No próximo dia 23 de fevereiro, quarta-feira, às 15 horas, estarei no Espaço Social Ultrafarma (Rua Isaias Salomão, 100 – Saúde), com a palestra “Defina a vida que deseja e crie um plano para conquistá-la”.

Tenha uma excelente semana!
Abraços,
Rosanne



25/01/2011 20:43:17
Organizar, Planejar e Agir pode salvar vidas e trazer riquezas
Tag: Imagem




28/12/2010 17:50:28
JP Online: Ano Novo Vida Nova - Planeje 2011
Tag: Texto

Escritora e palestrante motivacional Rosanne Martins revela o que fazer para cumprir as promessas

Quem nunca sonhou, de fato, em cumprir a clássica frase "Ano Novo, Vida Nova!"?

O problema é que a gente sempre trava nos obstáculos, já que não conquistamos as coisas em um estalar de dedos.

Qual será a fórmula para conseguir a motivação e promover uma grande guinada na vida? Sobre o tema, o repórter Fredy Júnior conversou com Rosanne Martins, escritora e palestrante motivacional. Ouça a entrevista.




21/12/2010 20:54:16
Ano Novo, Vida Nova
Tag: Texto

ENTREVISTA - TV CÂMARA - JORNAL DA CÂMARA Hoje, dia 22/12/10 às 12:45 Rosanne Martins fala de: Ano Novo, Vida Nova

Esse é um antigo clichê! Mas quem já não ouviu essa frase e desejou, verdadeiramente, dar uma grande guinada na vida e fazer tudo diferente desde o primeiro dia do novo ano? É, se reinventar e ter a audácia de conquistar sonhos escondidos ou deixados de lado! Já pensou que delícia se a gente pudésse estalar os dedos e conquistar tudo num passe de mágica?

Pois aqui vai a boa notícia: nós não somente podemos conquistar e realizar tudo o que desejamos como nem precisamos estalar os dedos! Basta apenas confiar em si próprio, ter alguma disciplina e seguir, deliberardamente, um objetivo pré-concebido. Você ainda não acredita ou pensa que isso tudo é uma grande enrrolação? Então, que tal iniciar o ano desafiando antigos julgamentos e mudando paradigmas? O pior que pode acontecer é dar certo e você ficar muito feliz com o resultado.

Um dos conceitos mais importantes usados por pessoas de sucesso é compreender que para tudo existe uma solução e nunca estamos paralisados. No entanto, o que habitualmente fazemos é recriar a mesma experiência repetidamente, mantendo as mesmas crenças, usando as mesmas palavras e fazendo as mesmas coisas. Não podemos colher resultados diferentes se fazemos sempre as mesmas coisas. Portanto, se você quer conquistar algo diferente no ano novo que se inicia é hora de mudar a estratégia!

Porém, antes de usar uma nova tática é preciso definir o que deseja fazer, ser e ter. Curiosamente, é muito comum não conseguirmos o que queremos simplesmente por que não decidimos o que queremos.

Hoje sabemos que respondemos ao que o nosso cérebro espera que aconteça, levando em consideração experiências anteriores, ou seja, através de uma vida de condicionamentos nosso cérebro aprende pelo que esperar. Uma vez que a mente espera que algo aconteça de determinada maneira, nós, com frequência, acabamos alcançando exatamente o que antecipamos. Daí a importância de definir com precisão aquilo que queremos e cultivar expectativas positivas em relação ao que desejamos alcançar. Em outras palavras é preciso acreditar!

Quando substituimos antigas expectativas de impossibilidade por algo que confiamos, a mente subconsciente, que é um organismo realizador de tarefas, trabalha, incansavelmente, 24 horas do dia até que a missão esteja completa, ou seja, até que o objetivo seja alcançado. Precisamos, apenas, definir claramente aonde queremos chegar e quando. Nem mesmo os meios necessitam ser conhecidos. Pois este trabalho pertence à mente criativa que opera num nível logo abaixo do consciente. Portanto, quanto menos interferimos com dúvidas ou ansiedade tanto melhor, pois somente assim abrimos espaço para que as idéias fluam. Como conseguimos isso? Acreditando.

Não queremos desperdiçar a nossa vida imaginando que não podemos! É uma questão de atitude; e esta nós podemos mudar a qualquer momento. Decida que você é capaz de conquistar qualquer coisa que queira e começe a trabalhar nessa direção agora!

Consulte o site www.rosannemartins.com e baixe o texto intitulado “MEUPLANO DE METAS PARA 2011”. Você o encontrará em Cadastre-se. É o meu presente, de coração, para o seu sucesso em 2011.

Ano Novo, Vida Nova!




06/12/2010 23:58:35
Missão de Paz - pps de Natal
Tag: PDF

Abrir texto



26/11/2010 20:16:39
Palestra - Quatro Etapas para o Sucesso
Tag: Imagem




15/11/2010 20:18:18
Como Conquistar Sonhos e Metas
Tag: Texto



Entrevista - Programa Última Palavra - Canal 28 Net - Ao Vivo.
Fim de ano é hora de estabelecer metas claras e precisas para realizar os sonhos no ano seguinte.O ano de 2011 será o melhor desde o ano 2000. Vamos plantar?

Não percam - Programa Última Palavra - Canal 28 Net - Ao vivo.

Dia 16 de novembro às 9h30 - Com Rosanne Martins



07/11/2010 18:27:21
Novidades - Novembro 2010
Tag: Imagem




26/08/2010 13:31:29
Rosanne Martins Novidades
Tag: Imagem




17/08/2010 15:48:24
Bienal do Livro 2010
Tag: Texto



POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR foi uma das primeiras obras brasileiras a ser digitalizada pela primeira Livraria virtual do Brasil, a Gato Sabido, numa parceria com a Editora Ciência Moderna. Atualmente, a Livraria Gato Sabido é a loja de E-books para a Submarino.com.
Para baixar o livro acesse: www.gatosabido.com.br



16/08/2010 22:43:28
Rosanne Martins conversa com Marta Corrêa na Just TV
Tag: Mídia




14/08/2010 00:08:03
Entrevista - Programa Esquina da Cultura na Web TV - Just TV com Marta Corrêa
Tag: Texto



Marta, você é muito simpática e excelente comunicadora. Adorei nosso bate-papo no último sábado 14 de agosto. Grande abraço!



29/07/2010 18:53:45
Agenda Agosto e Setembro
Tag: Imagem




29/07/2010 18:49:56
Entrevista - Programa Olga Bongiovanni
Tag: Mídia




29/07/2010 18:48:46
Ironia: somos a única espécie...
Tag: PDF

Abrir texto



29/07/2010 18:47:01
Quatro Etapas Para o Sucesso
Tag: Imagem




29/07/2010 18:45:00
Somos tão pequenos quanto nossos pensamentos...
Tag: PDF

Abrir texto



29/07/2010 18:42:26
Estabeleça Seus Sonhos e Metas
Tag: Imagem




29/07/2010 18:40:43
Palestra na Saraiva MegaStore
Tag: Imagem




29/07/2010 18:27:05
É duro fracassar, mas pior ainda é não persistir!
Tag: PDF

Abrir texto



29/07/2010 18:25:43
Desculpas? Nunca Mais (adendo)
Tag: Imagem




29/07/2010 18:24:16
Desculpas? Nunca Mais
Tag: Imagem




29/07/2010 18:22:33
Rosanne Martins no Programa Espaço Vida
Tag: Mídia




29/07/2010 18:19:49
Entrevista Programa
Tag: Mídia




29/07/2010 18:18:29
Quem você é reside no poder do que pensa
Tag: PDF

Abrir texto



29/07/2010 18:16:51
O que são nossas crenças?
Tag: Imagem




29/07/2010 18:15:31
COMECE 2013 COM O PÉ DIREITO
Tag: Mídia




Video Graphos Home | Apresentação | Quem sou | Meu trabalho | Livros | Crônicas & Poesias
Auto-cura | Cadastre-se | Atividades e Palestras | Imprensa | Contato | Links

English version
© 2017 Rosanne Martins - Direitos Reservados